quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Prefeito de Anajatuba volta para a Penitenciária de Pedrinhas

Helder Aragão volta para a Penitenciária de Pedrinhas, onde permaneceu preso até o dia 29 de outubro, quando foi transferido para o Corpo de Bombeiros

O prefeito Hélder Lopes Aragão (PMDB) foi transferido na tarde desta quarta-feira de volta a Penitenciária de Pedrinhas, após realização de exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) de São Luís. A decisão foi dada pelo desembargador federal Mário César Ribeiro do Tribunal Regional Federal da 1º região, em Brasília.
A Polícia Federal (PF) fez o translado do prefeito Hélder Aragão até ao IML, e depois o encaminhou para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas.
Resultado de imagem para HELDER  ANAJATUBA
Hélder com Braide, o filho: retorno à 'cheirosa'
O prefeito foi preso no dia 20 de outubro, durante a Operação Attalea, o prefeito do município de Anajatuba Helder Lopes Aragão, permaneceu preso na Penitenciária de Pedrinhas, até o dia 29 quando foi transferido para o Corpo de Bombeiros do Maranhão, em São Luís.
Na ocasião, a Justiça atendeu ao pedido da defesa do prefeito que alegou que ele como advogado deveria ficar em prisão especial.
Pela Lei nº 8.906/94, do Estatuto da Advocacia, confere ao advogado "não ser recolhido preso, antes de sentença transitada em julgado, senão em sala de Estado Maior, com instalações e comodidades condignas e, na sua falta, em prisão domiciliar”.
O caso

A Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual e Controladoria-Geral da União executaram a operação que cumpriu oito Mandados de Prisão, uma condução coercitiva e três Mandados de Cumprimento de Medidas Cautelares Diversas da Prisão no dia 20 de outubro. Todos os envolvidos foram levados para a sede da Superintendência Regional da Polícia Federal, no bairro da Cohama, em São Luís.
Entre os investigados conduzidos estavam o atual prefeito Helder Aragão (PMDB), o empresário Fabiano Bezerra, secretários municipais e servidores da prefeitura.
As investigações iniciaram em 2014 e apuraram que se instalou no município na atual gestão uma organização criminosa destinada a desviar recursos públicos e lavar os valores oriundos do crime através da contratação direcionada de “empresas de fachada” que sequer possuíam sede física, estrutura, equipamentos ou funcionários para realizar os serviços contratados. Apesar da inexecução dos serviços, tanto as fraudes aos procedimentos licitatórios quanto o pagamento de valores só eram possíveis mediante a corrupção de membros da Comissão Permanente de Licitação da prefeitura, de secretários municipais e do prefeito.
A Polícia Federal também investiga fraudes no Educacenso (banco de dados do Ministério da Educação e Cultura), utilizando-se a organização criminosa do cadastro do Programa Bolsa Família, na tentativa de aumentar o número de alunos "matriculados" nas escolas e, consequentemente, os repasses do FUNDEB e do FNDE ao município.

As informações são de O Imparcial
Edição da Agência Baluarte

Policial transferido mostra a precariedade da Segurança Pública no interior do Maranhão

Transferido pelo comando geral da Policia Militar do Estado do Maranhão, em represália a sua atuação como um dos lideres da Associação dos Policiais Militares do Médio Mearim, (ASPOMMEM), com sede em Bacabal, o soldado Diego Paixão, registrou a precariedade que encontrou no aparelho de segurança na cidade de Marajá do Sena, para onde foi remanejado.

[28/10/2015, 13:36] +55 99 8144-8715: Bom dia senhores, aqui quem vos fala é o Sd Diego Paixão da Associação de Bacabal (ASPOMMEM).
Mais uma vez é chegado a hora de lutarmos pelos nossos direitos. Hoje estão tentando oprimir e calar a voz da Associação Militares, amanhã poderá ser a sua vez.Levantem-se e vamos mostrar que a nossa Polícia Militar é feita de homens e mulheres, honrados, corajosos, e determinados.
Estamos sendo transferidos para diversos lugares e hoje me encontro transferido para uma das cidades mais distantes e difícil acesso do Estado do MA (Marajá do Sena), além de responder a vários procedimentos disciplinares, pelo simples fato de lutar por melhores condições de trabalho e valorização da classe militar.
Obs: Procurem imediatamente suas associações e vamos a luta.
[28/10/2015, 13:36] +55 99 8144-8715: Esse movimento tem dois objetivos:
1. O apoio aos companheiros transferidos
2. Que o Gov. Cumpra o acordo, hoje já esquecido.
Obs: Segue abaixo fotos do DPM de Marajá do Sena.
[28/10/2015, 13:36] +55 99 8144-8715: Na porta ainda na moto é Diego na chegando, eu tenho medo de ter sido mandado pra lá para ser executado
[28/10/2015, 13:36] +55 99 8144-8715: A única Vtr ta quebrada na garagem da prefeitura, o q tem é uma moto.
A casa q nós estamos era cedida pela prefeitura e uma pessoa ligada ao ex prefeito entrou na justiça por reintegração de posse, a ordem judicial p/ sair já chegou e único prédio q tem é a Delegacia abandonada, do lado, de propriedade da prefeitura municipal''. 
índice
índice

índice
índice
índice

Vigilante é morto durante assalto no Socorrinho do São Francisco

Um vigilante que prestava serviços para a empresa Clasi Segurança foi morto enquanto exercia seu trabalho no Socorrinho localizado no bairro do São Francisco.
Dois bandidos chegaram ao local por volta das 19h aproximaram-se da vítima  e efetuaram dois disparos no peito da vítima, fugindo logo após levando a arma do vigilante.
Ele chegou a ser socorrido imediatamente, mas infelizmente faleceu ao dar entrada no Socorrão I
Ainda não foi confirmado se o vigilante teria reagido ao assalto.
A vítima identificada como Roberto Cesar Leandro Bulhões de 26  anos era morador do João Paulo. Ele chegou a ser socorrido imediatamente, mas infelizmente faleceu ao dar entrada no Socorrão I.
O revolver calibre 38 de marca Taurus seis tiros de n° 86522 contendo cinco munições intactas foi levada pelos bandidos.
Mais um jovem trabalhador que perde a vida tentando proteger a do próximo.
As informações são do Blog do Luis
Edição da Agência Baluarte
SOFIA É A MELHOR OBRA DA CARREIRA DE ANGELI

Os cartoons dele são admirados aqui na redação, mas nada comparado ao sucesso que sua filha fez conosco.

Sofia é angeli(cal)
Você já ouviu falar na expressão “antes tardo do que mais tarde?”. Pois ela se aplica ao estado de espírito desta quarta-feira (11). Digo isto porque, até ontem, o rosto de Sofia Angeli era desconhecido em nossa redação, o que percebemos ser um absurdo ao dar um Google nela. 

A filha do cartunista mais famoso do Brasil é um verdadeiro espetáculo: seios naturais, corpo malhado e um rostinho capaz de fazer padro chutar poste. Não bastasse todas essas especificações físicas, ela também é extrovertida, como revela esse ensaio de topless que Sofia fez para a Trip. divirta-se com as fotos. 

SOFIA ANGELI 2

SOFIA ANGELI 6

tumblr_megidgVtLA1qzdcexo1_500

CGU aponta irregularidades de Júnior Verde à frente da Superintendência da Pesca
Relatório da auditoria da Controladoria Geral da União (CGU) sobre a aplicação do seguro defeso no Maranhão aponta uma série de irregularidades que tem como principal acusado o deputado Júnior Verde, que poderia ter sido beneficiado eleitoralmente com o cargo de Superintendente Federal da Pesca e Aquicultura no Maranhão.
Segundo o relatório da CGU, no processo de inscrição no Registro Geral da Atividade Pesqueira foi exigido título de eleitor, que não consta entre os documentos exigidos pelas Instruções Normativas. A exigência é forte indício de benefício eleitoral, pelo relatório da CGU.
Resultado de imagem para JUNIOR VERDE
Júnior Verde(camisa verde) com o irmão Cléber Verde: mais sujo que pau de galinheiro
A CGU encontrou documentos ausentes ou incorretos, falta de comprovante de residência e fragilidade no registro dos pescadores.
 De 78 processos analisados, em 10 casos as informações quanto à filiação em entidade de classe não foram comprovadas e 26 requerentes que se declararam embarcados não forneceram o nome e/ou o RGP da embarcação. Além disso, na documentação apresentada, não há assinatura ou qualquer indicação de que tenha sido analisada por técnicos da SFPA/PI ou por qualquer outra pessoa. Os campos destinados a esses registros estão em branco em 50 dos processos analisados pela equipe de auditoria— aponta a CGU.
A Controladoria também apontou irregularidades no uso do cartão corporativo de Júnior Verde, com gastos considerados “atípicos” para despesas públicas e gastos mesmo em período de férias.
O Relatório nº: 201305975 sobre o exercício de 2012 foi realizada por meio de testes, análises e consolidação de informações coletadas ao longo do exercício sob exame e a partir da apresentação do processo de contas pela Unidade Auditada, em estrita observância às normas de auditoria aplicáveis ao Serviço Público Federal.
As informações são do Blog da Dalvana
Edição da Agência Baluarte

Nº de visitas

Confira a hora certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:

(98) 9 8767-7101

E-mail:

agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com



Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB