sexta-feira, 6 de março de 2015
CPI DA PETROBRAS APROVA CONVOCAÇÃO DE JOÃO ABREU PARA DEPOR 
O corretor Marco Antônio de Campos Ziegert, que acompanhava Alberto Youssef em São Luís (MA) no dia em que o doleiro foi preso pela Polícia Federal, será convocado a depor na CPI da Petrobrás. O pedido de convocação foi feito pela deputada federal Eliziane Gama (PPS) e aprovado pela Comissão. Ziegert foi o emissário de João Abreu, ex-chefe de gabinete da Casa Civil de Roseana Sarney, no recebimento de parte da propina no caso dos precatórios.
CHEGOU A HORA DE CONTRATAR O ADVOGADO João Abreu, ex-secretário da Casa Civil do governo Roseana: assim como a chefa, atolado até o pescoço
A revelação foi feita por Youssef no depoimento de acordo da delação premiada, onde conta que teriam sido pagos R$ 3 milhões a João Abreu por conta do acordo entre o governo de Roseana e as empresas UTC e Constran para pagamento de precatórios no valor de R$ 113 milhões, que gerariam uma “comissão” de R$ 10 milhões.
O doleiro contou como foi pago o dinheiro a Abreu. Primeiro, duas parcelas de R$ 800 mil foram levadas por Adarico Negromonte, Rafael Angulo e mais uma terceira pessoa cujo nome não se recorda. A outra parcela de R$ 1,4 milhão, Youssef afirma ter levado pessoalmente, exatamente, na data em que foi preso no hotel Luzeiros em São Luís, quando deflagrada a Operação Lava Jato.
O dinheiro, segundo Youssef, foi entregue no hotel para Marcos Antonio Ziegert, a quem já conhecia e que havia lhe apresentado João Abreu. O doleiro foi até o quarto onde estava Marco Antônio e entregou a ele a mala com o dinheiro e uma caixa de vinhos para presentear o chefe da Casa Civil de Roseana Sarney. Youssef saiu do hotel algemado pela Polícia Federal.
Do Blog do Jeisael Marx

Edison Lobão está na lista de Janot e já contrata advogado

Ex-ministro de Minas e Energia do governo Dilma Rousseff, o senador Edison Lobão (PMDB-MA) está na lista de pedidos de investigação do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, enviada ao Supremo Tribunal Federal na última terça-feira, 3.
Lobão contratou o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, para fazer sua defesa. O peemedebista tem estado muito nervoso e tenta buscar informações para saber exatamente em qual contexto foi citado. Por enquanto, sabe apenas que seu nome foi implicado durante depoimento de delação premiada feito ao Ministério Público pelo ex-diretor da Petrobrás Paulo Roberto Costa.
Resultado de imagem para EDISON LOBAO
Edison Lobão contratou o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, para fazer sua defesa. 
Ao Supremo, Janot encaminhou pedido de abertura de inquérito contra 54 pessoas suspeitas de envolvimento na Lava Jato. Além deles, o procurador apresentou sete pedidos de arquivamento – entre eles o da presidente Dilma Rousseff e do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Os nomes não foram revelados oficialmente porque o caso está sob segredo de Justiça. Entre os 54 suspeitos estão políticos com e sem mandato e podem envolver parlamentares do PT, PMDB, PP, PSDB e PSB.
Até o momento, há informações de que, além de Lobão, outros três peemedebistas foram citados: o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL); o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ), e o senador Romero Jucá (PMDB-RR), segundo vice-presidente do Senado.
O ministro do STF Teori Zavascki, relator do caso, deve deliberar até sexta-feira, 6, sobre quais inquéritos vai pedir abertura. Depois disso, pretende retirar o sigilo de todos eles.
Fonte: Veja Online
Bebê de um mês de idade raptado em rodoviária
Uma criança de apenas um mês de idade foi raptada na tarde desta quinta-feira (05) na rodoviária do município de Rosário.
O bebê ainda não havia sido registrado. 
De acordo com o delegado regional de Rosário, Marcone Caldas, a mulher teria pedido para segurar a criança enquanto a mãe teria ido comprar uma fruta. A mulher, que seria negra e estava com dificuldade para andar devido um ferimento no pé, fugiu do local antes da volta da mãe da criança.
O bebê ainda não havia sido registrado. A Polícia já tem imagens de videomonitoramento de estabelecimentos próximos à rodoviária e trabalha no intuito de localizar a acusada e a criança. Imagem ilustrativa.

César Pires trabalha para tirar DEM de Clóvis Fecury

O deputado César Pires foi em busca de apoio da direção nacional do DEM para comandar o partido aqui no Maranhão e a direção apagada da legenda em São Luís, cujo comando é de Ricardo Guterres, decidiu partir para o ataque dizendo que já estar se movimentando para as eleições municipais do próximo ano.
Resultado de imagem para clóvis fecury e guterres
SE METENDO NO QUE NÃO É CHAMADO O problema é que Ricardo Guterres não tem autonomia alguma para sentar e iniciar conversas de alianças entre o DEM e outros partidos. 
Guterres disse que já iniciou conversas tanto com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) e com Eliziane Gama (PPS) sobre a sucessão municipal em São Luís.
O problema é que Ricardo Guterres não tem autonomia alguma para sentar e iniciar conversas de alianças entre o DEM e outros partidos. Como vem dizendo César Pires, o DEM – por enquanto – tem donos e estes são afeitos a interferências externas. Colocando em palavras claras, sempre tem rumo definido: ao lado de figurante do PMDB.
“Ninguém senta com o DEM para conversar sobre alianças. Nós deputados do partido não sentamos para conversar sobre alianças porque não temos a garantia que conseguiremos manter nossa palavra”, afirmou César Pires.
Resultado de imagem para césar pires
A proposta que Agripino vai fazer para Clóvis é que ele se torne somente o presidente de honra do DEM e que a parte administrativa e política fique com quem está com mandato, ou seja, com César Pires(foto). 
E é esse cenário que os dois únicos deputados da legenda do Maranhão – Pires e Antônio Pereira – querem mudar. Para César Pires, o presidente nacional do DEM, Agripino Maia, prometeu dá a liderança da legenda em São Luís para o parlamentar. Mas se as conversas com Clóvis Fecury (presidente estadual do DEM) avançarem, Agripino Maia dará a direção estadual para Pires.
A proposta que Agripino vai fazer para Clóvis é que ele se torne somente o presidente de honra do DEM e que a parte administrativa e política fique com quem está com mandato, ou seja, com César Pires.
Fonte: Blog do Minard, com edição da Agência Baluarte
OPOSIÇÃO UNIDA
Integrantes da oposição ribamarense se reuniram com o secretário de Articulação Política do Governo do Estado para tratar de assunto referente às eleições de 2016 na cidade.

Por Fernando Atallaia
Editor de ANB Online

Os integrantes dos movimentos de oposição de São José de Ribamar, dentre os quais a Frente de Libertação, se reuniram na manhã dessa quinta-feira(05) com o secretário de Articulação Política do governo Flávio Dino, Márcio Jerry, para tratar de assunto referente às eleições de 2016 na cidade balneária.

Estiveram presentes no encontro os pré-candidatos a Prefeito de Ribamar, Marco Aurélio(PPS) e Arnaldo Colaço(PSB), além de várias lideranças locais. A reunião, que versou sobre as articulações para o pleito do próximo ano, visou também dá ao Governo uma amostragem do trabalho que vem sendo realizado pela oposição na terceira maior cidade do Maranhão no campo político.

Em contato com nossa reportagem, Marco Aurélio avaliou o encontro como positivo. ''A oposição de Ribamar está unida e como nós da Frente de Libertação sempre apregoamos, trabalhando numa só direção; a reunião dessa manhã com o secretário de Articulação Política do Governo do Estado abalizou ainda mais essa confluência de objetivos que todos nós defendemos, união em prol de Ribamar é a nossa bandeira'', frisou ele.

Oposição de São José de ribamar se reuniu com o secretário de Articulação Política do Governo do Estado, Márcio Jerry na manhã dessa quinta-feira 
Responsável pela pauta junto ao Governo do Estado, o diretório municipal do PC do B, comandando por José Malheiros, o Malherinhos, segundo Marco Aurélio, vem sendo determinante para o fortalecimento do diálogo com os demais organismos sociais existentes no Maranhão. ''O companheiro Malheirinhos, assim bem, como os demais companheiros do PC do B vem sendo fundamentais e determinantes na abertura do diálogo com os setores sociais do estado, incluindo Governo, sempre com ações e atitudes louváveis’’, destacou Marco.

Arnaldo Colaço também fez questão de tecer considerações acerca da reunião que, de acordo com ele, foi proveitosa. ''Creio que o governo Flávio deve ficar informado das ações de mudança e renovação que vem ocorrendo com frequência em Ribamar, por ser este governo compromissado com o desenvolvimento das cidades maranhenses; a reunião foi muito proveitosa e nós da oposição estamos cada vez mais unidos em busca de melhores dias para nossa cidade'', afirmou Colaço.

De acordo com os oposicionistas, o secretário de Articulação Política lembrou que as intenções  do grupo em São José de Ribamar são de extrema relevância ao processo político e à manutenção da democracia no município e tem o reconhecimento do Governo que vem acompanhando em tempo real o posicionamento dos membros da oposição.

São José de Ribamar, que assiste pela primeira vez na história do município a uma nova configuração sociopolítica, é hoje uma das cidades mais afeitas ao debate social que vem antecedendo as eleições. Os ribamarenses sabem disso. O Governo do Estado também.


A LISTA DOS POLÍTICOS CONFIRMADOS, ATÉ AGORA, NAS INVESTIGAÇÕES DA LAVA JATO
Os nomes dos políticos que já foram confirmados entre os investigados na Lava Jato. Veja quem teve pedido de investigação e quem teve pedido de arquivamento solicitados pela Procuradoria-Geral da República
Embora o processo ainda corra em segredo de justiça, alguns nomes de políticos citados na Lava Jato e que poderão ser investigados já vazaram para a imprensa. A relação completa deverá ser divulgada nesta sexta-feira (6) por Teori Zavascki, ministro do STF responsável pela relatoria do caso.
lista nomes lava jato políticos
Alguns políticos já foram confirmados na lista da Lava Jato, seja por pedido de investigação ou de arquivamento. A lista completa e oficial com 54 nomes deverá ser divulgada nesta sexta-feira, 6 (Imagem: Pragmatismo Político)
Por ora, segue a relação parcial de senadores, deputados, deputados, ex-ministros e ex-parlamentares mencionados na Lava Jato, seja por pedido de investigação da Procuradoria Geral da República ou por solicitação de arquivamento:

Políticos com pedidos de investigação confirmados:

SENADORES
Ciro Nogueira (PP-PI)
Edison Lobão (PMDB-MA)
Fernando Collor (PTB-AL)
Gleisi Hoffmann (PT-PR)
Humberto Costa (PT-PE)
Lindbergh Farias (PT-RJ)
Renan Calheiros (PMDB-AL)
Romero Jucá (PMDB-RR)
DEPUTADOS
Eduardo Cunha (PMDB-RJ)
EX-PARLAMENTARES E EX-MINISTROS
Antonio Palocci (PT-SP)
Mário Negromonte (PP-BA)
Paulo Bernardo (PT-PR)

Políticos com pedido de arquivamento solicitado:

SENADOR
Aécio Neves (PSDB-MG)
EX-PARLAMENTAR
Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN)
FALECIDOS
Eduardo Campos (PSB-PE)
Sérgio Guerra (PSDB-PE)
Fonte: Pragmatismo Político

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB