segunda-feira, 26 de setembro de 2016
Fernando Atallaia e o Samba

Resultado de imagem para ANTONIO AILTON POETA
Por Antônio Aílton
Fernando Atallaia, poeta fera e compositor no melhor estilo da MPB,  investe agora na verve do reggae com um novo som: o "som cabeça", som irmanação O SAMBA. Irmanação porque, sendo reggae, não se volta para si, mas para a homenagem daquele que é seu irmão de raiz, de identidade e reivindicação, o samba. E é no Brasil que os dois se encontram, representado na conversa Rio-Maranhão, é na cultura do dia a dia, misturado na pele do povo deste país, filho da África, recebendo a Jamaica, pátria do Reggae, de braços abertos. Ou vice-versa.

O SAMBA é, portanto, um encontro. Fauzy Beydoun, vocalista da banda maranhense Tribo de Jah, já reconhecida não só no país, mas internacionalmente, é recebido por Atallaia. O reggae, sem arredar da sua batida, tira o chapéu para o samba. A batida contemporânea cede à evidência do contrabaixo pesado para a leveza de outras bases, mas chama quase que em retrô, a tradição do roots.


 A cultura popular se encontra com a pop-cult sob o olhar crítico dos caras, que reconhecem a multicultura, mas escancaram a pergunta-eco-protesto: "que Brasil [Brazil] é esse que se escreve com z"? Assim, a pancada se injeta na alma, na beleza do mesmo corpo tocado, que criamos quando estamos juntos.  Vamos de mãos dadas, com olhos abertos e canto (d) esperto.



Antônio Aílton é Poeta, Mestre em Educação pela Universidade Federal do Maranhão-UFMA; especialista em Crítica Literária pela Universidade Estadual do Maranhão-UEMA e Doutor em Teoria da Literatura pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE.  

6 comentários:

  1. Boa noite meu nobre multifacetado Fernando Atalaia uma fonte de tudo de bom, de escrito, de pensado e agora porquê não musicado né verdade? Nesta batida meu caro de Samba e/ou Reggae, o melhor ou certamente um dos melhores da Tribo de Jah. Sugiro ao amigo pesquisar a batida do Samba/Reggae do Olodum daqui da minha Salvador, batida única tirada da criação de um dos maiores músicos que esse pais já ouviu , o já falecido Neguinho do Samba, ritmista do Olodum. Jah de abençoe meu querido Poeta maranhense !

    ResponderExcluir
  2. Fernando Atallaia um lindo poeta a serviço da cultura do nosso estado te adoro lindão educado voz maravilhosaaaaa escreve canta e encanta como ninguem Beijosssssssssss
    Márcia -CCH

    ResponderExcluir
  3. Tradicionalmente, a fusão de ritmos, estilos e influências dentro da música é uma coisa positiva, pois propõe uma abertura e permite o encontro de correntes muitas vezes antípodas. O jazz mostra um exemplo marcante deste fenômeno, com o ingresso de Miles Davis no mundo do rock, fazendo nascer daí a música "fusion" , que trouxe uma abertura inteligente para ambos os lados. No seu caso do samba influenciado pelo reggae, que não é exatamante um samba-reggae. opera-se algo semelhante, que poderá ser, se bem divulgado, explorado devidamente nas apresentações de palco dos dois estilos. Parabéns a Fernando Atallaia pela criatividade!

    Augusto Pellegrini Filho-Radialista e Crítico-Rádio Universidade FM

    ResponderExcluir
  4. Parabéns, Fernando! Vc é o cara! Abs
    Fernando Duailibe Mendonça

    ResponderExcluir
  5. O bom poeta navega em qualquer campo do conhecimento e a música é m universo cheio de possibilidades, por isso não surpreende o desempenho brilhante de Atalaia. Parabéns!

    ResponderExcluir

Postagens mais visitadas

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 9164 10 67

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB