terça-feira, 15 de dezembro de 2015
Servidores da Justiça em Greve Geral realizam o bloco BYE BYE TRISTEZA
"BYE BYE TRISTEZA" vai ser o tema da grande festa em comemoração ao fim da era da Desembargadora Cleonice Freire do Tribunal de Justiça do Maranhão.
Organizado pelo Sindicato dos Servidores do Judiciário do Maranhão - SINDJUS/MA, o evento acontecerá na quarta-feira, 16/12, com concentração na Praça João Lisboa, Centro de São Luís, seguindo para o TJMA, a partir das 8 horas da manhã.
Resultado de imagem para DESEMBARGADORA CLEONICE FREIRE
A desembargadora Cleonice Freire: gestão reprovada que ganhará festa 
Dentre as atrações, estão programadas apresentações de charanga, artistas da terra, soltura de 66 balões brancos, em comemoração aos 66º dia de greve da categoria pelo pagamento de suas perdas inflacionárias, além de queima de fogos de artifício.
A festa será encerrada com um imenso abraço simbólico no TJMA, demonstrando a confiança dos servidores com a próxima gestão que se inicia a partir do dia 18/12, sexta-feira, do Desembargador Cleones Cunha.
A greve dos servidores do TJMA, iniciada há dois meses, é pela reposição inflacionária de 6,3% nos seus salários, referentes ao período de janeiro a dezembro de 2014. A presidente Cleonice Freire permanece  sem querer acordo ou conciliação com os servidores.
O QUÊ: Festa BYE BYE Tristeza
QUANDO: dia 16 de Dezembro
QUE HORAS: À partir das 8 horas da manhã.
ONDE? Concentração na Praça João Lisboa, Centro de São Luís - rumo ao Tribunal de Justiça do Maranhão.

Matéria enviada por Mônica Alves, da Assessoria de Comunicação do SINDJUS/MA

Polícia Federal realiza busca e apreensão na casa do senador Lobão

O senador foi citado na delação do ex-diretor da Petrobras Paulo Costa, referente a R$ 2 milhões destinados a campanha de Roseana Sarney

Casa do Senador e ex-ministro Edison Lobão em Brasília, é alvo da Operação da Catilinárias realizada pela Polícia Federal (PF) por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF).
A operação realiza um total de 53 mandados de busca e apreensão em sete estados mais o Distrito Federal.
O senador é investigado por ter sido citado na delação do ex-diretor da Petrobras Paulo Costa.

Edison Lobão assinará convêncio de implantação da Usina de Mauá-3
LOBO ACUADO O senador é investigado por ter sido citado na delação do ex-diretor da Petrobras Paulo Costa

Ele afirma que o senador teria entregue R$ 2 milhões destinados a campanha de Roseana Sarney que disputava o governo o estado do Maranhão em 2010.
A defesa do senador não quis se manifestar, na época que a denúncia veio a tona.
O ex-ministro também é investigado por ter recebido do dono da construtora UTC, Ricardo Pessoa, o valor de R$ 1 milhão durante o período em que assumia a pasta de Minas e Energia.
O advogado de Lobão, Antônio Carlos de Almeida Castro, disse que as buscas ocorrem na antiga residência do senador, da qual ele está se mudando, mas onde ainda se encontram a maioria de seus pertences. "Achamos a medida desnecessária, dado o constrangimento, mas é um direito do Ministério Público, que foi autorizado pelo Supremo [Tribunal Federal]".
De acordo com Almeida Castro, o senador Lobão está tranquilo. "O senador acompanha a medida sem nenhuma preocupação com o que vai ser apreendido."
De O Imparcial
Com informações da EBC
Edição da Agência Baluarte 
POESIA SEMPRE!

Leia na íntegra o poema ‘Congenialidades’ da obra inédita Orvalhos na Parede de autoria do poeta e jornalista maranhense Fernando Atallaia

Congenialidades

Por trás de sua boca escura um escuro maior pela manhã
Rasgando a torpe aurora dos dias iguais banhados dos prelúdios de sempre
Por cima de sua luz derramada aos varais um arco de íris à porta fechada batendo da Tranca aos ferrolhos escancarados abertos ao passo
Trôpego, míope, rasante.  

Resultado de imagem para homem batendo ferrolho

Por dentro de sua mão tateante uma sombra esverdeada de árvore sem os pomares da Relva
A trilha itinerante de sangue, epiderme, nervos, fonemas
A sua boca rasgada em versos febris, atônitos e virgens no ainda

Resultado de imagem para homem batendo ferrolho

Por dentro de sua saia anágua calçola pano raso de falos, mas panos rasos, sobretudo No adentrando
Onde uma estrela um asceta nos bagos do vão o espaço medrado maior que os Planetas
Onde uma rua uma estreita calçada irrompendo às pernas mundos opacos cerrados à Imaginação
Passagem de ouriçadas memórias e um olho 
Um olho ao chão
Um olho

Resultado de imagem para escultura de mulher

Por fora de sua livre palavra
Soluços de lavra às favas da mesa
Por dentro de sua tempestade esquivada as brisas mais tensas
As partes de ceia decaídas ao homem calado aos quintais

Resultado de imagem para mulher nua na chuva

Martelos pendurados e facas cochilando às gavetas?
Não é de carne nem de acineto nem tampouco o segredo é feito de silêncios, novos Abissais
Rogai por ti a humanidade sem água no deserto onde nascem escavados os orvalhos Enfermos
Orvalhos tristonhos que não bebem mais olhos nem almas
Que não bebem mais.



Fernando Atallaia, São José de Ribamar, Abril de 1998 

Assassinato de blogueiros no Maranhão vira matéria de organização de direitos humanos Artigo 19


A Artigo 19 é uma organização de direitos humanos que trabalha, entre outros temas, o direito à liberdade de expressão. Anualmente a ONG faz um relatório com casos de violação de  comunicadores(as) e defensores(as) de direitos humanos que tiveram seus direitos violados e foram vítimas de tentativas ou assassinatos, ameaças, torturas, agressões,  (aqui o relatório sobre o ano de 2014: http://violacoes.artigo19.org/vw/1IEvAMDM_MDA_bfbd5_/a19_R_violacoes_2015_web_final.pdf).

Blogueiros Ítalo Diniz e Roberto Lano foram assassinados no interior do Maranhão
O trabalho dessas pessoas também consiste na produção e publicação - manuais, relatórios, cartilhas para coberturas e comunicadores (as). (ver materia guia de proteção para comunicadores em situação de ameaças: (http://artigo19.org/wp-content/uploads/2014/11/guia_de_protecao_e_seguranca_para_comunicadores_e_defensores_de_direitos_humanos.pdf 

A morte dos blogueiro Ítalos e Roberto assassinados no interior do estado foi destaque no site da organização. :http://artigo19.org/blog/alerta-no-interior-do-maranhao-dois-blogueiros-assassinados/

A Artigo 19 é uma organização de direitos humanos que trabalha, entre outros temas, sobre o direito à liberdade de expressão e visa a proteção de comunicadores e comunicadoras em situação de risco ou ameaças e de morte.

O telefone deles é : (11) 3057-0071 ou 0042, aconselho que os colegas de profissão divulguem este excelente trabalho e guardem esse número na certeza de que como não podemos contar com o Governo do Maranhão, podemos contar com esse apoio.

AS INFORMAÇÕES SÃO DO BLOG DA ROSE
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE

Prefeito de Santa Rita falsifica licitação


O direcionamento de um processo licitatório, realizado em 2013, para contratação de serviços de pavimentação de seis ruas em Santa Rita levou o Ministério Público do Maranhão (MPMA) a requerer, em Ação Civil Pública de improbidade (ACP), em 3 de dezembro, a indisponibilidade dos bens, até o valor de R$ 518.023,28, do prefeito Antônio Cândido Ribeiro e de outros cinco réus, incluindo três parentes do gestor.
Formulada pela titular da Promotoria de Justiça da Comarca, Karine Guará Brusaca Pereira, a manifestação tem, ainda, como réus o filho do prefeito, Edney Araújo Ribeiro, além da sogra e da cunhada do gestor municipal, respectivamente, Maria dos Remédios Barbosa Martins e Michelle Nazaré Barbosa Martins.
Resultado de imagem para PREFEITO ANTONIO CANDIDO SANTA RITA
Antônio Cândido Ribeiro anda falsificando licitação em Santa Rita 
Também figuram como acusados na ACP a presidente da Comissão Permanente de Licitação do Município (CPL), Josivânia Serra, e a empresa Corban Empreendimentos LTDA.
PARENTES
O MPMA constatou que a empresa, vencedora da concorrência pública nº 032/2013, pertence, de fato, ao filho, à sogra e à cunhada do gestor municipal.
“Todo o processo de licitação foi falsificado pelos réus para que a empresa de parentes do prefeito fosse a única concorrente e a única ganhadora da licitação”, relata a promotora de justiça, na ação.
DIVERGÊNCIAS
Um fato destacado pela representante do MPMA na ACP é a divergência entre as datas nos avisos de licitação, publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) e da União (DOU). As datas anunciadas para a realização do processo licitatório variaram entre quatro datas entre os dias 9 e 23 de novembro de 2013.
“Essa imprecisão gerou confusão nos participantes, frustrando o caráter competitivo do certame por não atender ao princípio da publicidade integral”, explica Karine Pereira.
Também não foi publicado o edital da licitação em um jornal de grande circulação. Para a representante do MPMA, isso prejudicou a publicidade do processo licitatório porque não foi alcançado o maior número de concorrentes. “Isso permitiria obter a proposta mais vantajosa para a Administração Pública”.
Outra irregularidade constatada foi o fato de que Maria dos Remédios nunca trabalhou na Corban, somente assinava documentos. Na verdade, somente Michele e um funcionário, identificado como Lupércio, exerciam, efetivamente, funções na empresa.
ÚNICA PARTICIPANTE
A ata da sessão pública da licitação, realizada em 20 de dezembro de 2013, relata a participação de outra empresa, Costa Martins e Cia Ltda-ME, pertencente ao cunhado do prefeito, Valdiney Martins Araújo. A empresa teria somente adquirido a documentação do edital.
“Apesar do valor atrativo do contrato para qualquer outra empresa do ramo, R$ 518.023,28, surpreendentemente apenas a Corban Empreendimentos teria comparecido à sessão pública”, enfatiza a promotora.
Para a representante do MPMA, o fato deixa ainda mais clara a falsificação do processo licitatório para privilegiar a empresa do filho do prefeito, que também tem como sócias “laranjas” a sogra e a cunhada de Antônio Cândido Ribeiro.
Foi verificada, ainda, a ausência dos documentos de habilitação da Corban para participar do processo licitatório, como a comprovação da capacidade técnico-profissional e operacional e o balanço patrimonial da empresa.
De acordo com Karine Pereira, a falta desses documentos deveria ter sido suficiente para desabilitar a Corban Empreenimentos na sessão pública.
O município de Santa Rita está localizado a 79 km de São Luís.
AS INFORMAÇÕES SÃO DO BLOG DO ANTÔNIO MARTINS
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE

Deputado é pego na “mentira” no Twitter; Culpa do GPS ou do filho de 9 anos

O deputado estadual  Ericlaudio Alencar (PRB-AP) forneceu mais uma prova de quem nem todo o político tem a habilidade necessária para utilizar “corretamente” os recursos das redes sociais. No último sábado (12), o parlamentar fez uma postagem no Twitter que se tornou uma verdadeira gafe. No texto, ele dizia que havia acabado de passar em frente ao novo comando da Polícia Militar em Macapá e elogiou a operação. Porém, ele não contava com o fato de que o GPS de seu celular iria “dedurar” sua verdadeira localização no momento: a cidade Guarapuava, no Paraná.

Resultado de imagem para DEPUTADO Ericlaudio Alencar
MENTIROSO DE MARCA MAIOR O deputado Ericlaudio Alencar, do PRB: ''O que meus detratores precisam saber é que toda vez que tentam me apagar, surjo mais forte a frente”, explicou, dizendo ainda, em outra ocasião, que é “um parlamentar eleito e tenho responsabilidade com a verdade''. 
Como não poderia de ser, os milhares de quilômetros de distância entre a orla da capital do Amapá e a cidadezinha do Paraná chamou logo atenção dos internautas, criando uma boa repercussão entre os usuários da rede social. Como se isso não bastasse, a mancada do deputado foi eternizada em um print e compartilhada ativamente no Facebook, gerando ainda mais comentários sobre a “mentirinha” do político.

Diante das críticas, Ericlaudio acusou o filho de apenas nove anos, dizendo que o garoto havia alterado sem querer a localização do aparelho. Alguns usuários proprietários de perfis no Twitter chegaram a defender o deputado, alegando que este problema de localização pode ser recorrente no serviço, e o próprio parlamentar chegou a afirmar que havia arrumado o “problema” após desativar o recurso. Mas, como tudo na internet, a piada acaba se tornando mais importante do que qualquer justificativa.

Reprodução/Twitter
Print da falácia ganhou as redes sociais
Ainda assim, o político desabafou mais algumas vezes na rede. “Depois desse festival de torpeza que fui vítima, pensei em sair do TT. Porém adoro o bom combate. Vou apenas tomar mais cuidado. O que meus detratores precisam saber é que toda vez que tentam me apagar, surjo mais forte a frente”, explicou, dizendo ainda, em outra ocasião, que é “um parlamentar eleito e tenho responsabilidade com a verdade”.

Noivo sai pra comprar maconha e perde a própria festa de casamento em Brasília

Um homem de 26 anos foi preso nesta sexta-feira (11), poucas horas antes de seu casamento, que seria realizado em Formosa, no Entorno do Distrito Federal. O suspeito foi preso e autuado por porte de entorpecentes quando comprava maconha num bar no Guará, no Distrito Federal. A Polícia Militar não divulgou a identidade do rapaz para evitar maiores constrangimentos.
noivo
“Ele já foi exposto demais. Teve um prejuízo financeiro enorme”, afirmou o tenente da PM Reniery Ulbrich
“Ele já foi exposto demais. Teve um prejuízo financeiro enorme”, afirmou o tenente da PM Reniery Ulbrich, ao G1. O homem foi liberado pouco antes do horário da cerimônia, que já havia sido cancelada em razão da prisão. O prejuízo estimado pelo cancelamento da festa foi de R$ 20 mil. A dupla que vendia droga ao noivo foi presa em flagrante por tráfico.
AS INFORMAÇÕES SÃO DO G1
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE

Polícia Federal desarticula quadrilha que fraudava precatórios no Maranhão

A Polícia Federal desarticulou na manhã desta terça-feira (15) uma quadrilha que realizava saques fraudulentos de precatórios judiciais em todas as regiões do país. Seis mandados de prisão preventiva, sete de condução coercitiva e 14 de busca e apreensão estão sendo cumpridos nos Estados do Maranhão, Bahia e Pará. Os presos responderão por associação criminosa, estelionato e violação de sigilo funcional.

Segundo a investigação da Polícia Federal, a quadrilha sacava precatórios usando documentos falsos obtidos em um cartório do Maranhão. Os criminosos faziam a retirada do dinheiro, aplicando o golpe na Caixa Econômica Federal – com o auxílio de dois funcionários do banco – e jurisdicionados – que, segundo a Polícia Federal, ainda eram submetidos ao transtorno de provar que não retiraram o dinheiro.

Resultado de imagem para POLICIA  FEDERAL
Cerca de 100 policiais federais participam da Operação Pedreiras, que faz referência à cidade de Pedreiras (MA), onde foi emitida a maior parte das procurações falsas
A quadrilha ainda cooptava advogados recém-formados para sacar os precatórios mediante procuração do suposto beneficiário em troca de honorários advocatícios.

Foram registrados saques fraudulentos nos Estados do Maranhão, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Espírito Santo, Bahia, Pernambuco, Pará, São Paulo e Piauí.

Cerca de 100 policiais federais participam da Operação Pedreiras, que faz referência à cidade de Pedreiras (MA), onde foi emitida a maior parte das procurações falsas.

AS INFORMAÇÕES SÃO DO JORNAL PEQUENO
EDIÇÃO DA AGÊNCIA BALUARTE

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB