quarta-feira, 13 de novembro de 2019
DESIGUALDADE SALARIAL
De acordo com o estudo publicado, nesta quarta-feira (13/11), o rendimento médio mensal dos brancos é de R$ 2.796, enquanto o de negros e pardos é de R$ 1.608

No mês em que se celebra o Dia Nacional da Consciência Negra, um estudo Desigualdades Sociais por Cor ou Raça no Brasil divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que o rendimento de pessoas brancas é 73,9% maior do que o da população negra. De acordo com o estudo publicado, nesta quarta-feira (13/11), o rendimento médio mensal dos brancos é de R$ 2.796, enquanto o de negros e pardos é de R$ 1.608. Uma diferença maior que R$ 1 mil. 

Segundo o IBGE, a desigualdade salarial pode ser vista tanto nos estados que apresentaram os menores rendimentos, quanto nos estados que registraram rendimentos mais elevados, como o Distrito Federal. No DF, o percentual da diferença salarial média é um pouco menor que a nacional, mas ainda assim é alto. 
Resultado de imagem para NEGROS POBRES
De acordo com o estudo publicado, nesta quarta-feira. 
O rendimento médio mensal da população de pessoas brancas, que é de R$ 4.795, foi 53,3% superior ao da população de negros, que ganha em média R$ 3.127 por mês. Assim como no Brasil, no DF, a diferença no rendimento dos brancos e negros é vista nas ocupações formais e, também, nas informais. 

A diferença salarial também pode ser vista quando o recorte é o grupo que tem os maiores rendimentos. Apesar da população negra ser maioria no Brasil, o grupo representou apenas 27,7% das pessoas dos 10% com os maiores rendimentos do país. 

O cenário da desigualdade salarial entre brancos e negros se mantém independente do nível de instrução das pessoas empregadas, mas a maior diferença pode ser notada entre as pessoas que possuem o ensino superior completo. 

Além do salário, a desigualdade racial pode ser vista também na ocupação dos cargos de gerência. A maioria destes cargos, 68,6%, é ocupada por pessoas brancas, enquanto os negros ocupam 29,9%. 

MARIA EDUARDA CARDIM
EDIÇÃO DE ANB

LUTO

Faleceu no último sábado (09), o premiado artista plástico, professor e  arte-educador Ciro Falcão, aos 67 anos. O velório foi  realizado na Central da Pax, na Rua Grande, em São Luís.
O artista destacava a cultura popular maranhense em suas obras e também promovia oficinas na capital. 
Ciro Falcão foi um grande artista plástico maranhense e faleceu aos 67 anos — Foto: Pigmum Blog
AOS 67 ANOS premiado artista plástico, professor e  arte-educador Ciro Falcão faleceu no último sábado; ele deixará saudades. 
Ciro Falcão era natural de São Luís e já havia feito várias exposições no Maranhão e no Rio de Janeiro com "Janela Colonial" e "Conexão Maranhão". Em sua arte, ele tinha um jeito único de apresentar a cultura popular maranhense dentro da pintura.

Jeanine Áñez

 

O governo brasileiro reconheceu a senadora Jeanine Áñez como nova presidente da Bolívia. Em publicação no Twitter, o Ministério das Relações Exteriores saudou a determinação de Jeanine em trabalhar pela realização de novas eleições e diz que quer aprofundar a “fraterna amizade” entre Brasil e Bolívia.
“O governo brasileiro congratula a senadora Jeanine Áñez por assumir constitucionalmente a Presidência da Bolívia e saúda sua determinação de trabalhar pela pacificação do país e pela pronta realização de eleições gerais. O Brasil deseja aprofundar a fraterna amizade com a Bolívia”, diz a publicação.
Resultado de imagem para Jeanine Áñez
BRASIL RECONHECEU Jeanine Áñez anunciou que decidiu "assumir imediatamente" a presidência.
A senadora do partido oposicionista Unidad Demócrata declarou-se presidente da Bolívia nesta terça-feira (12). "Assumo imediatamente a Presidência", disse Jeanine, embora a bancada do MAS, partido liderado pelo ex-presidente Evo Morales, não estivesse presente no Congresso. Morales chegou ontem ao México, país que lhe concedeu asilo político após a renúncia à Presidência da República.
Jeanine Áñez anunciou que decidiu "assumir imediatamente" a presidência da Bolívia, em seu novo status de líder do Senado, depois de considerar que no país havia uma situação de vacância, devido à renúncia do ex-chefe de Estado, Evo Morales, e do vice-presidente Álvaro García Linera.
Também renunciaram aos cargos os presidentes do Senado e da Câmara e o primeiro vice-presidente do Senado. Como segunda vice-presidente da Casa, Jeanine Áñez entendeu que cabia a ela assumir o posto deixado vago por Morales.
ANDREIA VERDÉLIO
EDIÇÃO DE ANB ONLINE
terça-feira, 12 de novembro de 2019

Festival Maranhense de Teatro Estudantil começa nesta quarta-feira


O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secma) e do Centro de Artes Cênicas do Estado (Cacem), realiza nesta quarta-feira (13) a abertura oficial da 23ª edição do Festival Maranhense de Teatro (Femate).

O evento acontece no Teatro Alcione Nazaré, Centro de Criatividade Odylo Costa filho e Centro Histórico de São Luís, a partir das 14h, com apresentação do espetáculo ‘Nobre Teatro Noh’, encenado pelos alunos do Cacem com direção do professor Eduardo Medeiros.

A mostra competitiva acontece nesta e na outra semana, dias 13 e 14, 20 e 21. Na programação desta quarta-feira(13), participam as escolas Viva a Vida, com o espetáculo ‘Rei Leão’, UI Vila Embratel, com a peça ‘Circo picadeiro da alegria’, e a UEB Rosário Nina, e o espetáculo ‘A Floresta dos Guarás’.
A premiação acontecerá no dia 27 de novembro, com a entrega do Troféu Cosme Júnior.

O Festival acontece no Teatro Alcione Nazaré, sempre a partir das 14h, com entrada franca. Na programação, espetáculos de escolas de São Luís, Alto Alegre, Miranda do Norte, Axixá, Santa Inês, Alcântara, Imperatriz e Rosário.

Voltado para as escolas do Ensino Fundamental e Médio das redes municipal, estadual, federal, privada e comunitária, o Femate é uma mostra competitiva que incentiva o teatro na escola, formando atores e apreciadores da cultura, facilitando o contato do jovem com diversas linguagens artísticas.

A premiação acontecerá no dia 27 de novembro, com a entrega do Troféu Cosme Júnior, nas categorias melhor espetáculo, melhor ator/atriz, direção, figurino, cenário, ator/atriz revelação.

SERVIÇO:

O QUÊ: Abertura do 23º Festival Maranhense de Teatro Estudantil
QUANDO: Nesta quarta-feira (13), às 14h
ONDE: Teatro Alcione Nazaré, Centro de Criatividade Odylo Costa filho, Centro Histórico de São Luís


MATÉRIA ENVIADA PELA SECRETARIA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL E ASSUNTOS POLÍTICOS DO GOVERNO DO MARANHÃO 

BALDE DE ÁGUA FRIA Ministro do Supremo Marco Aurlio Mello cometera crime de responsabilidade“Resta saber se vai haver aprovação. Eu, quando estive na atuação no TSE, na aprovação dos últimos partidos, eu votei pela desaprovação. Eu creio que o Brasil já tem partidos em demasia. Ao invés de se buscar a correção do fundo, se busca a correção da forma, da vitrine”. 

O ministro Marco Aurélio a jornalistas, antes de participar da sessão da Primeira Turma do STF nesta tarde, ao criticar intenção do presidente de criar um novo partido. 
Resultado supera em quase 50% o alcançado em todo o ano de 2018

A apreensão de cocaína pela Receita Federal alcançou a marca de 47,1 toneladas no período de janeiro a outubro de 2019. O resultado, que é o recorde histórico da instituição, já supera em quase 50% o alcançado em todo o ano de 2018, quando as apreensões totalizaram 31,5 toneladas.

As principais apreensões neste ano ocorreram nos portos de Santos/SP (18,9 toneladas), Paranaguá-PR (13,5 toneladas), Natal/RN (4,4 toneladas) e Itajaí (3,7 toneladas) e foram identificadas, em sua maioria, em cargas que seriam exportadas para a Europa e a África.
Resultado de imagem para receita federal
PÓ Para o subsecretário de Administração Aduaneira, Fausto Vieira Coutinho, o incremento no volume de apreensões de drogas está relacionado ao aperfeiçoamento das técnicas de controle. 
Para o subsecretário de Administração Aduaneira da Receita Federal, Fausto Vieira Coutinho, o incremento no volume de apreensões de drogas está relacionado ao aperfeiçoamento das técnicas de controle aduaneiro com uso intensivo de gestão de riscos, de ações de inteligência e de integração institucional.

De acordo com o subsecretário, o resultado é fruto do investimento em tecnologia, capacitação dos servidores e utilização do equipamento adequado como scanners, cães de faro e a própria intensificação das operações de vigilância e repressão aduaneira.

Matéria enviada pela Seção de Comunicação Institucional RFB
Superintendência Regional da Receita Federal do Brasil da 10ª Região Fiscal
Com edição de ANB 

Após agressão física a jornalista, redes são palco de onda de incitação à violência

A agressão física de Augusto Nunes contra Glenn Greenwald, após uma discussão acalorada, deu início a uma onda de ataques à imprensa, na internet, como poucas vezes vimos nos últimos anos no Brasil.Após agressão física a jornalista, redes são palco de onda de incitação à violênciaA cena de violência, difundida exponencialmente nas redes sociais na última quinta-feira, 7.nov.2019, passou a ser usada a seguir como exemplo de comportamento a ser adotado pelos descontentes com a imprensa em geral – a despeito do episódio em si envolver desavenças e comentários de cunho pessoal entre Nunes e Greenwald.

Como em outras ocasiões, membros do governo e pessoas influentes no poder difundiram mensagens de incitação direta à violência, como no caso de Olavo de Carvalho, ou de aprovação velada, como no caso de um dos filhos do presidente, Carlos Bolsonaro.

A Abraji emite notas sobre ameaças a jornalistas no exercício da profissão. O debate ocorrido na emissora não corresponde a esse parâmetro. Entretanto, a onda de reações que se seguiu ao episódio dispara um alerta que não pode ser ignorado a respeito do estágio que a hostilidade aos jornalistas e aos veículos de imprensa atingiu no Brasil. Quem atiça esse clima de hostilidade tem intenção de calar vozes críticas e sufocar a liberdade de expressão - sem ela, as outras liberdades também morrerão.

Diretoria da Abraji, 7 de novembro de 2019.

As novas regras para a aposentadoria entram em vigor imediatamente


Quase nove meses depois de ser oficialmente proposta pelo governo, nesta terça-feira (12), deputados e senadores, em uma sessão conjunta do Congresso Nacional, promulgaram a reforma da Previdência. O texto altera regras de aposentadorias e pensões para mais de 72 milhões de pessoas, entre trabalhadores do setor privado que estão na ativa e servidores públicos federais.

Considerada um marco dos 300 dias do governo Bolsonaro, a solenidade presidida pelo presidente do Congresso, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) também foi acompanhada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Alcolumbre minimizou a ausência do presidente da República, Jair Bolsonaro e do ministro da Economia,Paulo Guedes na sessão. “Eu acho que não é sinal de nada. A gente ás vezes faz um cavalo de batalha por uma fotografia. As emendas constitucionais sempre foram promulgadas em sessões solenes especiais do Parlamento brasileiro. Nessas sessões muitas delas o presidente da República e ministros não vieram. Não será a presença do presidente da República ou do ministro que vai chancelar esse encontro, essa promulgação”, avaliou Alcolumbre ao chegar ao Senado.
Resultado de imagem para REFORMA PREVIDENCIA
A proposta inicial do governo previa economia de R$ 1,2 trilhão em 10 anos. Com as alterações feitas pelo Congresso, caiu para R$ 800 bilhões no mesmo período.
O presidente do Senado destacou ainda a importância do trabalho do Congresso na aprovação da reforma da Previdência. “Promulgaremos as mudanças no sistema previdenciário brasileiro, o maior dos últimos 30 anos. Isso foi um esforço coletivo, de todos os parlamentares, da Câmara dos Deputados, dos senadores”, disse. Ainda segundo ele, a ideia é que hoje ainda a Casa vote o segundo turno da Pec Paralela à reforma da Previdência. Se aprovado, com o mínimo de 49 votos no plenário, o texto - que abre caminho para que estados e municípios adotem as mesmas regras para seus servidores por meio de uma lei ordinária - seguirá para análise dos deputados, onde terá que passar por uma Comissão Especial e por dois turnos de votação.
A proposta inicial do governo previa economia de R$ 1,2 trilhão em 10 anos. Com as alterações feitas pelo Congresso, caiu para R$ 800 bilhões no mesmo período. As regras da reforma entram em vigor imediatamente com a promulgação da emenda constitucional.
Texto alterado às 11h23 para correção. Diferentemente do informado, os ministros Paulo Guedes (Economia), Onyx Lorenzoni (Casa Civil) e o secretário especial de Trabalho e Previdência do Ministério da Economia, Rogério Marinho, não participaram da sessão de promulgação da reforma da Previdência.
KARINE MELO
EDIÇÃO DE ANB 
segunda-feira, 11 de novembro de 2019
Funcionamento do comércio no feriado da Proclamação da República

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (Fecomércio-MA) informa que no dia 15 de novembro, feriado nacional da Proclamação da República, o comércio de São Luís poderá funcionar em horários especiais, respeitando o que estabelece a Convenção Coletiva ou ao termo aditivo firmado entre a Fecomércio-MA, os sindicatos patronais e o Sindicato dos Empregados no Comércio de São Luís.

De acordo com as regras estabelecidas na Convenção Coletiva, o comércio de rua pode funcionar das 8h às 14h e a lojas de shopping das 14h às 20h, mediante o pagamento de 100% sobre o valor da hora normal, gratificação de R$ 50,00 ao final do dia e recolhimento de R$ 5 por empregado em favor do Sindicato dos Comerciários.

Já segundo o termo aditivo, o horário poderá ser das 8h às 18h para o comércio de rua e das 10h às 22h para as lojas de shopping, mediante o pagamento de gratificação no valor de R$ 60 para o empregado e o recolhimento de uma taxa de R$ 10 em favor do Sindicato dos Comerciários.
As regras não se aplicam aos segmentos de supermercados e farmácias, consideradas atividades essenciais e que podem funcionar em horário livre nesse dia.

NOTA ENVIADA PELA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA FECOMÉRCIO-MA

Com forte retórica antipetista, o ex-presidenciável Ciro Gomes desferiu críticas ao ex-presidente, chamado por ele de...

Com forte retórica antipetista, o ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) desferiu críticas ao ex-presidente Lula (PT), chamado por ele de "encantador de serpentes", e atacou a postura do petista depois que foi libertado da prisão.
"Ele está fazendo de conta que é candidato, como se ele tivesse sido inocentado", disse o pedetista nesta segunda-feira (11).
"O Lula simplesmente está devolvido à rua, onde aguardará em liberdade como qualquer paciente tem direito de estar, aguardando o trânsito em julgado da sua sentença."
Ciro deu as declarações à imprensa ao chegar a uma palestra para alunos da FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas), na região central de São Paulo.
"O Lula é um encantador de serpentes. Eu o conheço muito de perto, há mais de 30 anos", descreveu.
O ex-presidenciável, que terminou as eleições de 2018 em terceiro lugar, evitou declarar apoio a Fernando Haddad (PT) no segundo turno e busca, desde então, se distanciar do petismo.
Entre os comentários, Ciro afirmou que Lula historicamente adota "a presunção de que as pessoas são ignorantes" e de que ele pode "navegar nisso" com base em intrigas e na "absoluta falta de escrúpulo que o caracteriza".
"E é lamentável, porque agora o mal que ele faz ao Brasil é muito grave, muito extenso", sentenciou ele, que foi ministro da Integração Nacional no governo Lula, entre 2003 e 2006.
O ex-presidenciável suavizou a fala ao dizer que, como cidadão, celebra a soltura do adversário, por achar que comemorar o fato de alguém estar preso não seja algo sadio. "Eu não sou nem bolsominion e tal."
Ciro reiterou ser contra a prisão imediata após condenação em segunda instância e se opor à aprovação de uma PEC (proposta de emenda à Constituição) no Congresso para reverter a posição cristalizada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) na semana passada.
Resultado de imagem para CIRO GOMES
O ex-presidenciável Ciro Gomes: "O Lula é um encantador de serpentes. Eu o conheço muito de perto, há mais de 30 anos".
Após a decisão da corte, na quinta-feira (7), Lula pediu para ser libertado e deixou a prisão no dia seguinte, sexta (8).

"Constituição não é cueca, que a gente fica trocando necessariamente pela sujeira do dia a dia. Eu estou falando com uma certa dureza porque, ou a gente se compenetra disso, ou este país vai virar definitivamente uma república de bananas", disse Ciro.

Para ele, que tem formação em direito, a Carta Magna é clara ao estabelecer a presunção de inocência até o trânsito em julgado da sentença condenatória.
"Contra essa cláusula, não pode haver emenda, porque é cláusula pétrea. O que nós precisamos corrigir no Brasil, e temos que fazê-lo seriamente, é acabar com a maluquice, que foi criada pela nossa elite para garantir a si mesma a impunidade, de ter quatro graus de jurisdição para crimes comuns."
Para o ex-ministro, o país precisa parar de fazer "não só legislação, mas também julgamentos, ao sabor dos humores do dia a dia", em uma alusão à mudança de entendimento do STF, que alterou a visão sobre o tema três vezes em 11 anos.
Ciro disse ainda que "o lulopetismo virou uma bola de chumbo amarrando o Brasil ao passado" e que a liberdade dele interessa também a seu maior antagonista, o presidente Jair Bolsonaro (PSL).
"Tudo o que eles querem é isso [polarização]. São as duas faces da mesma moeda", afirmou, chamando de semelhante a política econômica dos governos de ambos.
"Para não dizer que sejam iguais, há uma distinção aí: que o Lula paralisou as privatizações e usou as estatais para cooptar, subornar, comprar gente para o seu projeto de poder", disse, em referência aos esquemas revelados pela Operação Lava Jato em empresas como a Petrobras.
"E o Bolsonaro está acelerando as privatizações, internacionalizando dramaticamente a economia brasileira. E essa é a tragédia brasileira, uma polarização que é só no fetiche, só no adjetivo."
Ciro voltou a descartar uma aliança com o PT, partido que ele considera buscar um protagonismo no campo da esquerda sufocando outras siglas e líderes.
"Eu, enquanto puder andar no PDT, nunca mais andarei com a quadrilha que hoje hegemoniza o PT", afirmou.
Em uma contemporização, disse rechaçar os petistas "da burocracia", mas apoiar o que classificou como "petistas médios" (deu como exemplos da segunda categoria os governadores do Ceará, Camilo Santana, da Bahia, Rui Costa, e do Piauí, Wellington Dias)
"Meu problema é com a cúpula corrompida do lulopetismo. Com essa gente, não me junto nem para ir para o céu."

JOELMIR TAVARES
EDIÇÃO DE ANB 

Principais Notícias do Governo do Maranhão

Edição 11/11/2019

-Governador Flávio Dino acompanha lançamento de novo produto retornável da Coca Cola 

(https://bit.ly/2NZxsWA)

-Programa de rádios públicas do Nordeste estreia nesta segunda-feira (11) 

(https://bit.ly/2pSMFRj)

-Porto do Itaqui já supera movimentação de 2018

 (https://bit.ly/2O7FwEO

-Coroatá recebe novo poço do Governo do Estado 

(https://bit.ly/34TrUDw

-Centro Educa Mais Poeta Antônio José, em Santa Inês,receberá o primeiro Espaço Maker sustentável do MA 

(https://bit.ly/2X3S1VP)

-Governo reúne coordenadores de saúde mental para diálogo sobre Rede de Atenção Psicossocial  

(https://bit.ly/2KbDvX0)

-Feiras da Agritec movimentaram cerca de R$ 2 milhões na comercialização da agricultura familiar 

(https://bit.ly/2CBalMK)

-Caravana Quilombola atende comunidades de São Mateus 

(https://bit.ly/2pSNNEv

-Policiais Penitenciários do Maranhão concluem curso de Nivelamento da Força Tarefa de Intervenção Penitenciária


-Detran/MA realiza ação educativa na Feirinha da Praça Benedito Leite 

(https://bit.ly/2Cvn5UW

-Últimos dias de inscrições para o Concurso Literário Aluísio Azevedo: Vida e Obra 


-IEMA e Vale assinam termo de convênio 




BOLETIM ENVIADO PELA SECRETARIA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL E ASSUNTOS POLÍTICOS DO GOVERNO DO MARANHÃO

Órgãos do governo não tem estrutura para trabalhar contra a prática que explora recursos naturais de forma ilegal

O combate à biopirataria tem sido enfraquecido no governo Bolsonaro, o que tem deixado especialistas, movimentos sociais e populações tradicionais em estado de alerta. A prática, utilizada desde o período colonial, consiste na exploração e utilização de recursos naturais ou conhecimento tradicional de forma ilegal. A biopirataria também é responsável por causar danos ao meio ambiente, pois coloca em risco a biodiversidade de uma área explorada.

De acordo com o agrônomo Marciano Silva, que integra o Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e a Via Campesina Internacional, no governo Bolsonaro houve um esvaziamento de setores que atuavam contra a biopirataria no Brasil. 
A importância dos povos tradicionais para a preservação da biodiversidade é uma das bandeiras defendidas por especialistas - Créditos: Marcelo Camargo/Agência Brasil
A importância dos povos tradicionais para a preservação da biodiversidade é uma das bandeiras defendidas por especialistas.
“O Ibama está na situação de impossibilidade de trabalhar, sem infraestrutura, os profissionais que trabalhavam da temática foram deslocados para outros setores. Temos um passivo que muitas empresas acessaram, desenvolveram produtos, registraram patentes e não fizeram repartição do benefício. A discussão hoje, para nós, enquanto movimentos sociais, povos indígenas e tradicionais é que o nosso conhecimento e a nossa biodiversidade, nós é que detemos e fazemos a conservação, apesar do Estado brasileiro e de outros países terem tomado para si a responsabilidade, eles não têm condição de fazer”, afirmou em entrevista ao Programa BdF RJ.

O tema foi uma das discussões colocadas em pauta no "I Simpósio Brasileiro sobre Acesso ao Patrimônio Genético e Conhecimento Tradicional Associado: Interfaces entre Detentores, Academia, Empresas e Governo", que aconteceu na última semana na Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Ao todo, foram três dias de programação com mesas e palestras que buscaram aproximar os setores privado, público, acadêmico e tradicional no que diz respeito ao tema da biodiversidade.
“Essa discussão já vem sendo feita há anos, mas é a primeira vez que  a gente para pra discutir os quatro segmentos juntos para além da implementação da Lei 13.123/2015, que regulamenta o acesso ao patrimônio genético e ao conhecimento tradicional  por parte  da academia e das indústrias para o desenvolvimento do produto para pesquisa. Até o momento, não tinha havido um debate mais aprofundado entre esses setores”, destacou Silva.
O simpósio reuniu pesquisadores, pessoas da indústria, advogados, representantes de diferentes povos indígenas do país, comunidades tradicionais e de movimentos populares.
Jaqueline Deister
Com entrevista de Denise Viola
Edição de ANB Online
SÃO JOSÉ DE RIBAMAR ‘PEGANDO FOGO’
Prefeito substituto vai à reeleição daqui a 10 meses
Sampaio quer ser anunciado candidato do Governo muito antes disso

POR  FERNANDO ATALLAIA
EDITOR DE ELEIÇÕES DA AGÊNCIA BALUARTE

A tendência natural do prefeito que substituiu Fernando Moura da Silva na prefeitura da terceira maior cidade do Maranhão   é avançar em duas frentes políticas: conseguir verba para obras paliativas(piçarra fina, brita de quinta) com quem possa ou queira ‘investir’ em São José de Ribamar; ou, a 10 meses do pleito quando vai à reeleição em nome da velha política, ganhar o apoio oficial do Governo do Estado ao projeto continuísta.
ELE QUER SER O CANDIDATO DO GOVERNO O prefeito substituto Dr. Sampaio: caminho na emblemática e intrincada conjuntura política que...
Dr. Sampaio (PTB) se divide entre as duas opções. Sabe que precisa injetar ânimo na pré-candidatura, uma vez que é conhecido por muito falar aos ribamarenses, mas ruim de realizar na prática o que promete. O ‘diálogo’ com o Governo visa abrir caminho na emblemática e intrincada conjuntura política que aponta clara vitória de um pré-candidato a menos de 1 ano do  pleito.  Acima Dr. Sampaio em visita ao Governo do Estado.

Organizada a partir de uma iniciativa do presidente da Câmara Municipal de São Luís, a festa promovida pela Prefeitura teve uma programação que contou com...

Uma grande festa marcou o aniversário de 404 anos do bairro do São Francisco, em São Luís na noite do último sábado, 9 de novembro.
Organizada a partir de uma iniciativa do presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), a festa promovida pela Prefeitura teve uma programação que contou com shows de Jonas Esticado, Bruno Shinoda, DJ Pirata e Banda Circo Elétrico e reuniu centenas de moradores da comunidade e de toda a cidade.

Marlene Neres disse que sua família vive no São Francisco há 60 anos e que é a primeira vez que viu uma homenagem desta natureza.

“O São Francisco é um dos bairros mais antigos e mais tradicionais da nossa cidade, e de um povo muito acolhedor. E nada mais justo, nesta data, comemorar este, que é uma referência cultural para a cidade de São Luís e que ao longo dos tempos tem contribuído muito para a economia da cidade”, falou Osmar, que foi morador do bairro e que estava acompanhado da sua esposa, Clara Gomes.

Presente à festa, o senador Weverton Rocha (PDT) falou da importância da homenagem ao bairro. “São 404 anos de muita história, que se confunde com a fundação da nossa Ilha. E nada mais justo que homenagear o bairro com uma festa desta proporção”, disse Weverton, destacando que Osmar Filho tem uma história de dedicação às lutas pela melhoria da qualidade de vida da população local já reconhecida por todos.
Também participaram da comemoração ao aniversário do bairro os vereadores Raimundo Penha (PDT), Nato Júnior (PP) e Concita Pinto (Patriota), além de outras autoridades, como o secretário municipal de Articulação Política, Jota Pinto. Todos ressaltaram a luta de Osmar por melhorias para o bairro e os recentes investimentos que a Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado têm levado ao São Francisco.
Uma grande festa marcou o aniversário de 404 anos do bairro do São Francisco: organizada a partir de uma iniciativa do presidente da Câmara. 


Marlene Neres disse que sua família vive no São Francisco há 60 anos e que é a primeira vez que viu uma homenagem desta natureza. “Parabéns ao bairro, que é um bairro pobre, mas muito bom de se viver. Muito bonita mesmo esta festa”, comemorou a moradora.
O bairro – Principalmente por sua localização estratégica e por ter abrigado vários colonizadores da cidade, o São Francisco é um bairro de grande relevância histórica para a cidade. Oficialmente fundado em 4 de novembro de 1915, a partir da nova denominação de Forte do São Francisco ao antigo Forte da Sardinha, o bairro tem grande poder histórico, sobretudo na economia da cidade e no seu desenvolvimento geográfico e cultural.
domingo, 10 de novembro de 2019
ESPORTE NA BALNEÁRIA
Campeonato tem o apoio do ex-deputado Jota Pinto que anuncia a realização da Copa Ribamarense

POR FERNANDO ATALLAIA
DIRETO DA REDAÇÃO

O ex-deputado, fundador da Aliança Ribamarense e pré-candidato a Prefeito de São José de Ribamar, Jota Pinto, esteve durante este domingo (10), prestigiando a abertura do campeonato Taça Ribamarense, ao lado de amigos, entusiastas do futebol amador e desportistas  da cidade.
O líder da Aliança Ribamarense, Jota Pinto: valorização do esporte na terceira maior cidade do Maranhão. 
O campeonato   é uma realização da Liga Esportiva de Ribamar e tem o apoio de Pinto que destacou, em contato com a imprensa, a importância do resgate  do futebol amador ribamarense.
Ao lado de amigos, entusiastas do futebol amador e desportistas  da cidade.
‘’Gostaria de agradecer ao Neife, presidente da Liga e ao Mestre Antônio, pela organização e a todos que contribuíram para a realização da competição. Esse campeonato de hoje é o inicio do resgate daquele que um dia foi considerado o melhor futebol amador da primeira e segunda divisão da Ilha’’, pontuou Jota Pinto.
A competição ,     que se estende até 18 de janeiro de 2020 é, segundo Pinto,  a fase embrionária para a formação da...
A competição ,     que se estende até 18 de janeiro de 2020 é, segundo Pinto,  a fase embrionária para a formação da seleção que representará  São José de Ribamar no Intermunicipal.
APOIADOR DO CAMPEONATO O ex-deputado Jota Pinto: ''Esse campeonato de hoje é o inicio do resgate daquele que um dia foi considerado o melhor futebol amador da primeira e segunda divisão da Ilha''. 
‘’Daqui sairão os competidores para a Copa Ribamarense que organizaremos ano que vem, e de mais essa   iniciativa em prol do esporte, teremos aqueles que irão participar do Intermunicipal’’, adiantou Pinto, que acrescentou:
Anuncia a realização da Copa Ribamarense.
‘’Há 3 anos a competição não era  realizada, mas a partir de hoje, faremos, juntamente com os nossos irmãos  ribamarenses, um organograma de ações, visando valorizar o  futebol amador de nossa cidade’’.

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB