sexta-feira, 24 de julho de 2015


Polícia Federal do Paraná precisa explicar por que blindou o nome do senador José Serra (PSDB-SP) do "Código Odebrecht" que foi vazado para a imprensa

As ligações do senador José Serra com a equipe da Lava Jato foram escancaradas no relatório divulgado hoje, sobre as mensagens capturadas no celular do presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht. As informações são do Jornal GGN.
O relatório da PF identifica as iniciais do vice-presidente Michel Temer e do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Mas coloca uma tarja preta na identificação da sigla JS.
Resultado de imagem para josé serra
Polícia Federal tentou blindar nome de José Serra do ‘Código Odebrecht’
Como o nome de Serra constava no relatório inicial da perícia, conclui-se que os filtros da Lava Jato criaram uma blindagem ampla para o senador. Confira aqui o trecho na página 20 do relatório, divulgado pelo Estadão.
Por que a blindagem?
A superintendência da Polícia Federal do Paraná precisa explicar por que cobriu com tarjas pretas o nome do senador José Serra (PSDB-SP) no relatório do “Código Odebrecht” (sobre as mensagens interceptadas no celular do empresário Marcelo Odebrecht).
Numa das mensagens do celular de Marcelo Odebrecht, havia a expressão “Adiantar 15 p/JS”.
Ao interpretar o “Código Odebrecht”, a Polícia Federal identificou JS como o ex-governador e senador José Serra (PSDB-SP), mas cobriu seu nome com tarja preta.
No entanto, em relação a outros nomes que também contam com foro privilegiado, como o governador Geraldo Alckmin e o vice-presidente Michel Temer, também citados mas sem referência a pagamentos, não houve o mesmo cuidado.
Também foram cobertos nomes de outros políticos, como José Eduardo Cardozo e Fernando Pimentel, mas apenas na menção a Serra havia uma referência a eventual pagamento.
Em nota, a assessoria do senador José Serra disse que ele “não tem a menor ideia do se trata”.
Fonte: Pragmatismo

Justiça proíbe Município de Ribamar de jogar lixo em Canavieira e Pau Deitado
Uma decisão liminar da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, desta quarta-feira (22), acolheu um pedido de antecipação de tutela e determina que o Município de São José de Ribamar se abstenha de depositar resíduos sólidos no local Canavieira/Timbuba e Pau Deitado, no prazo de quinze dias. O não cumprimento da decisão judicial implicará em multa/dia no valor de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais).
A ação civil pública afirmou que o Município de São José de Ribamar mantém um lixão a céu aberto, com a omissiva anuência do Estado do Maranhão, na localidade Timbuba/Canavieira, próximo ao bairro Mutirão, e que também afeta áreas contíguas no Município de Paço do Lumiar, nas localidades Pau Deitado e Timbuba. Juntou aos autos várias provas nesse sentido, contendo imagens, DVD’s, relatos da população afetada pela atividade poluidora, bem como notícias constantes de páginas da internet.
Resultado de imagem para GIL CUTRIM
Gil(foto) não pode mais mandar jogar lixo em Canavieira e Pau Deitado
Versa a liminar que o Município de São José de Ribamar se limitou a dizer, em defesa, que não há mais depósito de resíduos na localidade Timbuba/Canavieira e Pau Deitado, entretanto não juntou documentos comprobatórios. O Estado do Maranhão peticionou informando que se manifestaria somente quando da contestação, eis que o pedido liminar se dirige somente ao primeiro réu. Diz a decisão: “As provas coligidas aos autos me trazem a certeza de que o Município de São José de Ribamar está a praticar conduta contrária ao ordenamento jurídico, pondo em risco a saúde dos habitantes das localidades Timbuba/Canavieira e Pau Deitado e suas adjacências”.
E continua: “Os depoimentos, documentos e laudos que instruem o Inquérito Civil Público são claros quanto à existência de um lixão na área em questão, o qual é utilizado pelo Município de São José de Ribamar para a destinação dos resíduos produzidos no município, funcionando o mesmo sem qualquer licença ambiental e ao arrepio da legislação ambiental”.
Pro fim, o magistrado Clésio Coelho Cunha acolheu o pedido liminar de antecipação dos efeitos da tutela, determinando que o Município de São José de Ribamar que, no prazo de 15 dias, se abstenha de depositar resíduos no local Canavieira/Timbuba e Pau Deitado, sob pena de multa diária de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais), em caso de descumprimento. Na decisão, intima o prefeito de São José de Ribamar no sentido de cumprir a tutela antecipada deferida.
Matéria enviada por Assessoria de Comunicação da Corregedoria Geral da Justiça
Edição da Agência Baluarte

Vereadora encaminha ao Congresso projeto para que custo da prisão seja pago pelo condenado

A iniciativa foi da vereadora de Curitiba, Carla Pimentel (PSC)
No projeto encaminhado ao Congresso Nacional e à Presidência da República, a vereadora sugere uma emenda ao Projeto de Lei do Senado 513/2013, alterando a Lei de Execuções Penais.
No pedido, Carla Pimentel sugere que as custas da manutenção do preso na prisão seja financiado por recursos do próprio apenado e não de verbas públicas como acontece atualmente.
Segundo a vereadora, existe uma inversão de PRIORIDADES quanto ao assunto quando compara-se os gastos com a educação e manutenção de presos
Segundo a vereadora, existe uma inversão de PRIORIDADES quanto ao assunto quando compara-se os gastos com a educação e manutenção de presos.
Carla entende que o preso deve indenizar o Estado pelas despesas que o Estado adquire mantendo ele no cárcere, pois não é admissível que o Estado tenha mais gastos com criminosos do que na educação, nem mesmo se responsabilizar em bancar a estadia do bandido na prisão, já que ele de certa forma escolheu essa estadia, portanto deve pagar por ela.

MULHER DE BARBA 

Thammy Miranda aparece de barba em festa

Thammy Miranda surpreendeu a todos com o visual barbado na festa junina das revistas “Quem” e “Glamour”, que aconteceu na noite desta quarta-feira (22), em São Paulo. “Era para vir de caipira, caprichei”, brincou.
Resultado de imagem para thammy miranda antes da transformação
Aqui sem...
Apesar de já mostrar alguns pelos faciais por conta do tratamento hormonal, Thammy disse que ainda não tem barba o suficiente para manter o visual que fez com maquiagem.
“Tem um pouquinho só, mas com a terapia tudo que tem características masculinas você acaba adquirindo, o formato do rosto, pelos”, explicou.
Após a cirurgia de retirada dos seios, Thammy elimina – por enquanto – qualquer possibilidade de uma cirurgia para a resignação do sexo por considerar o Brasil ainda não tão avançado no procedimento, mas afirma que as características masculinas estão mais afloradas.
Thammy aparece de barba1
Aqui com. Você prefere qual? 

“Me considero um transexual. O nome vai continuar sendo Thammy, não vou mudar, mas podem começar a me tratar no masculino se preferirem. Quero que as pessoas me tratem da forma como elas me enxergam, se é como ‘ele’, podem me tratar assim”.

Família denuncia falsas campanhas de ajuda a bebês trigêmeos

Parentes reclamam de divulgação de contas bancárias de desconhecidos, campanhas falsas para arrecadação de dinheiro e negam a disponibilidade das crianças para adoção

Sandra Viana/O Imparcial
Fotografias de Gilson Rodrigues
Para uma família onde nasceram trigêmeos, no bairro Santa Helena, na capital, a rede social trouxe solução aliada a vários problemas. É o caso dos três bebês, cuja mãe faleceu deixando-os órfão. “O que a gente quer é esclarecer essa série de informações desencontradas, e muitas são falsas, sobre a situação da nossa família e dos bebês. Tem, inclusive, gente dizendo ser parente e repassando conta bancária”, disse o representante comercial Josean Mendes, 42 anos, tio das crianças.
As histórias são das mais diversas, relata o tio, que aponta as inúmeras campanhas em benefício dos bebês e as muitas ligações em horários inapropriados como motivos de preocupação. “A gente não é contra qualquer tipo de ajuda, de jeito nenhum, mas esperamos que as pessoas nos comuniquem sobre o que pretendem fazer. Já soube de pessoas usando de má fé, mal intencionadas se promovendo em nome das crianças", afirma o tio. Ainda segundo ele, mesmo na mídia, foram divulgadas informações erradas sobre o caso. "Deram nomes que não eram o das crianças, puseram o endereço errado, atribuíram parentesco a pessoas que nem conhecemos", enumerou.
Gilson Rodrigues / O Imparcial
A presença constante de pessoas estranhas na casa da família, no bairro Santa Helena, é outra preocupação 
A presença constante de pessoas estranhas na casa da família, no bairro Santa Helena, é outra preocupação. São pessoas que se apresentam como profissionais da saúde e outras oferecendo todo tipo de ajuda. "A gente tem medo de aparecer alguém aqui dizendo ser o que não é. Diante de tudo que vem acontecendo estamos muito preocupados", diz a dona de casa Maria José Rodrigues Coutinho, 43 anos, tia materna e uma das que cuida dos trigêmeos. A dona de casa disse ter ficado mais revoltada com informações de que as crianças seriam dadas ou iriam para adoção. "A gente vive de forma simples, mas conseguimos viver. Precisamos de ajuda sim, mas ninguém aqui nunca falou ou pensou em dar nenhum desses meninos. Eles são a lembrança boa que ficou da minha irmã", disse ela. Para o tio Josean, a simples menção do ato "é um absurdo e uma falta de sensibilidade com a situação".
Rotina alterada
A casa da família dos trigêmeos já era bastante movimentada com a presença das 16 pessoas que lá residem. A chegada dos bebês trouxe, ao mesmo tempo, alegria e tristeza pela perda da parente. Para ajudar com os bebês, todos da família se revezam. No banho, na alimentação, no colo, durante as madrugadas, todos se uniram pelo bem estar e o melhor tratamento possível para eles. "A gente quer dar todo o carinho e cuidado que a minha filha daria", diz Maria da Paz, 66 anos, avó materna das crianças. Em momento de descontração ela relata conhecer cada um dos meninos. "Aquele ali o choro é diferente dos irmãos", diz, apontando para um dos bebês. "O outro é calminho, não estranha ninguém", conta e nomeia cada um deles. "Conheço cada um dos meus netinhos", diz, se gabando. Mesmo sabendo das dificuldades que enfrentam, ela diz amar os netos e nunca se separar deles. "São a maior herança e mais alegre lembrança da minha filha".
Caso Trigêmeos
Apesar das limitações financeiras, família cuida das crianças em sistema de revezamento e garante que não vai abrir mão dos trigêmeos
A mãe dos bebês, Raimunda Vieira Rodrigues, tinha 40 anos quando faleceu. Além dos trigêmeos há mais quatro filhos - de 10, 13, 14 e 17 anos. Ela deu à luz em 19 de abril e as crianças precisaram ser transferidas para a UTI, onde passaram pouco mais de um mês na incubadora. Receberam alta e foram para casa, mas a mãe estava ainda bastante debilitada, conta a irmã Maria José. "Ela queria segurar as crianças, mas não podia. Nem dá mamar. Estava muito fraca", conta. Sobre a causa do falecimento, os familiares preferiram não entrar no assunto, alegando já terem sido divulgadas muitas informações erradas e que o foco são os bebês. A mãe dos trigêmeos faleceu no último dia 19.
Apoio
A família já recebeu doações de fralda, leite (as crianças tomam as chamadas 'fórmulas'), roupas e produtos de higiene para os bebês. As necessidades são triplicadas e a quem se interessar em ajudar, são aceitos tanto doações em produtos, quanto ajuda financeira. A família pede ainda apoio para atendimento médico e vacinação dos bebês, se possível, na própria residência. "Eles ainda não podem ir muito para a rua e também evitamos para que não peguem nenhuma doença", disse a tia Maria José. Duas das crianças ficaram cerca de 20 dias na UTI e a outra, pouco mais de um mês com agravamentos de convulsões, razão pela qual a família teme problemas de saúde.
A ajuda financeira é para que possam fazer algumas melhorias na casa, que é pequena e com estrutura bastante precária para acolher as três crianças. Os bebês dormem juntos em um mesmo berço num pequeno quarto com vários adultos. No local há ainda um amontoado de produtos fruto das doações e aquisição da própria família. O local, além de pequeno, é abafado e com iluminação precária. "Se alguém quiser e puder ajudar a gente nesse ponto, a gente agradece de coração", diz a tia.
A família aceita também a doação dos materiais de construção, caso o doador assim prefira. Os familiares reiteram ainda que há a necessidade de mais fraldas, leite, materiais de higiene para os bebês, a quem puder contribuir.
Doações para os trigêmeos
O endereço repassado para as doações é Rua do Jip, n-82, bairro Aurora (Anil), próximo ao antigo Arraial 500 Anos. Contatos para mais informações com Josean (tio) 99975.7132 / Jackeline (tia) 98833.6333 / da residência 3245.1412.

Irlan Serra torra R$ 1,9 milhões em material de limpeza em Pedro de Rosário

Já caminhando para a derrota nas eleições de 2016 e quase expulso do PTC, o prefeito do município de Pedro do Rosário, José Irlan Souza Serra vem fazendo a festa com o dinheiro público na cidade que administra.
A prefeitura está torrando uma boa quantia em apenas um contrato milionário referente à aquisição de materiais de limpeza e higiene para atender secretarias municipais.
Resultado de imagem para Irlan Serra, prefeito de Pedro do Rosário
Irlan é um dos investigados pela Polícia Civil e GAECO por participação direta no esquema de agiotagem e desvio de recursos públicos da merenda escolar, medicamentos, e do aluguel de máquinas e carros no Maranhão.
A empresa M S N dos Santos foi contratada para atender a demanda do ano de 2015, conforme o documento ‘de acordo com a necessidade’, por quase R$ 2 milhões.
Além dos altos gastos que levantam suspeitas de superfaturamento, vale ressaltar que o prefeito Irlan é um dos investigados pela Polícia Civil e GAECO por participação direta no esquema de agiotagem e desvio de recursos públicos da merenda escolar, medicamentos, e do aluguel de máquinas e carros no Maranhão.
Agora, veja o extrato do contrato publicado no Diário Oficial do Estado:
PDRO DO ROSRIO


As informações são do Blog do Minard
Edição de ANB Online

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB