terça-feira, 6 de junho de 2017
Roubos e assaltos são registrados com frequência em terminais como  Cohab, Cohama e Praia Grande
 
POR FERNANDO ATALLAIA

DIRETO DA REDAÇÃO


Os terminais de integração da Cohab, Cohama e Praia Grande que concentram milhares de pessoas , diariamente, juntamente com o terminal do São Cristóvão onde o fluxo de passageiros e transeuntes  chega a transcender a marca das  400 mil pessoas que necessitam de coletivos para ir ao trabalho e voltar para casa todos os dias, tem tirado a tranquilidade de estudantes,  mães e pais de família em São Luís. 

Fachada do Terminal da Cohab/Contrac foi totalmente recuperada
Terminal de integração da Cohab: somente este ano duas tentativas de homicídio.

A falta de policiamento aliada à ausência de políticas públicas de segurança preventivas vem favorecendo a onda de assaltos que se arrasta da portaria às paradas internas dos terminais. A Guarda Municipal da capital, segundo ludovicenses revoltados com o problema, não disponibiliza viaturas para combate da criminalidade instaurada. As ocorrências são inúmeras. Somente este ano, dezenas, dentre as quais duas tentativas de homicídio, foram registradas  no terminal da Cohab, um dos mais frequentados. 


Nadjane Pires , estudante da rede pública municipal, contou a Agencia Baluarte que o clima de medo e pavor virou  regra entre os amigos de escola. ‘’Se a gente não tiver muito cuidado eles assaltam até com revolver dentro do terminal. Minha amiga já foi assaltada com faca quando ia pra casa. Ninguém faz nada, está horrível. Dentro dos ônibus, eles roubam celular, tudo, é muito triste porque tudo acontece dentro do terminal, é muito triste, moço’’, desabafou a estudante.
Mulher morre atropelada por ônibus no Terminal da Praia Grande em São Luís
No da Praia Grande, assaltos, roubos e pequenos...

ANB Online tentou contatar a Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania da prefeitura de São Luís para obter informações sobre possíveis medidas que possam está sendo tomadas para inibir as ações criminosas nos terminais, mas até o fechamento dessa matéria, não obtivemos resposta. Em seguida, tentamos contatar o titular da SSP do Governo do Estado, Jeferson Portela para  obter   esclarecimentos sobre a lamentável realidade e saber dele quais providencias serão implementadas pela SSP para fazer frente  à onda de temeridade,  mas fomos informados de que ele estava em reunião. 


Exatamente no momento em que os maranhenses se reúnem em filas para pegar os  ônibus.


Um comentário:

  1. O poder público investe no crescimento abundante da criminalidade cada vez que deixa de desenvolver ações preventivas capazes de impedir o avanço da violência. 'Nossos governantes' preocupam-se apenas com um minúsculo grupo de pessoas, a grande população está largada à própria sorte.

    ResponderExcluir

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB