segunda-feira, 2 de março de 2020
Léo Veras, diretor do site Porã News

O jornalista brasileiro Léo Veras, diretor do site Porã News, foi executado à tiros mês passado no Paraguai, em Pedro Juan Caballero, cidade na fronteira com o Brasil. A Repórteres Sem Fronteiras (RSF) pede às autoridades uma investigação minuciosa sobre caso.

Veras (52 anos), foi  friamente executado no dia 12 de fevereiro de 2020 na cidade de Pedro Juan Caballero, fronteira com o Brasil, por dois homens armados que invadiram sua casa no momento em que jantava com a sua família. Ele foi alvo de 12 disparos e, apesar de ter sido levado com urgência a um hospital próximo, não resistiu aos ferimentos. 
Léo Veras tinha origem brasileira e cobria notícias locais, com destaque para a atuação do crime organizado e sua relação com o...
O jornalista tinha origem brasileira e cobria notícias locais, com destaque para a atuação do crime organizado e sua relação com o narcotráfico - particularmente intensa nessa região de fronteira. Em seu site, intitulado "Porã News", publicava matérias sobre segurança pública e a política local. Por suas denúncias, ele já havia sido alvo de ameaças em 2013. Segundo entrevista dada a TV Record, no dia 28 de janeiro deste ano, Veras estava sendo ameaçado de morte por seus textos sobre a atuação do crime organizado.

O assassinato de Léo Veras representa um ataque ao direito à liberdade de expressão do conjunto de jornalistas e de toda a população que vive na região, já marcada pela violência do crime organizado e a corrupção, denuncia o diretor do escritório para a América Latina da RSF, Emmanuel Colombié. A RSF pede às autoridades locais que identifiquem o quanto antes os autores e mandantes dessa execução, privilegiando a hipótese de que o crime esteja relacionado com o exercício profissional do jornalista.”

Em 2014 a RSF denunciou o assassinato de de três jornalistas no Paraguai, Edgar Pantaleón Fernández Fleitas, Pablo Medina e Fausto Gabriel Alcaraz, igualmente especializados na cobertura sobre o crime organizado na fronteira com o Brasil.

O Paraguai ocupa  99º posição, entre 180 países na Classificação Mundial de Liberdade de Imprensa elaborada pela RSF. 

AS INFORMAÇÕES SÃO DA RFS
EDIÇÃO DE ANB

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB