terça-feira, 9 de junho de 2020
SÃO JOSÉ DE RIBAMAR 'PEGANDO FOGO'
Após retirada das chamadas pré-candidaturas de fachada, quatro nomes devem manter projetos políticos na cidade
Clima da eleição na Balneária agita os quatro cantos do vasto município

POR FERNANDO ATALLAIA
EDITOR DE ELEIÇÕES DA AGÊNCIA BALUARTE
atallaia.baluarte@hotmail.com

A terceira maior cidade do Maranhão vive seu melhor e pior momento no cenário da democracia estadual. Não apenas porque os egos e emoções seguem inflamados no seio do debate político para as eleições de 2020 na cidade.

Mas porque pela primeira vez na história da Balneária a conjuntura eleitoral se irrompeu  num levante de opiniões, contradições, desabafos e ataques nunca antes vistos pelos bairros do município.
SJNOTÍCIASMA: MILHARES DE FIES PARTICIPARÃO DOS FESTEJO DO ...
EM QUASE DUAS DÉCADAS Terão opções que não  as mesmas dicotômicas que...

E é   no centro dessa efervescência que o grupo governista tenta, desesperadamente, manter-se no Poder em São José de Ribamar. Após a retirada das chamadas pré-candidaturas de fachada, há uma semana as redes dos ribamarenses se dividem entre reivindicações legítimas contra o descaso da Gestão municipal, e o profundo desejo de alternância no Executivo.
A administração de Zé Eudes tenta manobrar a opinião pública no sentido de provar à população   que é viável a continuidade dos governistas na Prefeitura pelos próximos quatro anos. Mas, a avalanche de denúncias de abandono em áreas como Infraestrutura, Saúde, Educação e Juventude tem tirado o sono do vice.

Zé Eudes segue, também, polarizado em desgaste com o ex-prefeito Gil Cutrim,  do qual foi vice, e entre bombardeios de cá e lá não consegue superar seu próprio espaço delimitado no debate. Pesa sobre ele responsabilidades pelo estado atual de coisas que levou São José de Ribamar ao fosso administrativo.

Ainda assim, o vice ameaça reunir, segundo apurou ANB, um batalhão de cooptados até agosto, quando o balanço das articulações eleitoreiras da Prefeitura chega ao seu ápice. Fazendo frente ao centralismo dos governistas, três nomes seguem no páreo, além de Zé Eudes. Depois de 15 anos, os ribamarenses terão opções que não  as mesmas dicotômicas que embalaram eleições duvidosas entre apenas dois candidatos em quase duas décadas.

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB