domingo, 2 de outubro de 2016
Prefeito de Mirinzal é preso por crime eleitoral

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, Amaury Almeida (PDT), prefeito de Mirinzal foi preso na manhã deste domingo (2) por crime eleitoral.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, Amaury Almeida (PDT),  prefeito de Mirinzal foi preso na manhã deste domingo (2) por crime eleitoral.

Resultado de imagem para Amaury Almeida (PDT)
A assessoria de Amaury nega que ele tenha sido preso, afirma que ele foi conduzido à delegacia para prestar depoimento como vítima de um atentado ocorrido na noite de ontem, sábado.
O candidato à reeleição, líder nas pesquisas,  é acusado de entrar em confronto com militantes adversários. De acordo com informações, seguranças do prefeito teriam baleado um eleitor na noite de sábado (1º). Foram detidos os seguranças e o gestor público.

A assessoria de Amaury nega que ele tenha sido preso, afirma que ele foi conduzido à delegacia para prestar depoimento como vítima de um atentado ocorrido na noite de ontem, sábado.

Um comentário:

  1. Nota Pública
    Em defesa da verdade e da minha honra e em respeito à opinião pública manifesto a minha indignação contra a ilegal, arbitrária e eleitoreira operação policial, e informo que:
    Nunca houve investigação, provas ou mandato que justificasse a prisão. A armação foi feita para nos afastar da votação e influenciar nos resultados das eleições.
    Muito antes da abusiva prisão, uma onda de boatos tomou conta da cidade, anunciando que o prefeito seria preso e que os votos dados a ele não seriam válidos.
    A vítima do suposto óbito, descrito na ação policial, gravou um vídeo onde inocentou o prefeito, e afirma ainda não tê-lo visto no local do episódio. Foi mais uma farsa montada para manchar a imagem do prefeito.
    Em nossa gestão, Mirinzal conquistou avanços importantes e históricos em todas as áreas. O nosso trabalho é aprovado pela maioria da população mirinzalense.
    Anuncio que as autoridades da Segurança Pública do Estado que comandaram a abusiva e truculenta operação serão denunciadas ao Ministério Público, com provas irrefutáveis.
    Confiamos na Justiça a reparação do prejuízo e a indenização por danos morais e materiais. Agradecemos a atenção e que Deus nos abençoe!
    São Luís (MA), 10 de outubro de 2016
    Amaury Santos Almeida
    Prefeito Municipal

    ResponderExcluir

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 9164 10 67

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB