domingo, 19 de março de 2017

Estudante de Direito suspeita por receptação de roubo é presa 

Carolina Cardoso da Cruz Carvalho foi presa na sexta (17) em São Luís.
Ela foi encaminhada para o Plantão Central no bairro Cajazeiras, na capital.

Uma estudante de Direito identificada como Carolina Cardoso da Cruz Carvalho, de 20 anos, foi presa na noite de sexta-feira (17), em São Luís, suspeita pelo o crime de receptação de roubo (ato que consiste em receber, em proveito próprio ou alheio, objeto ou produto de crime).

Material apreendido foi encontrado na casa da estudante de Direito em São Luís (MA) (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Material apreendido foi encontrado na casa da estudante de Direito em São Luís (MA) (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Segundo informações da polícia, a estudante foi presa na Rua Isac Martins, situada na área central da capital, após os policiais realizarem uma abordagem no local e constatarem que um dos veículos estacionados próximo à residência da suspeita era fruto de roubo, ocorrido no bairro Cohaserma.

De acordo com os policiais, a localização exata da casa da estudante só foi possível porque além do carro estava também, entre os produtos roubados, um aparelho celular que possuía GPS, o que facilitou a identificação da casa.

No interior da residência da estudante de Direito, a polícia encontrou diversos objetos que haviam sido roubados no bairro Cohaserma. Dentre eles estavam quatro aparelhos de TV, cinco aparelhos celulares, um tablet, um vídeo game, quatro notebooks, um conjunto de talheres, uma sanduicheira, uma fritadeira, três caixas de componentes para computadores, um aparelho de som para veículos, uma mochila, bolsa com objetos pessoais, cartões de crédito, joias e cinco relógios de pulso.

Carolina Cardoso da Cruz Carvalho foi presa em São Luís (MA) (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Carolina Cardoso da Cruz Carvalho foi presa e encaminhada para o Plantão Central situado no bairro Cajazeiras, em São Luís, onde ficará à disposição da Justiça.
Os policiais afirmaram que a estudante não soube explicar a origem dos objetos apreendidos e, apenas informou que eles pertenciam ao seu namorado reconhecido como Gutemberg Mendes Viegas. Os policiais acrescentaram ainda que Gutemberg já tem passagem pela polícia.

Carolina Cardoso da Cruz Carvalho foi presa e encaminhada para o Plantão Central situado no bairro Cajazeiras, em São Luís, onde ficará à disposição da Justiça.


AS INFORMAÇÕES SÃO DO G1MA
EDIÇÃO DE ANB ONLINE 

Um comentário:

  1. Só Jesus na causa?

    Em 2017, o comunista Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior oram de joelhos, em São Luís, numa quarta-feira de cinzas, em evento financiado com dinheiro público. Em 2016, o fascista Jair Bolsonaro é batizado nas águas do Rio Jordão, pelo Pastor Everaldo, correligionário de Marcos Feliciano e Silas Malafaia

    (Vias)

    ResponderExcluir

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB