terça-feira, 21 de outubro de 2014

Lenda do reggae jamaicano, John Holt morre aos 69 anos

John Holt, jamaicano veterano do reggae e pioneiro do rock, morreu na madrugada deste domingo (19), aos 69 anos. De acordo com Copeland Forbes, agente de Holt desde 2006, o cantor morreu de causas ainda desconhecidas em um hospital londrino.
Nascido em Kingston, na Jamaica, ficou conhecido como um membro da banda The Paragons, nos anos 1960, onde ele escreveu a canção “The Tide is High” -popularizada nos anos 1980 pela banda de rock Blondie.
John Holt morre em Londres aos 69 anos.
John Holt(foto) foi um dos ícones do Reggae em todos os tempos 
Na mesma época, também escreveu hits como “Tonight”, “Ali Baba”, “I See Your Face” e “Wear You to the Ball”.
Em 1970, Holt saiu dos Paragons para se focar em sua carreira solo e logo se tornou um dos maiores nomes do reggae com sua faixa “Stick By Me”, gravada com o produtor Bunny Lee, listado como o disco mais vendido na Jamaica em 1972.
Se último álbum foi “Peacemaker”, lançado em 1993.
Assustados com a onda de assaltos, roubos e assassinatos, moradores da Cohab não sabem a quem recorrer e pedem socorro.  

Por Fernando Atallaia
Direto da Redação

A falta de segurança seguida da onda corrente de assaltos, roubos e assassinatos vem deixando os moradores de uma das comunidades mais populares de São Luís, desesperados. A Cohab, um dos bairros que antigamente era sinônimo de tranquilidade na Região Metropolitana, hoje assiste a uma nova e terrível realidade: vem sendo, diariamente, vitimado por crimes, os mais diversos, em plena luz do dia.

Segundo os moradores locais, a falta de segurança é tanta que os meliantes andam como que a passeio pelas ruas da localidade promovendo ações criminosas e sem se preocupar se serão identificados ou não.

Coletiva com   coronel  alves  fotos francisco silva (4)
O comandante do Policiamento Metropolitano, coronel Alves: deixando um dos bairros mais importantes de São Luís em total insegurança  
Nossa reportagem conversou com alguns moradores da Cohab que preferiram manter o nome sob anonimato e obteve depoimentos os mais estarrecedores.

 ‘’ A Polícia Militar é ausente aqui no bairro e os bandidos andam assaltando de moto à vontade; não existe policiamento em nenhum trecho da Cohab e o único trailer policial que havia foi retirado; os moradores estão a mercê da própria sorte; assaltos à luz do dia acontecem e não há quem tome uma providência a favor da população; um dia desses cinco  elementos assaltaram uma estudante à pé no(colégio) Geraldo Melo, levaram celular e ainda aliciaram as estudantes’’, disse um deles.

O secretário de Segurança Pública, Marcos Afonso: assim como no filme de Stanley Kubrick, de olhos bem fechados 

Trechos muito perigosos- Os moradores denunciam que locais como a Praça do Rodão e as imediações da escola Almirante Tamandaré são pontos de grande incidência de crimes como roubos e assalto à mão armada e de alta periculosidade. ‘’As escolas do bairro estão sem segurança; as praças também sem nenhum tipo de proteção, sempre que acontece algum assalto, telefonamos para Polícia Militar mas a viatura não chega, estamos desesperados e sem saber a quem recorrer, aqui na (escola) Almirante Tamandaré está horrível e na Praça do Rodão nem se fala’’, afirma uma dona de casa, moradora histórica do bairro.
Diante das declarações feitas, o Blog procurou contatar o secretário de Segurança Pública do Governo do Estado, Marcos Afonso e o comandante do Policiamento Metropolitano, Coronel Alves, mas não obteve êxito. Enquanto isso, a temeridade, o medo e a insegurança continuam a pontuar o dia a dia dos moradores da Cohab. 

Lamentável! 
Banda Humble, que tem como integrantes músicos da cidade balneária, é o novo projeto do artista que já vem se consolidando na Grande São Luís.

Por Fernando Atallaia
Direto da Redação

Criada, recentemente, com a intenção de fortalecer a cena musical da cidade balneária e manter o intercâmbio com artistas e públicos da Grande São Luís e demais municípios maranhenses, a banda Humble que em português significa ‘humilde’ vem atraindo a atenção das plateias mais exigentes do estado.

Formada pelos músicos Diogo Frazão (bateria), Henry Rodrigues (guitarra) e Fran Moreira(violão acústico e  voz), o projeto musical é uma concepção de Fran, que vem se destacando como um dos mais importantes artistas ribamarenses da atualidade. Também integrante de projetos exitosos na área musical como o ‘Canta Riba’, Moreira segue como artista-solo e produtor em bandas e grupos musicais paralelos. Segundo o compositor, que afirmou ser a Humble, um projeto definitivo em sua carreira, a banda trabalha, atualmente, no sentido de consolidar sua participação no cenário musical maranhense a partir de São José de Ribamar.

Humble em ação: composta por músicos de São José de Ribamar, a banda vem se destacando no cenário musical da Grande Ilha 
''É a minha banda e dos demais integrantes, o espaço onde interpretamos compositores que mais gostamos e temos como referência musical para o nosso trabalho e também canções de nossa própria autoria; estamos ensaiando com frequência e bem entrosados musicalmente; já fizemos diversas apresentações em Ribamar e também nos apresentamos em shows particulares; é uma experiência musical inovadora e recompensadora; nossa intenção é fortalecer com música de alta qualidade o cenário cultural ribamarense e assim dá nossa contribuição ao nosso estado'', disse Fran Moreira.

Com um repertório que alterna-se entre a MPB clássica e a música pop brasileira atual, além de compositores do Maranhão, a Humble vai do Rock ao Samba, passando também por ritmos e gêneros musicais como Blues, Jazz, Balada e Música Regional. ''No repertório temos músicas autorais, temos artistas maranhenses como Fernando Atallaia, Zeca Baleiro, Santa Cruz, Rita Ribeiro, Mano Borges, Betto Pereira, dentre outros; fazemos um passeio pelo melhor da MPB e por todos os ritmos e gêneros musicais do Brasil e do mundo, é bem amplo nosso leque de influências na música; na verdade fazemos um som universal e  bem pop, brasileiro'', pontua Fran.

Fran Moreira explica também que a banda vem se apresentando com frequência em eventos particulares para os quais definiu um repertório específico. ''Nos apresentamos também em aniversários, encontros universitários, confraternizações, adoramos levar nossa música  às pessoas, é uma grande alegria e não temos preconceito em relação a espaço; queremos levar nossa mensagem da boa música a todos, então onde somos convidados, vamos com maior prazer'', finalizou o artista.



SERVIÇO:

O que: Shows da banda Humble.

Contatos: (98) 87854759 – 88997621.

Redes Sociais: https://www.facebook.com/profile.php?id=100005903388114 (Perfil do artista Fran Moreira no Facebook)


Locais de ensaio: São José de Ribamar (Sede). 

Mumificado e com 90 anos de idade, Epitácio Cafeteira dispara: ” Eles pensavam que ia ser fácil, ser meu suplente”


Blog do Minard 

E com essas palavras o mais antigo senador do Maranhão terminou uma pequena entrevista feita pelo repórter do Blog em sua residência em Brasília.
Com o corpo bastante debilitado devido a idade e também por um conhecido vício de consumir bebidas alcóolicas quando mais jovem, o senador falava pouco e limitava-se a responder as perguntas ao entrevistador.
Dentre várias perguntas, a que mais o empolgou a responder foi a lembrança do seu nome numa possível disputa ao governo do Maranhão nesta eleição de 2014. ” Meu filho, se eu fosse o candidato nós teríamos ganho essa eleição, mas na próxima vou colocar meu nome a disposição do grupo”
1610003_454521121344430_1752114154_n (1)
O velho e ''bom'' cafeteira:  ” Meu filho, se eu fosse o candidato nós teríamos ganho essa eleição, mas na próxima vou colocar meu nome a disposição do grupo”
Em suas palavras ainda é claro e vibrante o discurso do velho e experiente Cafeteira que marcou história no Maranhão, principalmente em seu período que governou o Estado.
Ao longo dos oito anos de mandato de senador que terminará em 31 de dezembro, Cafeteira nunca tirou um dia de licença, deixando o seu primeiro suplente só na vontade de passar pelo menos uma semana em Brasília.
O nome do primeiro suplente? Nem precisa mencionar, já que Cafeteira garantiu que irá honrar até o último dia de mandato, não me pergunte como, os mais de um milhão de votos que recebeu nas eleições de 2006.
SIMPLES ASSIM. 
Presos serram grade de cela e fogem do presídio São Luís I em Pedrinhas
Três detentos conseguiram fugir após serrar a grade da cela onde estavam presos.

De O Imparcial

Mais três presos conseguiram fugir do Complexo Penitenciário de Pedrinhas na noite desta segunda-feira (20). A fuga ocorreu por volta das 19h.

Os detentos identificados como Thiago de Sousa, Artur José de Oliveira Júnior e Erivaldo Santos Sousa escaparam do Presídio São Luís I, uma das unidades do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, após serrar a grade da cela onde estavam presos.

O Secretário de Estado de Justiça e Administração Penitenciária Paulo Rodrigues: seguindo a mesma trilha de seu antecessor, incompetência, despreparo e irresponsabilidade
Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) e a Secretaria de Justiça e da Administração Penitenciária (Sejap) informaram que a Polícia Militar e o Grupo Especial de Operações Penitenciárias (Geop) estão fazendo diligências para recapturar os detentos.

Ainda de acordo com a nota, a Corregedoria da Sejap vai instaurar procedimento para apurar as circunstâncias da fuga.

Concursados de Bom Jardim voltam a protestar em frente ao Tribunal de Justiça


Blog do Minard
 
O Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão adiou novamente o processo protocolado pela prefeita de Bom Jardim que visa derrubar todo o concurso realizado em 2011, o processo que estava na pauta da última quinta-feira (16) seria julgado pelo desembargador Jorge Rachid.
Como da última vez, dezenas de concursados saíram de Bom Jardim até São Luis e fizeram um manifesto na porta do Tribunal.
Prefeita de Bom Jardim, Lidiane Rocha
Prefeita de Lidiane Rocha dando a língua para a população de Bom Jardim: ela faz o que bem quer na cidade 
Após o arquivamento do julgamento não se sabe agora, quando o processo entrará em pauta novamente.
ENTENDA E RELEMBRE O CASO: O assunto seria analisado em definitivo no TJ/MA, sob a relatoria do desembargador JORGE RACHID MUBÁRACK MALUF.
Na oportunidade, seria julgado o processo que pede a suspensão da decisão do Juiz da comarca local de Bom Jardim, que foi mantida pelo próprio tribunal na mesma liminar onde pedia anulação total de todo o concurso realizado em 2011, exonerando assim, centenas de bonjardinenses de seus cargos. A ação foi protocolada pela prefeita de Bom Jardim, Lidiane Rocha.
Anteriormente, o magistrado manteve a decisão do Juiz local, porém deixou a decisão cabível de recurso, onde em seguida pediu provas para analisar as alegações das partes envolvidas, no caso a Prefeita Lidiane Rocha ,o ex-prefeito Antonio Roque Portela e a empresa Apoio Consultoria, responsável pelo concurso.
Porém, até o dia 22 de Abril de 2014, a empresa Apoio Consultoria e o ex-prefeito não se manifestaram sobre o caso. Somente no dia 3 de setembro o ex prefeito se pronunciou, sendo assim, o caso seria julgado ontem (16), com as manifestações já expostas pelas partes envolvidas no processo. [ Com informaçoes Blog Bom Jardim]

Nº de visitas

Confira a Hora Certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores