domingo, 14 de junho de 2015
Homem mata esposa PM após ver fotos de traição em celular em São Paulo 

Image title

A policial militar Larissa Santos Velasco, de 21 anos, foi morta pelo seu companheiro.  Gleizer Nunes Velasco, 27 anos, confessou ter matado a esposa e disse em depoimento à Polícia Civil de Leme (SP) que cometeu o crime após encontrar fotos de uma suposta traição no celular de Larissa.

Gleizer teve prisão temporária decretada e  teria dito que matou Larissa estrangulada após levá-la ao canavial onde o corpo foi encontrado.

A Polícia Civil não revelou detalhes do depoimento, mas informou que o homem alega ter encontrado fotos comprometedoras no celular da esposa, que revelariam uma suposta traição. O conteúdo e a veracidade das imagens ainda não foram confirmados.

Fonte: MSN

Após curto-circuito loja de roupa pega fogo

O proprietário disse que o prejuízo deve ser de quase R$ 100 mil.

Uma loja de confecção pegou fogo, no bairro João Paulo, na Rua São José, na feira do João Paulo, hoje, 14. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a suspeita que p incêndio tenha ocorrido por causa de um curto-circuito no sistema elétrico.

No momento do incêndio, o estabelecimento estava fechado, o proprietário disse que todo estoque de roupas juninas estava dentro da loja. O prejuízo segundo ele é Ainda segundo os bombeiros o dono da loja também foi acionado para abrir as grades para que os bombeiros continuassem o trabalho. O proprietário disse que o prejuízo deve ser de quase R$ 100 mil.
As informações são de O Imparcial
Edição da Agência Baluarte


SUCUMBIU
Com falta de prática e farto discurso, Movimento não resistiu às críticas internas de seus próprios integrantes.   

POR FERNANDO ATALLAIA
DIRETO DA REDAÇÃO

O movimento ‘Frente de Libertação de São José de Ribamar’ que vinha congregando grande parte das lideranças politicas da cidade balneária se dissipou.

Lançada sob pretexto de fazer frente às ausências do Governo municipal, a Frente abriu um hiato na pauta politica que anunciava cumprir. Problemas internos e falta de compromisso com as causas sociais ribamarenses, segundo integrantes, foram as principais razões que motivaram a fragmentação.
Baixe 20150117_122425_resized.jpg (1186,2 KB)
Membros reclamavam de falta de prática por parte da direção do Movimento 
''Alguns membros do movimento nunca esconderam o descontentamento com a forma com a qual a direção vinha delineando o posicionamento e começaram, assim, a expor certa revolta com o comando. Já por outro lado, a farta promoção de discurso sem a devida efetivação prática do que vinda pregando desanimou até mesmo os mais animados. Virou piada'', disse um dos ‘frentistas’.

Com o fim fatídico da ‘Frente de Libertação’ restam apenas como alternativas oposicionistas na cidade balneária, o ex-prefeito Júlio Matos (PDT), o advogado Arnaldo Colaço (PSB) e o controverso político notívago Roberto Câmara (PPL). O Governo municipal tenta também ‘fazer’ um nome para contrapor-se ao retorno do tucano Luís Fernando Silva ao Executivo e a uma possível candidatura unificada das oposições em 2016.

Fabrício Werdum finaliza Cain Velasquez e unifica Cinturão dos pesados

O cinturão dos pesos pesados é do Brasil. No início da manhã deste domingo (14), na Cidade do México, na luta principal do UFC 188, o brasileiro Fabrício Werdum colocou o temido norte-americano Cain Velasquez no chão do octógono e finalizou o adversário com uma bela guilhotina, no terceiro roundo da luta, aos 2 minutos e 13 segundos. 

Resultado de imagem para cain werdum luta
Por outro lado, para o Brasil, a conquista de Werdum significa o terceiro cinturão em solo brasileiro. Além dele o país é representado por Rafael dos Anjos (leve) e José Aldo (pena).
Aos 37 anos, o gaúcho conquistou o sexto triunfo consecutivo e o 20º na carreira dentro do UFC. "Quero agradecer a todos. Todos devem respeitar o Cain, assim como eu respeito. Quero agradecer ao meu país, e principalmente a minha equipe. Uma luta aguerrida que, com certeza, vai ter revanche", comentou após o triunfo. 

Este combate representou o retorno de Cain Velasquz ao octógono após um longo período. A última apresentação havia acontecido em outubro de 2013, quando o norte-americano venceu pela segunda vez Júnior Cigano. Por outro lado, para o Brasil, a conquista de Werdum significa o terceiro cinturão em solo brasileiro. Além dele o país é representado por Rafael dos Anjos (leve) e José Aldo (pena).


Fonte: BN 

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB