sábado, 16 de março de 2019
Carro oficial do senador Irajá Abreu (PSD-TO) é flagrado buscando uma mulher em uma academia de luxo de Brasília. Os carros pretos oficiais que circulam pela capital federal custaram R$ 8,6 milhões aos cofres públicos. Não é a primeira vez que eles são vistos em locais que nada têm a ver com a atividade parlamentar 
 
Uma mulher morena, de cabelos lisos e compridos, foi vista entrando no veículo oficial do senador Irajá Abreu (PSD-TO), por volta do meio-dia dessa terça-feira (13/3), na saída de uma academia de luxo no Lago Sul, em Brasília. A moça, que pegou a carona no carro de natureza especial do Senado Federal, usava roupas verdes de ginástica. Procurado, o parlamentar não explicou a situação. A placa do carro é a 041.

Os carros pretos que circulam pela capital federal ostentando placas oficiais são garantidos por um contrato milionário firmado em 21 de julho de 2017 com a empresa Quality Frotas, sediada na Zona Industrial do Guará, região administrativa do Distrito Federal. Com vigência de dois anos e meio, o aluguel de até 85 veículos vai custar, no total, R$ 8,6 milhões aos cofres públicos. 

Carro oficial do Senado busca mulher em academia de luxo
Irajá Silvestre Filho, senador pelo PSD/TO.
Não é a primeira vez, neste ano, que eles são vistos em locais que nada têm a ver com a atividade parlamentar. O veículo destinado ao senador Romário (Pode-RJ), por exemplo, foi fotografado à noite, em frente a um bar na Asa Sul, no mês de fevereiro. Na ocasião, a justificativa foi que o senador usou o carro para se deslocar até um restaurante onde fez uma refeição.

Limite

As regras sobre o uso de carros oficiais foram estabelecidas pela Lei nº 1.081, de 13 de abril de 1950. No artigo 4º, ela determina que é “rigorosamente proibido” que o carro seja usado pelo “chefe de serviço, ou servidor, cuja funções sejam meramente burocráticas e que não exijam transporte rápido”, “no transporte de família do servidor do Estado, ou pessoa estranha ao serviço público” ou “em passeio, excursão ou trabalho estranho ao serviço público”.

A assessoria do senador foi procurada para explicar o uso do carro para buscar uma mulher na academia, mas não respondeu até a última atualização desta reportagem.

AS INFORMAÇÕES SÃO DA REPÓRTER MANOELA ALBUQUERQUE
EDIÇÃO DE ANB ONLINE

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB