quinta-feira, 15 de março de 2018

Governo conclui consultas para elaboração do Plano Diretor da Região Metropolitana de São Luís


A comunidade do município de Raposa participou da Oficinas de Leitura Comunitária do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI), na quarta-feira (14), momento em se debateu projetos de desenvolvimento a partir das demandas apresentadas pelos participantes. Presentes, também, gestores da prefeitura e vereadores.

Essas oficinas estão programadas para acontecer nos 13 municípios que foram a Região Metropolitana de São Luís. A última acontece, nesta sexta-feira (16), na sede da Associação Comercial do Maranhão, em São Luís. Nesta quinta-feira (15), foi realizada, pela manhã, em São José de Ribamar. Já foram organizadas em Morros, Axixá, Presidente Juscelino, Cachoeira Grande, Icatu, Alcântara, Santa Rita, Bacabeira, Rosário e Paço do Lumiar.

As oficinas são coordenadas pela Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), em parceria com o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc) e a Agência Estadual Metropolitana (Agem).

Localizado na Ilha de São Luís, Raposa tem grande potencial para o turismo, por causa de suas praias, dunas e manguezais. É conhecido pelo artesanato, sobretudo as rendas, e pelo sabor de seus peixes frescos comercializados nos bares e restaurantes da cidade. É destino alternativo à visitação tendo como atrativo rotas de passeios a praias desertas.

As oficinas são coordenadas pela Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano, em parceria com o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos e a Agência Estadual Metropolitana
Nas oficinas, os participantes relatam problemas que vão desde infraestrutura a educação. A apresentação das demandas, a coleta de dados pelos pesquisadores e a forma que está sendo elaborado o Plano Diretor de Desenvovimento Integraddo PDDI chamou a atenção dos participantes da oficina na Raposa. Eles destacaram, no debate, o incentivo que o Governo do Estado está fazendo para unificar o atendimento das demandas dos municípios que formaram a região.

Para o vereador Laurivan Uchoa, o Governo do Estado está colocando em prática uma reivindicação antiga de integrar a região com projetos estruturantes que valorizem a economia, a cultura e a população. “É fundamental trabalhar neste processo, temas importante e dados estatísticos que visam traçar um diagnóstico do municipio, e a participação da comunidade e do poder público é esssencial para consolidar esse trabalho”, relatou o superintendente Estadual do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Marcelo Melo.

”O município tem um grande potencial pesqueiro, porém as fábricas de gelo estão sem funcionamento; os barcos sem manutenção, os pescadores não conseguem crédito e a relação com outros municípios é de dependência”, afirmou o presidente da ONG Pirarte Cultural e Sustentabilidade, Marcos Garcia. Ele espera, que, por meio dessa iniciativa do Governo do Estado, essas questões sejam resolvidas.

O vereador Enoc Lisboa relata que várias praias estão desaparecendo peloa ação do mar e as enchentes está causando inundações em vários povoados. Disse que a cidade não possui cemitério e os pescadores não respeitam o período de defeso. Sugeriu a execução de projetos que impulsionem a economia, gere emprego e renda e promova o desenvolvimento da cidade.

O secretário adjunto de Assuntos Metropolitanos, Jose Antonio Viana, conduziu os trabalhos e falou da importância da elaboração do PPDI e os avanços que será para o Maranhão.

PDDI da Região Metropolitana

O Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado da Região Metropolitana da Grande São Luís (PDDI- RMGSL) foi instituído pelo governador Flávio Dino por meio da Lei Complementar 174, de maio de 2015. Prevê que a execução das funções públicas de interesse comum aos municípios integrantes da Região Metropolitana de São Luís Plano.

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 9164 10 67

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB