sábado, 22 de agosto de 2015

Beto Rocha será transferido de Pedrinhas para o Comando Geral

Humberto Dantas dos Santos, o Beto Rocha, ex-marido da prefeita de Bom Jardim Lidiane Rocha (PRB), preso na madrugada de ontem(20) pela Polícia Federal, deve ser transferido ainda esta semana para a sede do Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão no bairro do Calhau, em São Luís.
Beto Rocha  e o ex-secretário de Agricultura, Antônio Cesarino, foram encaminhados para o complexo penitenciário de Pedrinhas, após realizarem exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal(IML) na tarde de ontem.
presos
Eles foram presos  por meio do desencadeamento da Operação Éden em combate ao esquema de corrupção desbaratado naquele município, que aponta fraude em processos licitatórios com suspeitas de desvios que ultrapassam R$ 15 milhões
Eles foram presos  por meio do desencadeamento da Operação Éden em combate ao esquema de corrupção desbaratado naquele município, que aponta fraude em processos licitatórios com suspeitas de desvios que ultrapassam R$ 15 milhões.
Advogados
Diante do poderio financeiro do acuado, pelo menos cinco escritórios de advocacia da capital, considerados entre os melhores do estado, já procuraram familiares de Beto Rocha para tentar tirá-lo da cadeia, o que é pouco provável, uma vez que o mandado de prisão é preventivo.
Desvios
Os presos são acusados de desvios de verbas da merenda escolar, da reforma de escolas, do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).
Os desvios de recursos são investigados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) e Ministério Público Federal (MPF).
As informações são do Blog do DC

“Prefeita Ostentação” diz que só se entrega se sua cela tiver câmera 24 horas

A prefeita Lidiane Rocha (PP-MA), da cidade de Bom Jardim, a 275 quilômetros da capital São Luís, no Maranhão, está sendo procurada pela Polícia Federal por suspeita de fraudes em licitação e desvio em recursos de merenda escolar. A Justiça expediu mandado de prisão preventiva contra Lidiane, mas ela, através de seu advogado, fez alguma exigências para se entregar: a principal é que ela quer uma câmera durante 24 horas dentro de sua cela.
Lidiane não pode ficar sem fazer selfies
Explica-se: Lidiane, de 25 anos, é viciada em aparecer. Ela faz selfies o tempo todo e exibe nas redes sociais suas fotos bem vestida, frequentando lugares caros, com carros de luxo. O que não combina nada com o fato de ela ser a prefeita de uma cidade de 40.000 habitantes à beira da miséria, com um dos menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil. Sobre o desvio da merenda escolar, Lidiane argumenta, através de seu advogado, que fazia isso para que as crianças não engordassem, ficassem em forma.
Além da câmera 24 horas na cela, para que seu dia-a-dia possa continuar a ser registrado, ela pede ainda que sejam colocadas fotos de sua prisão no Facebook e no Instagram. Antes de se entregar, porém, ela exige cabeleireiro, maquiador e figurinista. A PF está analisando o caso.
As informações são do Sensacionalista/UOL

Polícia russa investiga concurso de selfies com cadáveres

A polícia russa investigava nesta segunda-feira (17) os usuários de uma rede social russa que participavam de um concurso de selfies com cadáveres.
O concurso foi convocado no grupo “Um selfie com os mortos” na rede social Vkontakte, o equivalente russo do Facebook e muito popular no país.
Os administradores do grupo oferecem uma recompensa que pode variar de 1 mil a 5 mil rublos (de US$ 14,5 a US$ 75 ou de R$ 50 a R$ 261), para as melhores fotografias tiradas com os mortos, nas quais o fotógrafo deve aparecer sorridente porque “os mortos partiram para um mundo melhor”.
selfies
“Criamos este grupo para mudar as mentalidades no que diz respeito à morte''. 
A página, que tem 500 membros e seguia acessível nesta segunda-feira, chamou a atenção da polícia quando concedeu 5 mil rublos de vitória a uma foto tirada perto do corpo de uma adolescente de 13 anos, falecida em um acidente de trânsito na semana passada perto de Syktyvkar, no norte da Rússia.
Os habitantes de Syktyvkar e os parentes da jovem ficaram abalados ao saber da notícia pela imprensa, e temiam que o enterro da menina fosse afetado.
“Tentamos entender as circunstâncias após estes artigos e tentamos saber se por trás se encontra um grupo ou uma pessoa”, declarou à AFP o porta-voz da polícia local, Alexandre Shidiusov.
A investigação acaba de começar, segundo este porta-voz, e ainda é cedo para conhecer as possíveis sanções contra os administradores do grupo.
A rede Vkontakte suspendeu a página de um deles, chamado Alfred Poliakov, segundo seu perfil, por atividades suspeitas.
Contactado pela AFP, ele se apresentou como um ex-professor universitário de 28 anos que vive em Donetsk, no Leste separatista da Ucrânia.
“Criamos este grupo para mudar as mentalidades no que diz respeito à morte. A morte é o início de uma nova vida”, declarou por telefone, informando que havia aberto a página um mês antes.
Os selfies, muito populares na Rússia, começam a preocupar as autoridades do país, que lançaram recentemente uma campanha de sensibilização pedindo mais precauções, diante da onda de acidentes por selfies tirados em condições arriscadas, nos quais dezenas de pessoas morreram.

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB