segunda-feira, 28 de abril de 2014



CINEMA MUDO? 


Por Fernando Atallaia

Editor da Agência Baluarte




A velha máxima de que ‘’contra fatos não há argumentos’’ encontra nas imagens abaixo o paralelo ‘’contra imagens não há puxa sacos’’. Ou contra puxa sacos, muitas imagens. 


Circulando nas redes sociais durante todo dia de hoje (28) a decrepitude do asfalto colocado em ruas e vias de São José de Ribamar pelo gestor municipal vai de encontro às incessantes propagandas da Prefeitura que tentam a todo custo afirmar que um grande canteiro de obras está sendo implantado na cidade. 


A péssima qualidade do calçamento e os duvidosos serviços da Secretaria de Obras da PSJR, ambos já denunciados por ANB Online em matérias recentes, atestam total falta de compromisso com a população ribamarense na área da Infraestrutura. 


Mesmo com a realidade exposta aos quatro cantos, os chamados ‘’babões do prefeito’’ tentam passar a imagem de que a cidade está em pleno desenvolvimento. 

Na foto em mural, o advogado Edson Júnior aparece descascando pigmentos de asfalto no Centro de São José de Ribamar. Oposicionista confesso do Governo municipal, ele é um dos ribamarenses que é perseguido e retaliado com frequência a mando de Gil Cutrim por indivíduos truculentos ligados ao prefeito do PMDB.  

Imagens da qualidade do asfalto colocado pela Prefeitura Municipal nas ruas de Ribamar: elas falam por si mesmas 

Após o constrangimento da rejeição o ex-prefeito sumiu do cenário político


Por Fernando Atallaia

Direto da Redação

Por onde andará Luís Fernando? Essa pergunta vem sendo feita com frequência nos bastidores da política maranhense e nas hostes do empresariado local que apostava no ex-prefeito de Ribamar como uma alternativa ao seu suposto crescimento. 

O fato é que Luís Fernando sumiu. E ressentido. Muito ressentido a ponto de até hoje não ter oficialmente se manifestado em favor de seu substituto, o famigerado Edinho Lobão ou como é mais comumente conhecido Edinho 30. A agora mais recente aposta da governadora. 
picole de chuchu 248x300 Recordar é viver: Luis Fernando Silva se aposentou aos 56 anos com salário de R$ 16 mil
Luís Fernando: ele foi parar no divã ou anda de boa por aí?
Luis Fernando, segundo apurou o Blog, ainda não superou a queda livre sofrida. Fontes ligadas ao ‘amigo’ de Roseana também informam que o ex-secretário de Infraestrutura vem sentindo paulatinamente os duros golpes de aliados e dos cupinchas que tanto lhe babaram como unanimidade ao Governo. Nas redes sociais, puxa sacos e babões de Luis Fernando o esqueceram como num passe de mágica e já transferiram as babas para o mais novo lobo dos Sarneys. Politicalha pura para quem achava que era amado em verdade. 



Luis Fernando desapareceu, mas sua forte influência sobre os menos avisados ainda paira sobre blogueiros entusiastas (leia-se pagos para desprender afagos) de seu projeto político falido. Ainda que, raramente, após a derrocada alguns blogs ainda continuam a difundir de forma melancólica as qualidades do ‘’bom gestor’’ que não conseguiu ser candidato ao governo do Maranhão. Uma prova de que Luis Fernando ainda não exorcizou  o episódio.
Foragido da Justiça é preso após pedir carona à Polícia Rodoviária Federal

Foragido da Justiça pediu carona à Polícia Rodoviária Federal na noite de sábado (26) no Km 156 da BR-010. Wesley Fernandes de Almeida é foragido do estado do Tocantins por ter cometido um furto qualificado na cidade de Guarani e foi preso na cidade de Porto Franco estado do Maranhão.

Wesley só queria uma carona
A prisão aconteceu logo após a equipe da PRF consultar no Sistema Unificado de Informações de Segurança Pública (Infoseg) a situação do homem que pediu carona. Wesley foi levado à delegacia da cidade e deve permanecer no local até a Justiça de Tocantins seja informada da prisão.
 
Compromisso com políticas sociais é um dever, afirma Flávio Dino em visita a Buriti e Duque Bacelar

A forte presença de movimentos sociais e entidades civis foi a grande marca do movimento Diálogos pelo Maranhão ocorrido no último sábado, quando as cidades de Buriti e Duque Bacelar recepcionaram o pré-candidato a governador, Flávio Dino, para discutir o Programa de Governo que está sendo construído a partir de plenárias e seminários realizados em centenas de cidades do Maranhão.

Com a presença de representantes do Sindicato dos Professores, dos Agricultores Familiares, de Grupos Culturais, Sociedade Civil organizada para propor novas soluções para antigos problemas do Maranhão e outras entidades estiveram com Flávio Dino (PCdoB), Roberto Rocha (PSB), deputados, vereadores e lideranças políticas da região para relatar os problemas locais – que precisam de ação direta dos governos para serem superados.

Presidente estadual da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura no Estado do Maranhão (Fetaema), Francisco Miguel esteve em Buriti para reafirmar os compromissos assumidos em documento por Flávio Dino em investir fortemente na produção maranhense. A defesa de investimentos em agricultura também foi defendida por Antônio Flora, presidente municipal da Fetaema de Buriti.

O pré-candidato a Governador, Flávio Dino: compromisso com políticas sociais é um dever
Além disso, Chico Miguel relatou aos presentes que as diretrizes baseadas na assistência técnica, na Educação para o campo e no incremento das políticas sociais voltadas para o campo. “Não aguentamos mais tanto massacre e por isso nos unimos a essa corrente que quer mudança para o Maranhão,” afirmou.

Outra classe que foi representada no evento foi a de Educadores. O presidente estadual dos Trabalhadores em Educação pediu que a classe política tenha especial atenção pelo desenvolvimento da Educação, superando índices de analfabetismo que aumentaram durante o governo Roseana Sarney. “Queremos ser exemplo de superação, mostrar que os maranhenses são lutadores e vão deixar para trás esse ciclo de atraso,” disse Júlio Pinheiro.

Diante de relatos de esperança e superação, Dino afirmou às centenas de presentes que é preciso olhar para frente. “Queremos um Maranhão com grupos culturais com apoio, professores valorizados, estradas com estrutura adequada. Vamos virar a página dos problemas do Maranhão junto,” afirmou ao ser indagado sobre a estrada que liga Buriti ao povoado Palestina, ligação com os municípios de Brejo e Anapurus, que está completamente desestruturada.

Construir um Maranhão mais Igual e mais Justo

Em visita ao município de Duque Bacelar, Flávio Dino e Roberto Rocha afirmaram que as propostas apresentadas para o Programa de Governo têm como principal meta oxigenar as instituições públicas do estado, fazendo com que elas funcionem para todos e que os serviços públicos atinjam dos municípios maiores aos menores.

“Administrar R$ 14 bilhões é tarefa para quem tem compromisso com as políticas sociais. É essa a função de um governador: transformar as riquezas do nosso estado em mais qualidade de vida para quem mais precisa”, foi o que Flávio Dino defendeu em reunião com centenas de moradores de Duque Bacelar. Roberto Rocha acrescentou que as propostas apresentadas esta semana significam a reafirmação de compromissos com o desenvolvimento social.

O procurador federal Cláudio Furtado foi um dos destaques no evento e afirmou que, a partir de pessoas comprometidas com a renovação das práticas políticas, é possível colocar em marcha as mudanças que o Maranhão precisa.
       

Nº de visitas

Confira a hora certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:

(98) 9 8767-7101

E-mail:

agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com



Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB