terça-feira, 11 de setembro de 2018
Prefeito não tem plano estrutural de gestão para a cidade que segue à margem do desenvolvimento na configuração estadual
 
POR FERNANDO ATALLAIA
EDITOR-CHEFE DA AGÊNCIA BALUARTE 
atallaia.bauarte@hotmail.com

São José de Ribamar não avança há dois anos quando a aplicação do maior calote eleitoral por parte do então candidato da ‘reconstrução’ Fernando Moura foi empreendida deixando os mais de 200 mil ribamarenses da cidade sem perspectivas de futuro. 

Sem plano de gestão estrutural que dê a Ribamar sua real condição de importância, a terceira maior cidade do Maranhão é apenas mais uma na configuração estadual. Na geopolítica local um grande bairro com feição abandonada. Mesmo os principais desafios do município como o enfrentamento da violência e a geração de emprego e renda aos ribamarenses não serão alcançados tão facilmente. Há 10 anos Fernando Moura instalou um  modelo de administração caracterizado pela suspeitável e duvidosa relação  com a Câmara de Vereadores, onde tudo é amarrado às portas fechadas, ainda que três parlamentares  sejam investigados por crimes pelos quais teriam de perder o mandato há dois meses. 
Resultado de imagem para fernando moura sao jose de ribamar
HÁ 10 ANOS NO COMANDO Fernando Moura anuncia que ‘reconstrução chegou para ficar’: certeza de desemprego, violência e miséria na terceira maior cidade do Maranhão.
O fato é que São José de Ribamar não é em si mesma a cidade que deveria ser. Apadrinhamentos políticos, currais eleitorais fortalecidos, suspeitas de malversações em licitações, dentre muitos vários atos de possível improbidade povoam a gestão de Moura, a quem o Ministério Público já vem investigando a passos de tartaruga ao longo das últimas semanas.  


Agora sob o deboche  do prefeito e o discurso vazio de sua administração, Fernando acaba de confeccionar banner oficial da prefeitura onde afirma que a 'reconstrução chegou para ficar'. Se assim o for, a miséria, a fome, o desemprego e a criminalidade avançarão  pelos próximos anos pelas mais de 137 comunidades do município. Quando ele afirma que ‘chegou para ficar’ informa que no bojo dessa proposta, as  bandeiras de abandono  vem,  também,  hasteadas. 

Como oferta.

2 comentários:

  1. Fernando Moura é o Cara kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    rapá kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    didico pexero

    ResponderExcluir

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB