terça-feira, 22 de março de 2016

Mulher pula de ônibus para fugir de assalto na Cidade Operária

Uma mulher ainda não identificada torceu o tornozelo ao pular de um ônibus em movimento para fugir de um assalto.
O caso foi registrado no início da noite de hoje (22), na Cidade Operária.
Em janeiro, no Parque Vitória, Maricelia Furtado morreu ao também se jogar de um ônibus para fugir de um assalto e bater a cabeça no chão
Segundo as primeiras informações, três homens armados entraram no veículo e anunciaram o assalto.
No desespero, a vítima acabou se jogando. Felizmente, ela teve apenas uma entorse no tornozelo.
Este foi o segundo caso do tipo registrado em São Luís só em 2016.
Em janeiro, no Parque Vitória, Maricelia Furtado morreu ao também se jogar de um ônibus para fugir de um assalto e bater a cabeça no chão.
AS INFORMAÇÕES SÃO DO BLOG DO GL

Justiça condena ex-presidente da Câmara de Tutóia por improbidade

Antônio Jamilson Baquil foi condenado por duas sentenças.
Acusações se tratam de contratações sem licitação.

A Justiça do Maranhão (TJ-MA) condenou nesta segunda-feira (21) Antônio Jamilson Baquil, ex-presidente da Câmara de Vereadores de Tutóia, a 463 km de São Luís, por improbidade administrativa.
Segundo o juiz Rodrigo Terças Santos, titular da Comarca de Tutóia, Antônio Jamilson Baquil, foi condenado por duas sentenças de processos movidos contra ele. As acusações se referem aos anos de 2005 e 2006, e tratam de contratações sem licitação.
Segundo o juiz Rodrigo Terças Santos, titular da Comarca de Tutóia, Antônio Jamilson Baquil(foto), foi condenado por duas sentenças de processos movidos contra ele. As acusações se referem aos anos de 2005 e 2006, e tratam de contratações sem licitação
De acordo com o primeiro processo, referente a 2005, o acusado, então presidente da Câmara Municipal de Tutóia, efetuou contratações sem licitações e o devido processo de dispensa.
Neste processo, Baquil foi condenado a três anos de detenção, revertida em penas restritivas de direito, bem como pela prestação de serviço à comunidade ou entidade pública a ser estabelecida em audiência. Ele também foi condenado à perda de cargo público.
No segundo processo, datado de 2006, o acusado, enquanto Presidente da Câmara e como ordenador de despesas, teria efetuado contratações sem licitações e o devido processo de dispensa.
Por esta acusação, Antônio Jamilson Baquil foi condenado à pena de cinco anos de detenção, a ser cumprida em regime semiaberto no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís. Ele recebeu o direito de recorrer em liberdade.
AS INFORMAÇÕES SÃO DO G1 MA
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE 

Dupla caiu de bala em policiais militares
O caso aconteceu no início da noite da última segunda-feira (21), em Imperatriz
Audácia e ousadia! Essas palavras foram usadas em uma ação criminosa onde bandidos ainda tentaram matar policiais militares. O caso aconteceu no início da noite da última segunda-feira (21), em Imperatriz.
O tiroteio entre dois homens, que estavam em uma motocicleta, e uma patrulha da Polícia Militar, deixou moradores do Centro da cidade em pânico. Os dois suspeitos foram detidos, sendo um na segunda, e outro na terça-feira. O primeiro foi baleado e levado ao Hospital Municipal, o Socorrão.

ITZ
A dupla não hesitou nem por um segundo 
De acordo com informações, os policiais estavam em uma viatura quando desconfiaram de dois homens em uma motocicleta Honda Biz. Ao tentar abordagem, os PMs foram surpreendidos com tiros contra o carro.
Diante da situação houve a resposta policial. No tiroteio os ocupantes da motocicleta caíram, um ficou ferido e foi levado pelos próprios policiais ao hospital. O segundo conseguiu fugir deixando para traz a moto. Também foi apreendido um revólver.
Os tiros atingiram o para-brisa do carro onde estavam os policiais, mas nenhum dos militares ficou ferido. Várias equipes de policiais estão nas ruas a procura do segundo homem que escapou do cerco policial.

AS INFORMAÇÕES SÃO DE O IMPARCIAL 

Ministério Público pede bloqueio de R$ 1 milhão para garantir transporte escolar em Miranda

O prefeito de Miranda do Norte, Júnior Lourenço gastou uma quantia exorbitante para promover a festa em comemoração ao aniversário da cidade e esqueceu de honrar o compromisso com os estudantes da rede pública municipal de ensino.
E devido ao descumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que previa a compra de veículos para o transporte escolar da rede pública, a 3ª Promotoria de Justiça de Itapecuru-Mirim propôs Ação de Execução de obrigação de fazer contra o Município de Miranda.
Júnior Lourenço pagou mais de meio milhão de reais para Wesley Safadão tocar no aniversário de Miranda e esqueceu do transporte escolar 
A ação formulada pela promotora de justiça Carla Mendes Alencar, pede o bloqueio imediato de R$ 1.112.000,00 (Hum milhão, cento e doze mil reais), valor mínimo necessário para a aquisição de veículos.
O MP solicita ainda a intimação pessoal do prefeito Júnior Lourenço para que inicie imediatamente o procedimento licitatório para a compra dos veículos, além do pagamento de multa diária de R$ 10 mil, por descumprimento das cláusulas do TAC.
O MP calcula que por ter descumprido duas cláusulas do acordo – referentes à abertura de procedimento licitatório e à compra de veículos – o Município já soma 274 dias de atraso, o que corresponde a R$ 2.740.000,00 de multa, valor a ser revertido ao Fundo Municipal da Infância e Adolescência. O prefeito foi comunicado destes descumprimentos, mas não se manifestou sobre o caso.
Os primeiros quatro dos oito veículos a serem adquiridos pela Prefeitura deveriam ser comprados até o dia 31 de dezembro de 2015.
Quatro pessoas foram assassinadas nesta segunda-feira
Os crimes começaram na madrugada

Nesta segunda-feira, dia 21, até o momento, quatro pessoas perderam a vida de forma violenta em São Luís.

O primeiro caso aconteceu na localidade conhecida como Cruzeiro, em São José de Ribamar, onde um adolescente de 16 anos foi morto a facadas e pauladas nas primeiras horas da madrugada de hoje. O segundo crime vitimou Magno de Jesus Souza, morto a tiros, na Rua do Cajueiro, no Pontal da Ilha.

Seguindo a onda de violência, logo mais pela manhã, uma pessoa conhecida apenas como "Buiú", foi assassinada. O crime ocorreu na Rua José Sarney, no Bairro de Fátima. A vítima foi assassinada a tiros quando se deslocava para a Avenida Kennedy e foi surpreendido por duas pessoas em uma moto, que sacaram as armas e atiraram. Uma das balas atingiu o rosto de Buiú e saiu pela cabeça. O rapaz morreu no local.

Jeferson Portela, secretário de Segurança do Estado
Já no Tibirizinho, zona rural de São Luís, no início da tarde, outro indivíduo perdeu a vida violentamente. Adenilton dos Santos, mais conhecido como "Pitoco", morador da Vila Aparecida, região da Vila Funil, que de acordo com informações de testemunhas, ele estava na garupa de uma moto, quando foi atingido por disparos de arma de fogo.

Pitoco caiu da moto e morreu na calçada de uma casa. O piloto da motocicleta foi identificado como John Elton, também morador da Vila Aparecida. O rapaz também foi atingido com tiros, ainda chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Clementino Moura, Socorrão II, em estado grave.


A motocicleta em que as vítimas estavam é uma Honda CB 300, de cor preta, de placa NWZ-8697, da cidade de Timbiras no Maranhão. Os autores do homicídio, que também estavam em uma motocicleta, ainda não foram identificados.
362 presos são beneficiados com saída temporária
A autorização pode ser concedida por até sete dias, renovada até quatro vezes durante o ano

A juíza Ana Maria Almeida Vieira, titular da 1ª Vara de Execuções Penais de São Luís, divulgou portaria na qual autoriza a saída temporária de presos para o feriado da Páscoa. O período começa nesta quarta-feira, dia 23, e segue até às 18h, do dia 29 de março. A medida, prevista em lei, beneficia 362 apenados do sistema prisional de São Luís. 

De acordo com a portaria, algumas regras devem ser seguidas pelos beneficiados - entre as quais não ingerir bebidas alcoólicas, não portar armas e não frequentar bares, festas e/ou similares. O recolhimento dos presos às respectivas residências durante o período da saída deve ocorrer até às 20h. A portaria determina, ainda, que os dirigentes das unidades prisionais deverão comunicar na 2ª VEP, até às 12h do dia 30 de março, sobre o retorno dos internos e/ou eventuais alterações.
A juíza Ana Maria Almeida Vieira(foto), titular da 1ª Vara de Execuções Penais de São Luís, mandou soltar 362
A saída temporária é benefício previsto na Lei de Execuções Penais (Lei 7.210/84). De acordo com o Artigo 123 da referida lei, “a autorização será concedida por ato motivado do juiz da execução, ouvidos o Ministério Público e a administração penitenciária”.

Para receber o benefício, deverá o preso ter comportamento adequado e cumprimento mínimo de 1/6 da pena, se o condenado for primário, e 1/4 (se reincidente). A autorização pode ser concedida por até sete dias, renovada até quatro vezes durante o ano. Esta autorização será dada pelo juiz da Execução Penal, após manifestações do Ministério Público e da administração penitenciária, desde que atendidos os critérios estabelecidos na lei.

A VEP enviou cópias da portaria para a Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária, Secretaria de Estado de Segurança Pública, Superintendência da Polícia Federal, Superintendência da Polícia Rodoviária Federal, e direção dos estabelecimentos penais da Comarca da Ilha de São Luís.

AS INFORMAÇÕES SÃO DE O IMPARCIAL

EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE 

Luis Fernando recebeu apoio do PCdoB e PSOL a sua pré-candidatura a prefeito

Pela direita, pelo centro e também pela esquerda. Assim caminha a pré-candidatura de Luis Fernando (PSDB) à Prefeitura de São José de Ribamar.
O PCdoB e PSOL juntaram-se a mais 16 legendas, que já estão alinhadas com o ex-prefeito, para a formação da provável maior coligação majoritária ribamarenses na eleição deste ano.
Fruto da aliança feita com Luis Fernando, o PCdoB ribamarense recebeu na última quarta-feira (16), na sede do seu diretório estadual, em São Luís, a filiação de pelo menos dez fortes lideranças políticas municipais que militam com o ex-prefeito desde 2004, quando ele concorreu à prefeitura de São José de Ribamar pela primeira vez.
O ex-prefeito e pré-candidato Luis Fernando Silva: apoio do PCdoB e PSOL em 2016 
“Fomos muito bem recebidos pelos membros do diretório municipal do PCdoB e pelo presidente estadual, Márcio Jerry, que nos cumprimentou e ratificou o compromisso do PCdoB com a pré-candidatura de Luis Fernando. Como estivemos sempre com o ex-prefeito, ficamos ainda mais contentes com esse fato, por ser mais um partido na luta pela melhoria da nossa cidade”, pontuou o mais novo comunista, Erberth Didara.
Vice-presidente do diretório municipal do PSOL em São José de Ribamar, Adrio Monroe, argumenta que apesar das notícias de certo radicalismo do seu partido em alguns momentos, defender a pré-candidatura de Luis Fernando é uma oportunidade de mostrar à sociedade a principal filosofia da agremiação partidária: a luta por uma cidade melhor.
Para Adrio, nos seis anos da administração de Luis Fernando à frente de São José de Ribamar, ficou evidente a sua forma progressista de governar. “Sem radicalismo, estamos nos unindo em torno de um projeto que atenderá as demandas sociais e que irá construir uma cidade melhor. E ao dialogarmos com ele [Luis Fernando] verificamos a magnitude do projeto que ele tem para nossa cidade, enquanto nas outras pré-candidaturas tivemos apenas propostas vagas”, concluiu.

Nº de visitas

Confira a hora certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores