quinta-feira, 7 de setembro de 2017
Homem pode ser preso após filmar traição da esposa com o chefe  
Marido traído pode receber sentença de até 15 anos por invasão de privacidade e propriedade.
 
Um flagrante de traição pode acabar custando caro para Sean Donis, um americano do estado de New Jersey, de 37 anos, que acabou tendo uma noite bem indigesta após rastrear a esposa por um aplicativo de busca do iPad. De acordo com informações do jornal New York Post, Sean e Nancy eram casados desde 2010 e juntos têm um filho de cinco anos. O flagra teria acontecido em abril de 2016. 

Após a esposa dizer que sairia para um encontro com amigas, o marido, desconfiado de que ela o estaria traindo, lembrou-se do iPad que pertence ao filho do casal que estava no carro da esposa e utilizou um aplicativo de busca para rastreá-lo, chegando assim, a casa de Albert López, de 58 anos, chefe de sua esposa, morador do condado de Rockyland. 

Ao se deparar com o carro de Nancy estacionado em frente à casa, Sean invadiu a propriedade e registrou alguns vídeos, inicialmente, sem que os dois percebessem. No primeiro vídeo, de sete segundos, é possível ver o casal entrando no quarto de Lopez. No segundo, as imagens mostram Nancy na cama com Lopez. Após isso, furioso, o homem resolveu confrontá-los. 
 
No primeiro vídeo, de sete segundos, é possível ver o casal entrando no quarto de Lopez. No segundo, as imagens mostram Nancy na cama com Lopez.
 
Eles negaram o caso, apesar do flagra. "Está tudo filmado aqui", rebateu Sean, apontando para a câmera do celular. Após a confusão, Sean foi expulso do local por Lopez, com a sua esposa dizendo que iria pedir o divórcio.

Sean desabafou ao jornal americano: "Sinto que fui punido duas vezes, no dia em que descobri a traição da minha ex-mulher e por ser denunciado depois de filmá-la com o amante, é injusto o que estão fazendo comigo". A corte concluirá o processo até final de setembro e existe a possibilidade de Sean ser condenado a até 15 anos de detenção. 

Howard Greenberg, advogado de Sean, disse que está certo de que o cliente será absolvido. "Nenhum júri vai condenar um homem que, nervoso com a traição, invadiu a casa do amante para flagrar a mulher. Foi um ato impensado. Ele agiu sob forte emoção", acrescenta. "Não cometeu crime algum".
 
 
AS INFORMAÇÕES SÃO DO DIÁRIO DE PERNAMBUCO
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE 

0 comentários:

Postar um comentário

IPVA 2017

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 9164 10 67

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB