quinta-feira, 17 de setembro de 2015
Vários casos de escassez de água e baixo fornecimento foram registrados nos últimos três dias.

POR FERNANDO ATALLAIA
DIRETO DA REDAÇÃO

Sob os holofotes do descontentamento geral, a empresa investigada Odebrecht reagiu às dezenas de audiências públicas que vêm sendo realizadas em Ribamar e agora em Paço por conta da sua atuação abusiva.

Há exatos três dias, a Odebrecht, como forma de retaliação aos manifestantes, segundo informou a Agência Baluarte os consumidores, vem promovendo um verdadeiro show de escassez pelos bairros das respectivas cidades.   

Resultado de imagem para ODEBRECHT

Quanto mais audiências menos água- A lógica da empresa é a truculência. Na manhã dessa quarta-feira (16), a Região das Vilas em Ribamar sentiu o baque. Dezenas de localidades viram sumir das torneiras o liquido essencial. No Maiobão em Paço, situação semelhante foi percebida.

Ministério Público na cola, a Odebrecht ainda não se deu conta de que a insatisfação popular aliada à própria natureza irregular do contrato fechado com a Prefeitura de Ribamar, fazem dela um chamariz ululante para o descortinar de novos escândalos envolvendo, possivelmente, farta corrupção.

Ao invés de ‘tirar o time de campo’ a empresa insiste em permanecer. 

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB