terça-feira, 23 de abril de 2019

O governador participou, na manhã desta terça-feira, do IV Fórum de Governadores, em Brasília


O governador Flávio Dino participou, na manhã desta terça-feira (23), do IV Fórum de Governadores, em Brasília. O evento reúne os chefes do Executivo de todas as unidades da Federação e tem como objetivo discutir e alinhar ações em prol dos estados e Distrito Federal.

Desta vez, o tema foi a discussão de uma nova proposta para o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica), que consiste em aportes municipais, estaduais e federal para o financiamento e valorização da educação básica em todo o país, distribuindo recursos de forma mais equânime e diminuindo a desigualdade entre as redes de ensino.

Na visão de Flávio Dino, a discussão de um novo Fundeb é o debate realmente urgente para a educação do Brasil. “Precisamos acelerar o passo. Compactuar com o Governo Federal ainda no primeiro semestre o que teremos, para termos a votação no segundo semestre. Precisamos concretizar o Fundeb, que é vital para o país”, defendeu.Na visão do governador Flávio Dino, a discussão de um novo Fundeb é o debate realmente urgente para a educação do Brasil. “Precisamos acelerar o passo. Compactuar com o Governo Federal ainda no primeiro semestre o que teremos, para termos a votação no segundo semestre. Precisamos concretizar o Fundeb, que é vital para o país”. 
A lei de criação do fundo, datada de 2007, determina que o mesmo deve ser encerrado em 2020, o que poderia originar uma crise no sistema educacional de todo o país. Outro ponto de estrangulamento é a baixa contribuição do Governo Federal no Fundeb. Atualmente, a União repassa para o fundo o equivalente a 10% do valor total da contribuição dos demais entes. Já estados e municípios investem 20% das suas receitas provenientes de impostos e transferências.

Na visão do governador Flávio Dino, a discussão de um novo Fundeb é o debate realmente urgente para a educação do Brasil. “Precisamos acelerar o passo. Compactuar com o Governo Federal ainda no primeiro semestre o que teremos, para termos a votação no segundo semestre. Precisamos concretizar o Fundeb, que é vital para o país”, defendeu.

Ainda de acordo com o governador, com a extinção do Fundo, as redes municipais de educação poderão ser destruídas, visto que a arrecadação dos municípios é menor. “Sem letramento adequado das crianças nas redes municipais, também não existe ensino médio. É de interesse dos municípios, é de interesse dos estados. Caso contrário, não vamos conseguir investir apropriadamente e obter resultados”, garantiu Flávio Dino.

Durante o Fórum, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, apresentou aos demais governadores a proposta “Por um Novo Fundeb: permanente e com mais participação da União no financiamento da Educação Básica”. O projeto será levado para apreciação do Governo Federal.


MATÉRIA ENVIADA PELA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL E ASSUNTOS POLÍTICOS DO GOVERNO DO MARANHÃO
O vereador João Serra Almeida, mais conhecido como Jango, de 46 anos, foi o...

O vereador João Serra Almeida, mais conhecido como Jango, de 46 anos, foi o sexto político assassinado no Maranhão desde 2017. A onda de violência contra homens públicos no estado segue a tendência nacional, que registra como caso de maior repercussão dos últimos anos a execução a tiros da vereadora do Rio de Janeiro Marielle (PSOL).
Resultado de imagem para JANGO VEREADOR ASSASSINADO
A tiros.
Jango, que já foi presidente da Câmara de Vereadores de Maranhãozinho, voltava de uma fazenda de propriedade do seu pai, em Santa Luzia do Paruá, quando foi morto a bala. Ainda não há pistas sobre os autores do crime. 

A polícia investiga se o caso tem relação com pistolagem.

Vereadores trabalham por redistribuição de recursos para São Luís


Os vereadores Raimundo Penha (PDT), Paulo Victor (PTC) e Nato Júnior (PP) estão em Brasília participando da edição 2019 da Marcha dos Vereadores e Vereadoras. 

Além de discutir temas de interesse da municipalidade e do Parlamento, os vereadores estão conversando diretamente com representantes da Bancada Maranhense com o objetivo de beneficiar São Luís e outras cidades do Brasil. 


Nesta terça-feira (23), os parlamentares reuniram-se com o deputado federal Gil Cutrim (PDT), membro titular da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara, oportunidade na qual solicitaram apoio e celeridade na tramitação do projeto de lei complementar nº 521/18. 


A proposta autoriza a redistribuição de recursos do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) provenientes das corridas individuais feitas por transporte de passageiro por aplicativo. 


Atualmente, os recursos do ISS são repassados exclusivamente para o estado de São Paulo, onde estão estabelecidas as sedes destas empresas. 

Os vereadores Raimundo Penha, Paulo Victor e Nato Júnior, em audiência com o deputado federal Gil Cutrim, em Brasília
Atualmente, os recursos do ISS são repassados exclusivamente para o estado de São Paulo, onde estão estabelecidas as sedes destas empresas.
O projeto corrige um erro e autoriza que os recursos sejam destinados à capital maranhense e demais cidades maranhenses que já possuem o serviço de aplicativo. 


“Trata-se de uma ação que visa corrigir um erro. O dinheiro do ISS neste tipo de serviço deve ser repassado ao município onde o serviço é prestado e não para o estado que sedia suas empresas. Além de São Luís, o projeto beneficia outras cidades do Maranhão onde os aplicativos de transporte de passageiros já operam”, afirmou Raimundo Penha. 


Vale destacar que, em fevereiro, a Câmara Municipal de São Luís, de forma inovadora e inédita, aprovou projeto de lei que regulamenta os serviços de transporte individual de passageiros com uso de aplicativos de celular. 

O projeto prevê que o recurso do ISS seja recolhido para a capital maranhense. No entanto, como existe uma ação tramitando no Supremo Tribunal Federal questionando a redistribuição dos valores, os parlamentares avaliaram que a aprovação do referido projeto de lei complementar acelerará o processo de benefício para os municípios. 


Gil Cutrim se comprometeu em trabalhar para que o projeto ganhe celeridade na CCJ. O pedetista, inclusive, disse que se movimentará para ser o relator da matéria no colegiado. 


Personal – O vereador Paulo Victor também solicitou a Gil Cutrim que o deputado apresente na Câmara Federal projeto de lei que garanta aos profissionais de Educação Física o direito de acompanharem seus alunos durante os treinamentos sem a necessidade de pagar taxas extras aos estabelecimentos comerciais.


Em São Luís, a proposta já é uma realidade. No mês passado, o presidente da Câmara, Osmar Filho (PDT), promulgou projeto de lei, de autoria do petecista, que exime estes profissionais de pagarem a referida taxa nas academias. 

Os vereadores também estiveram reunidos com o deputado federal Pedro Lucas Fernandes (PTB).

Aos 52 anos


O maranhense Gerson da Conceição morreu aos 52 anos, nesta segunda-feira (22/04), em São Paulo. Ele era músico, cantor e compositor e um dos artistas mais conhecidos do reggae do Maranhão. 

As causas da morte ainda não foram divulgadas, mas amigos próximos informaram que o músico foi vítima um infarto fulminante.

No último dia 5 de abril, o cantor fez o...
O artista esta era graduado em música pela Faculdade Paulista de Artes (FPA) e tinha em seu currículo gravações com artistas como Rita Benneditto, Banda Black Rio, Zeca Baleiro  e Tribo de Jah.

Gerson da Conceição fez shows, produziu discos e compôs trilha sonora para filmes. Conceição era o líder da banda Mano Bantu, que já dividiu o palco com grandes nomes do reggae internacional como os jamaicanos U Roy, Clinton Fearon e a cantora inglesa Sylvia Tella.

No último dia 5 de abril, o cantor fez o seu último show em São Luís, quando brindou o público com músicas autorais e clássicos do reggae.
segunda-feira, 22 de abril de 2019
Considerado menos seguro, o método de...

Passados quase três meses da tragédia de Brumadinho (MG), 32 barragens da mineradora Vale sediadas em Minas Gerais estão com as atividades interditadas. A suspensão das operações destas estruturas tem ocorrido tanto por decisão da Justiça, como também da Agência Nacional de Mineração (ANM), da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad) ou da própria mineradora.

A pedido da AB, a Vale listou 30 estruturas que estão interditadas. Dessas, três estão na Mina Córrego do Feijão, onde também fica a barragem que se rompeu no dia 25 de janeiro. Além de Brumadinho, as estruturas com operações suspensas se situam nas cidades mineiras de Nova Lima, Ouro Preto, Itabirito, Itabira, Barão de Cocais, Rio Piracicaba e Mariana.

General view from above of a dam owned by Brazilian miner Vale SA that burst, in Brumadinho, Brazil January 25, 2019. REUTERS/Washington Alves
A Vale não planeja voltar a operar em todas estruturas interditadas.
Outras duas barragens localizadas em Sabará (MG) - Galego e Dique da Pilha 1 - não apareceram na relação da Vale, mas são alvo de uma decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) publicada no dia 9 de abril. Foi determinada, entre outras medidas, a interrupção imediata de qualquer atividade que importe elevação e incremento de risco de rompimento nessas estruturas de contenção de rejeitos.

Questionada sobre a ausência das duas barragens na lista, a Vale informou que ainda não foi notificada da decisão e que adotará as medidas cabíveis quando tomar conhecimento de seu teor. "Importante destacar que a barragem Galego já estava inativa e possui declaração de condição de estabilidade, enquanto o Dique da Pilha 1 já foi descaracterizado", acrescentou a mineradora em nota.
Liminares do TJMG chegaram a atingir a barragem Laranjeiras e outras estruturas da Mina de Brucutu, a maior de Minas Gerais, situada no município de São Gonçalo do Rio Abaixo. Na semana passada, porém, a mineradora anunciou ter conseguido aval da Justiça para retomar as atividades. 

A Vale não planeja voltar a operar em todas estruturas interditadas. Pelo menos nove delas estão em processo de descomissionamento, conforme anúncio feito cinco dias após a tragédia de Brumadinho. Além dessas nove, também está sendo descaracterizada a barragem que se rompeu. Todas elas são alteadas pelo método a montante.

Considerado menos seguro, o método de alteamento a montante está associado não apenas à ruptura em Brumadinho, como também em Mariana, no ano de 2015, quando 19 pessoas morreram após o vazamento de rejeitos em um complexo da mineradora Samarco, joint-venture da Vale e da anglo-australiana BHP Billiton. De acordo com a mineradora, o processo de descomissionamento deve ser concluído em aproximadamente 3 anos. 


AS INFORMAÇÕES SÃO DA AB
EDIÇÃO DE ANB ONLINE 
Pré-candidato a Prefeito da terra do Frei, José Carlos Soares avaliou como positivas as atividades realizadas pela coordenação do projeto político nos últimos três meses

POR FERNANDO ATALLAIA
EDITOR DE ELEIÇÕES DA AGÊNCIA BALUARTE 
atallaia.baluarte@hotmail.com

Em meio ao acentuado desgaste do prefeito de Imperatriz, Assis Ramos(DEM), o presidente da Câmara de Vereadores e pré-candidato ao Executivo municipal, José Carlos Soares, o Zé Carlos(sem partido), avaliou como positivas as ações de sua pré-candidatura realizadas na terra do Frei nos últimos três meses. 

‘’Estamos caminhando. Nossa equipe é organizada, tem gente séria e comprometida e estamos caminhando por toda Imperatriz em nome de nossa pré-candidatura. Esses últimos três meses foram muito produtivos’’, afirmou Zé Carlos que acrescentou que ‘’hoje o povo de Imperatriz tem uma alternativa para a cidade. As adesões que temos recebido mostra que estamos no caminho certo’’. 

O pré-candidato a Prefeito de Imperatriz, Zé Carlos(aqui visto com o ativista político Fábio Feitosa, o Fabinho): ''É mais para agradecer pela acolhida. Para ouvir  o nosso povo. Para confraternizar em torno da possibilidade concreta de inauguramos uma nova história em Imperatriz. Estamos em campo’’.
No meio político maranhense cresce  a expectativa em torno do partido a ser escolhido por Zé Carlos nos próximos dias. O líder ainda não se decidiu quanto à questão. 

‘’Estamos analisando com calma. Muitos convites sendo feitos por parte de vários partidos, mas estamos , nesse momento, mais preocupados em levar nossa mensagem de esperança aos imperatrizenses’’, pontuou o pré-candidato. 

O projeto  Zé Carlos Prefeito é o que mais vem se destacando na terra do Frei. Presente pelos bairros da cidade, o pré-candidato vem percorrendo as regiões do vasto município, diuturnamente.

‘’É mais para agradecer pela acolhida. Para ouvir  o nosso povo. Para confraternizar em torno da possibilidade concreta de inauguramos uma nova história em Imperatriz. Estamos em campo’’, destaca  Zé Carlos.
domingo, 21 de abril de 2019
As obras da primeira etapa de prolongamento dos 1.800 metros da Avenida Litorânea continuam dentro do cronograma mesmo com as fortes chuvas em...

As obras da primeira etapa de prolongamento dos 1.800 metros da Avenida Litorânea continuam dentro do cronograma mesmo com as fortes chuvas em São Luís. A ação para instalação do BRT (Transporte Rápido por Ônibus) é a maior obra de mobilidade urbana intermunicipal do Maranhão. A equipe técnica da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), responsável pela execução, avalia que será possível manter o cronograma de entrega da primeira parte prevista já para o segundo semestre deste ano.

Com serviço de terraplenagem e aplicação de mantas e pedras de contenção no trecho de quase 2 mil metros na extensão, os trabalhos seguem com intervenções que vão da altura do Rio Pimenta até a Avenida São Carlos, entre a Avenida Litorânea e a Praia do Olho d’Água.

As obras da primeira etapa de prolongamento dos 1.800 metros da Avenida Litorânea continuam dentro do cronograma.
O presidente da MOB, Lawrence Melo, diz que “apesar das severas chuvas na Ilha, as etapas foram previstas no projeto, incluindo as precipitações pluviométricas. Contudo, se o período chuvoso permanecer intenso, pode acontecer a redistribuição das atividades e eventuais reordenamentos no cronograma”.

O prolongamento da Avenida Litorânea compõe a primeira fase de implantação do sistema de tráfego de transporte tipo BRT. Com investimentos de R$ 140 milhões, além do novo tipo de transporte, a obra vai requalificar a Avenida Litorânea e a Avenida dos Holandeses. A previsão da MOB é que todas as etapas para implantação do novo Sistema sejam concluídas até outubro de 2020.

“Todos os projetos básicos e executivos já estão elaborados, e, neste momento, está sendo realizado o serviço de terraplanagem e construção de contenção do aterro. Em seguida, vamos implantar a pavimentação de todo o trecho com a estrutura necessária”, diz Lawrence Melo.

Conheça o Projeto

O transporte tipo BRT vai interligar os municípios da Região Metropolitana e melhorar a circulação do transporte coletivo metropolitano, com dois Terminais de Integração. Para o presidente da MOB, a economia de tempo é um dos grandes ganhos do novo tipo de transporte a ser implantado.
A requalificação das Avenidas Litorânea e Holandeses para implantação do BRT deverá encurtar em mais de 40 minutos as viagens diárias de milhares de usuários do serviço de transporte público intermunicipal na Grande Ilha.

“Nós temos hoje um grande gargalo na MA-201, mas com a concepção de integração de transporte que nós pensamos, os passageiros que utilizam o serviço intermunicipal nesse trecho economizarão no mínimo 20 minutos para ir e 20 minutos para voltar, usando o Sistema BRT”, acrescenta Lawrence.

MATÉRIA ENVIADA PELA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL E ASSUNTOS POLÍTICOS DO GOVERNO DO MARANHÃO
A Eletrobras lançou a oitava edição do Programa de Patrocínio

A Eletrobras lançou esta semana a oitava edição do Programa de Patrocínio das Empresas Eletrobras a Eventos do Setor Elétrico, que vai destinar até R$ 1,5 milhão para apoio a eventos ligados ao setor de energia elétrica, realizados entre 11 de julho e 30 de dezembro deste ano, no Brasil. As inscrições começaram na última quarta-feira (17) e se estenderão até 17 de maio e podem ser feitas pela internet. 

De acordo com dados da Eletrobras, a companhia investiu, nos últimos sete anos, R$ 13,485 milhões no programa, atendendo a 167 projetos. O volume mais elevado de recursos foi registrado em 2012, ano de estreia do edital, que totalizou R$ 4,620 milhões.
Resultado de imagem para ELETROBRAS
Em 2012, ano de estreia do edital, que...
O programa de patrocínio está aberto a eventos ligados aos negócios de geração, transmissão, distribuição ou comercialização de energia elétrica; a atividades de gestão nas áreas de finanças, gestão de pessoas, tributação, contabilidade e regulação, com foco no setor elétrico; e a pesquisa, desenvolvimento e inovação, relacionados direta ou indiretamente ao setor elétrico.

O patrocínio da Eletrobras não vai ultrapassar R$ 200 mil por projeto ou o valor da cota máxima de patrocínio nos casos em que o proponente oferecer cotas pré-estabelecidas. A decisão será pelo que for menor. A seleção dos projetos concorrentes ocorrerá de 20 de maio a 10 de junho deste ano, prevendo-se a divulgação dos resultados até o dia 27 de junho.

AS INFORMAÇÕES SÃO DA REPÓRTER ALANA GANDRA
EDIÇÃO FERNANDO ATALLAIA E LILIAN BERALDO 
Coluna do Fernando Atallaia

Por Fernando Atallaia
Editor-Chefe da Agência Baluarte
atallaia.baluarte@hotmail.com 

Fred Campos cresce em Paço do Lumiar; reeleição de Dutra por um fio na cidade

A vaidade exacerbada, a falta de bom senso, as muitas denúncias de corrupção, a tacanha mania de invocar o já ultrapassado discurso anti-Sarney, fez da gestão do prefeito Domingos Dutra(PCdoB),  uma tragicomédia político-administrativa no município para 2020. 

Resultado de imagem para FRED CAMPOS PRE-CANDIDATO A PREFEITO PAÇO DO LUMIAR
O pré-candidato a Prefeito de Paço do Lumiar, Fred Campos(aqui visto com Alderico Campos, Edilázio Júnior e Adriano Sarney): classe política luminense acredita que ele será o próximo prefeito.
Diante dessa realidade,   seu principal rival no campo político local  vem crescendo, vertiginosamente: Fred Campos(PDT), aposta a classe política luminense, já é o próximo prefeito em janeiro de 2021. Os deslizes de Neusilene vem contribuindo. 

Em Viana,    reeleição de Malgrado Barros ameaçada

O prefeito de Viana, Malgrado Barros(PSDB), eleito com 14. 400 votos no pleito passado,  vive o maior inferno astral de sua trajetória política: pelos menos 10 pré-candidatos estão em campo na concorrida disputa por  sua cadeira. São eles: Dr. Joel(PPS); Cleinaldo Bil e Marcone Veloso(PT); Júnior Viana Feliz(DEM); a deputada Mical Damasceno(PTB); Major Ferreira(REDE); Felycksson do Posto (PR); Carrinho Sidreira(PSB); Jolinda Mesquita(PSL) e Luzardo Segundo(PHS). 

O prefeito Malgrado não vem agradando os vianenses: 10 pré-candidatos caíram em campo.
Com denúncias pontuais em áreas como Saúde, Cultura  e Educação, Malgrado não vem agradando os vianenses. Ele tem exatos 17 meses para reverter o desgaste. Conseguirá?

Na terceira maior cidade do Maranhão, advogado Edson Júnior empreende maratona de filiações

No bojo das estratégias de pré-candidatura do advogado ribamarense Edson Júnior(PSD), uma maratona de filiações em tempo real ao ‘partido dos ribamarenses’, como vem sendo chamada a legenda na terceira maior cidade do Maranhão, se intensifica.

http://blogdoricardosantos.com.br/wp-content/uploads/2016/08/1.jpg
O pré-candidato a Prefeito de São José de Ribamar, Edson Júnior(camisa vermelha listrada): filiações em tempo real ao 'partido dos ribamarenses'.
A ideia do advogado foi feliz e ele já começa colher os louros da iniciativa. Estima-se que cerca de 400 ribamarenses já integram o grupo de Júnior rumo à disputa na Balneária. As filiações não param. 

Na São Luís abandonada de Edivaldo Holanda, candidato do prefeito amargará rejeição, segundo analistas

É consenso entre analistas do pleito de 2020, o fiasco anunciado que será o candidato do prefeito Edivaldo Holanda Júnior(PDT) em São Luís. 
Resultado de imagem para edivaldo holanda jr
Prosperaram?
''Edivaldo deve muito à sua trajetória- construída ao longo dos anos, a partir de  acordos politiqueiros grosseiros, sem nenhum envolvimento real com as populações  de São Luís-, esse desgaste que está colhendo’’, afirma um professor de Ciência Política  da Universidade Federal do Maranhão, aposentado. 

É , pelo visto, os tais acordos prosperaram. 
  
Leonardo Sá a todo vapor em Pinheiro

O deputado estadual Leonardo Sá(PRTB),  não para.  Alternando-se entre a Alema e a cidade de Pinheiro onde é pré-candidato a Prefeito, o médico angariou nos últimos três meses dezenas de apoios importantes. Em sua maioria de vereadores da cidade. Leonardo quer a bancada parlamentar em peso em torno de seu projeto político. 
A reeleição de Luciano Genésio não é   assegurada pela Câmara.
A reeleição de Luciano Genésio não é   assegurada pela Câmara que sinaliza contra o modus operandi do prefeito: Genésio nunca destituiu de sua conduta pessoal e política palavras como arrogância, soberba e altivez.

Eduardo Braide poderá ter vice militar na capital do Maranhão

O deputado federal Eduardo Braide(PMN), até aqui primeiro no card da disputa pela prefeitura de São Luís, poderá ter como Vice o coronel da reserva da Polícia Militar do Maranhão, Ivaldo Barbosa. 

Ex-candidato a Vereador, coronel Ivaldo , segundo parte do eleitorado ludovicense, conferiria maior credibilidade ao...
Ex-candidato a Vereador, Barbosa , segundo parte do eleitorado ludovicense, conferiria maior credibilidade ao projeto de Eduardo. O deputado ainda não se manifestou acerca da possibilidade. 

Em Icatu, população aclama pré-candidatura de Walace Azevedo por  comunidades e bairros 

O engenheiro civil Walace Azevedo(sem partido) vem sendo aclamado , diariamente, pela população icatuense que vê em sua pré-candidatura melhores dias para o município. 

Pelas comunidades e bairros de Icatu, o engenheiro ganha adesões dia após dia.
Sem concorrente à altura, Walace se destacou por ter lançado pré-candidatura a 19 meses do pleito, o que chamou atenção daqueles que repudiam candidatos emergentes e oportunistas. 

Pelas comunidades e bairros de Icatu, o engenheiro ganha adesões dia após dia numa empreitada que se fortalece de forma ininterrupta. Por hoje é só, tenham uma ótima semana e que Deus nos abençoe a todos.  

Policial que mandou matar a juíza Patrícia Acioli já recebeu R$ 2,1 mi de soldo

Patrícia Acioli tinha 47 anos e foi morta quando chegava em sua casa, em Niterói
 
Em sete anos e sete meses preso, como mandante da execução da juíza Patrícia Acioli, com 21 tiros, em 2011, o tenente-coronel Cláudio Luiz Silva Oliveira já recebeu, entre salários e décimos terceiros, mais de R$ 2,1 milhões da Polícia Militar. Condenado a 36 anos de prisão, em março de 2014, na última terça-feira, em decisão unânime, os desembargadores da 4ª Câmara Criminal determinaram a exclusão do oficial dos quadros da corporação, mas ele continua recebendo R$ 21.420,01, por mês.

Patrícia Acioli
A juíza Patrícia Acioli
“São dois pesos e duas medidas. Os praças já foram expulsos. A família fica indignada e isso denigre a imagem da PM”, afirmou Simone Acioli , irmã de Patrícia. Transferido da penitenciária federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte, Cláudio cumpre a pena em Bangu 1, unidade de segurança máxima do Complexo de Gericinó, em Bangu.  

Ex-comandante do 7º Batalhão (São Gonçalo), Cláudio e mais dez policiais da unidade foram condenados por envolvimento no crime. Nove praças acabaram expulsos. A juíza, segundo o Ministério Público , foi assassinada na porta de casa, em Niterói, porque atuava em processos que apuravam o envolvimento de PMs em execuções.

IG
EDIÇÃO ANB 
O fechamento da fronteira do Brasil com a Venezuela completa dois meses neste domingo (21). Oficialmente, o tráfego de pessoas e veículos continua restrito. Na prática, contudo, venezuelanos têm se aventurado por rotas alternativas para transitar entre os dois países, carregando alimentos e outros produtos adquiridos do lado brasileiro. Ainda assim, os impactos econômicos e políticos são sentidos dos dois lados da fronteira terrestre.Fonte: Último Segundo - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2019-04-20/fechamento-da-fronteira-com-a-venezuela-completa-dois-meses.html
O fechamento da fronteira do Brasil com a Venezuela completa dois meses neste domingo (21). Oficialmente, o tráfego de pessoas e veículos continua restrito. Na prática, contudo, venezuelanos têm se aventurado por rotas alternativas para transitar entre os dois países, carregando alimentos e outros produtos adquiridos do lado brasileiro. Ainda assim, os impactos econômicos e políticos são sentidos dos dois lados da fronteira terrestre.Fonte: Último Segundo - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2019-04-20/fechamento-da-fronteira-com-a-venezuela-completa-dois-meses.html
O fechamento da fronteira do Brasil com a Venezuela completa dois meses neste domingo (21). Oficialmente, o tráfego de pessoas e veículos continua restrito. Na prática, contudo, venezuelanos têm se aventurado por rotas alternativas para transitar entre os dois países, carregando alimentos e outros produtos adquiridos do lado brasileiro. Ainda assim, os impactos econômicos e políticos são sentidos dos dois lados da fronteira terrestre.Fonte: Último Segundo - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2019-04-20/fechamento-da-fronteira-com-a-venezuela-completa-dois-meses.html

Por meio do requerimento 187/2019


Por meio do requerimento 187/2019, o vereador Joãozinho Freitas (PTB) solicitou, junto ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e ao secretário municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), Antônio Araújo, providência necessária de serviços de operação tapa buracos na Avenida Brasil, no bairro Vicente Fialho. 

Conforme a parlamentar, a via está bastante danificada devido às chuvas, prejudicando o trânsito de veículos e gerando engarrafamento para os moradores e transeuntes.

O vereador Joãozinho Freitas
AVENIDA BRASIL, VICENTE FIALHO De acordo com o vereador, o objetivo da operação tapa buracos é recuperar os estragos provocados pelas chuvas.
De acordo com o vereador, o objetivo da operação tapa buracos é recuperar os estragos provocados pelas chuvas, mantendo as vias públicas do município, principalmente as que possuem grande incidência de desgaste, com as condições necessárias para que os usuários possam trafegar com segurança. 

“Tal providência torna-se necessária, haja vista que as irregularidades na superfície das referidas vias públicas estão bastante danificadas e com a erosão causadas pelos chuvas surgindo muitos desníveis o que vem dificultando o tráfego, deixando de ser seguro”; explicou o vereador.

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB