quinta-feira, 10 de janeiro de 2019
Poesia sempre!
Leia na íntegra o poema Puta no Beco da Bosta, da obra Ode Triste para Amores Inacabados de autoria do poeta e jornalista ribamarense Fernando Atallaia

Puta no Beco da Bosta  

Da encosta à sombra do gato
Crescendo aos espartilhos,  boca suave , rouca , malandra
Sobrinha do Gonçalves, o soldado
Resultado de imagem para puteiro oscar frota
'Vinho verde misturado às secas tumbas do jornalista-paletó' 

Apenas ela  com a Bíblia e o baseado
Protegida por deus e Deus abraçando
No Beco  da Bosta pisando singela
A doida do bairro,  fantasia  dos sãos
Esposa do Betinho, atravessador de dólar estrangeiro
Resultado de imagem para PUTAS NO OSCAR FROTA EM SAO LUIS
'Encontra tempo para  coar o  café da vida amarga'
Muambeira,  sabe tratar tainha como ninguém
Vinho verde misturado às secas tumbas do jornalista-paletó
Encontra tempo para  coar o  café da vida amarga

Encontra tempo  

São Luís, março de 1996

2 comentários:

  1. Você é um retratista do cotidiano da nossa Ilha
    Parabéns lindo, tudo que você faz é belo e lindo como você!

    Renata- CCH-UFMA

    ResponderExcluir
  2. EPITAFIA BRUTAL, SÓ TU CONSEGUES GRANDE MESTRE, ÉS NOSSA INSPIRAÇÃO.
    BRUNO DE RIBAMAR, FÃ DE ATALLAIA

    ResponderExcluir

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB