sexta-feira, 28 de setembro de 2018
Poesia Sempre!
Leia na íntegra o poema Joyce Escandinava da obra Ode Triste para Amores Inacabados, de autoria do poeta e jornalista maranhense Fernando Atallaia

Joyce Escandinava

Nas campânulas, mundos diversos
Papagaios estendidos
Respondo à lama como num declive da imaginação restante
A que ano,  horas  chegaram eles trazendo de si a tempestade?
Amor debalde aliança
Onde toca , sangra
Onde olha , molha
Onde canta devolve ao pobre diabo sua última aurora
Manca

Resultado de imagem para prostituta loiras seculo 19
Quem calará o sol arrebentando?

Teus vermes de sapato perseguem o fúmeo  de tua loucura?
Joyce  rarefeita sob as bancas de legumes
Ânfora sem alça acenando adeus aos  coches indizíveis  
Pureza apodrecendo entre restos diletantes
Bolo de macaxeira sem  xícara de café
Instante vão sob o cão da falseada embriaguez?


Quem calará o sol arrebentando?


Já são dias meios,  cara desbotada de vagabundo
Este o anti-herói da menina de 23
Um animal alucinado ao meio dia das mulheres espalhadas
Quantas já passaram com suas mortes pelo beco acima visto
A quebrar espelhos nos cortiços miseráveis
Resultado de imagem para loira gostosa homem pegada forte
O que queres tu  com ela a escandinava da noite ?
Faceta  a esta altura?

O que queres   dela,  falésias ou carbono desbordado?
O que queres tu  com ela a escandinava da noite ?
Faceta  a esta altura?
Retesas as gravuras dos bordeis estais lá como ocro visitante
Trilhas implacáveis, automóveis te roubaram a esperança
Motoboys se jactaram de combustíveis, para que não fosses dormir com a
Companheira dos mutilados

Resultado de imagem para prostituta loiras seculo 20
Motoboys se jactaram de combustíveis, para que não fosses dormir com a companheira dos mutilados
Amanheceu 
Tua alma  paga Joyces de esquina
Há outra mais clara, mas esta é a  escandinava
Um libelo sem palavra te arrastando ao medo de seres outro no ser que negas
Ter por dentro
E as moedas que fogem do teu bolso?
Para onde  estão indo?

São Luís, março de 1996 

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações: agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com

Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB