quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Entre vencedores, vencidos e a premissa da ética, o futebol brasileiro ainda é algo distante do ideal


Por Nielsen Furtado


O Campeonato Brasileiro de 2013, encerrou as suas atividades com acontecimentos tenebrosos que acabaram por ofuscar o merecido título do Cruzeiro, que durante toda a competição deu mostras de um futebol alegre e galanteador, que acabou conquistando torcedores de outros clubes pelo país.

Entretanto, como aqui no Brasil o carnaval é coisa séria, e o futebol e as festividades momescas casam perfeitamente; o último episódio da epopeia futebolística não poderia deixar de ter como trilha sonora a música “Mamãe eu Quero”, uma das mais conhecidas marchinhas carnavalescas.

Colocando o episódio protagonizado pela Portuguesa e antagonizado pelo Fluminense, remetido aos versos da canção, cristalizou-se a chantagem desmedida e preconceituosa do clube carioca, que em conluio com o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) enterrou de forma bizarra resultados estabelecidos em campo, lugar no qual, o futebol é resolvido. Futebol é para ser jogado, e só há vencedor dentro do campo, tudo mais que ocorra fora desse prisma é descabido e imoral.

Ao Fluminense, serviria a dignidade de compreender a ausência de técnica para manter-se na elite do futebol brasileiro. Ética é algo que faz parte do esporte também, ou será que os valores dentro do futebol mudaram? Ensina-se que o esporte aguça a compreensão de vitória e derrota, mas atitudes como a do Fluminense que foram ratificadas pelo STJD, expõem a fragilidade e as disparidades entre clubes ditos grandes e pequenos.

Lamentável o último episódio do futebol brasileiro em 2013. O que devemos esperar para 2014? Será mesmo que o Brasil terá capacidade para realizar uma Copa do Mundo tranquila e sem contratempos? O presidente da FIFA, Joseph Blatter, afirmou em uma entrevista para um grande jornal suíço, que o Brasil foi o país que mais atrasou as obras para a realização de um mundial deste que ele faz parte da instituição.

Observando nas entrelinhas, nem mesmo o Presidente da FIFA acredita no sucesso da Copa. Nós, meros brasileiros calcificados com tanta “tragédia grega” em nosso futebol, devemos ter fé, para que a Copa do Mundo de 2014, não seja uma das maiores vergonhas protagonizadas pelo Brasil, intitulado o país do futebol.

Ainda rebuscando os alfarrábios da consciência, desfazermo-nos em versos e prosa de parabenização ao Sampaio Correa, que soube apresentar as poesias futebolísticas do Maranhão, fazendo dos campos de futebol o palco para um grande recital em alusão à vitória. Foram jogos memoráveis que fizeram o Maranhão vestir-se de amarelo, verde e vermelho. Não à toa, a Bolívia Querida, carinhoso codinome de um dos times com maior torcida no Estado. Felicitações ao Tricolor, que soube resgatar o gigante que estava adormecido

Como uma grande Fênix o futebol maranhense ressurgiu, e apresentou, mesmo que de forma utópica, a possibilidade de confronto em perfeitas condições de igualdade com as demais equipes do país, principalmente do Rio de Janeiro. Levantamos essa possibilidade, justamente levando muito em consideração, o processo crescente de falência do futebol carioca.

Mas, o futebol maranhense não sobreviveu apenas de bons momentos, e um ano que poderia ter a coroação máxima, sucumbiu ao absurdo de quatro confrontos entre Sampaio Correa e Maranhão Atlético Clube em apenas uma semana. Foi surreal. Mas, são coisas que acontecem no Brasil, e principalmente no Maranhão, onde parece que tudo acontece com naturalidade e na maior normalidade.

Entre vencedores e vencidos, viradas de mesa e quem sabe, em algum estado da Federação, a contemplação da ética, o futebol brasileiro passou por 2013, enchendo o torcedor de esperanças em relação ao Hexacampeonato da Seleção Brasileira. Problemas de infraestrutura e desorganização à parte, gostaríamos de ver o Brasil apresentando um grande futebol e sagrando-se campeão em casa.

Que venha, então, 2014, com os estaduais, o campeonato Brasileiro e a Copa do Mundo. Que Deus esteja conosco. E mais do que nunca é necessário acreditar que ele é realmente brasileiro.




 Nielsen Furtado é jornalista e colaborador da editoria de Esportes de ANB Online.


Prefeitura de Bacabeira capacita rede municipal de ensino
Qualificar o professor e estimular o aluno a estudar e entender melhor o conteúdo, aumentando o nível de observação e discussão dos docentes e do corpo estudantil. Este é o principal intuito da Prefeitura de Bacabeira, por meio da Secretaria Municipal de Educação, com a realização do projeto “Educando para Incluir”, realizado em parceria com a Petrobras e a Fundação Trompowsky. Na última semana, todos os professores da rede pública municipal de Bacabeira receberam o certificado de conclusão do curso que os qualificou como membros habilitados para ensinar no Programa de Alfabetização e Letramento.

A gestão de Bacabeira vem investindo em Educação como prioridade
A iniciativa de trazer para o município a qualificação, tanto para os professores, quanto proporcionar um reforço no aprendizado de qualidade para os alunos, surgiu com o propósito da atual administração de aumentar os índices educacionais no município. “Todo gestor tem que estar atento principalmente com a saúde e a educação do seu município. Por isso nós temos nos empenhado ao máximo para incluir programas e projetos de melhoria para a nossa população. È fundamental criarmos uma sociedade com um alto nível de consciência crítica, com um forte poder de discussão, onde possam descrever os seus pensamentos. Uma sociedade democrática só existe através dos estudos”, disse Alan Linhares.



Exatos 210 professores da rede de ensino municipal foram capacitados por meio de técnicas para identificar dificuldades de aprendizagem nos alunos e de como superá-las. O projeto prevê, ainda, beneficiar aproximadamente 2 mil alunos da rede de ensino público, entre 04 e 59 anos, onde abrangerá desde os alunos do ensino regular até aos que participam do programa de Educação de Jovens e Adultas ( EJA). Todos os alunos passarão por testes de diagnóstico psicopedagógico.



A iniciativa tem por objetivo levantar a situação atual de aprendizado dos alunos de Bacabeira. Com isso, será possível formar turmas de reforço, paralelas a turma tradicional, por tipo de habilidades não desenvolvidas por esses alunos. Para a implantação do projeto, foram instaladas facilidades de telecomunicações e acesso à rede Internet para escolas municipais, viabilizando a inclusão digital dos alunos e professores. “È uma iniciativa positiva da gestão municipal, pois existe a qualificação dos corpos docente e estudantil, vinculando a atualização dos profissionais da educação e a aprendizagem dos alunos. Com atitudes como essas, nós teremos um nível melhor de aprendizado no município”, comentou a secretária municipal de Educação, Deiviane Torres.




Matéria enviada por Assessoria de Imprensa da prefeitura de Bacabeira. 


Paço do Lumiar vacina crianças contra o Sarampo
 
 
A Prefeitura de Paço do Lumiar, através da Secretaria Municipal de Saúde deu início na segunda-feira, 24, em todas as Unidades Básicas  e Centros de Saúde, à Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo. A imunização é voltada para crianças de 6 meses a 5 anos de idade contra o surto da doença diagnosticado recentemente na região Nordeste. A campanha segue até o dia 14 de março, e o município deve atingir a meta de vacinação e revacinação de 7.822 crianças.
 
polio_davi_valle_ses
Campanha de vacinação abrangerá todo município
 
O sarampo é uma doença infecto-contagiosa provocada pelo Morbili vírus e transmitida por secreções das vias respiratórias como gotículas eliminadas pelo espirro ou pela tosse. O período de incubação, ou seja, o tempo entre o contágio e o aparecimento dos sintomas, é de cerca de 12 dias e a transmissão pode ocorrer antes do aparecimento dos sintomas e estender-se até o quarto dia depois que surgiram placas avermelhadas na pele.

Sintomas - Além das manchas avermelhadas na pele, que começam no rosto e progridem em direção aos pés, podemos citar os seguintes sintomas: febre, tosse, mal-estar, conjuntivite, coriza, perda do apetite e manchas brancas na parte interna das bochechas . Otite, pneumonia, encefalite são complicações graves do sarampo.

O Ministério da Saúde registrou no início deste ano, 190 casos confirmados de sarampo na região Nordeste e os estados mais atingidos foram Ceará e Pernambuco. Os casos confirmados atingiram crianças menores de 1 ano de idade, e segundo o PNI, Pernambuco registrou 49% deles e o Ceará 51%.

Postos de Vacinação
 
UBS Maiobão
UBS Iguaíba
CS Maioba
CS Nsa da Luz
CS Vila São Pedro
UBS Pirâmide
CS São José
CS Itapera/Mocajituba
UBS Pindoba
CS Paranãs
CS Vila Cafeteira
CS Nova Canaã
UBS Lima Verde
CS Santa Rita de Cássia
 
 
 
 
Matéria enviada por Coordenação de Comunicação da prefeitura de Paço do Lumiar. 

Como se mede a idade de uma árvore?

A forma mais prática e eficaz para calcular a idade de uma árvore é através da análise precisa de seus anéis de crescimento. Chamamos de dendrocronologia o estudo da idade das árvores.

Dendrocronologia é o método científico que estabelece a idade de uma árvore a partir dos padrões encontrados nos anéis de crescimento no interior dos troncos. Esta técnica foi idealizada e desenvolvida por A. E. Douglass, fundador do laboratório Tree-Ring Research na Universidade do Arizona.

Árvores: elas também podem chegar à terceira idade
Para realizar a datação, um instrumento chamado trado é inserido no tronco, na região mais próxima da base, até atingir a medula ou centro da árvore. Esse instrumento retira uma porção em forma de cilindro, onde podem ser visualizados os anéis. Algumas árvores que não apresentam uma forma circular são mais difíceis de datar, nesses casos, várias porções são retiradas, até que o centro seja encontrado.

Os anéis são formados ao longo do tempo e sofrem ação direta do clima. A produção de tecidos ocorre marcadamente na primavera e no verão, formando os anéis anuais. A espessura dos anéis é definida pelas condições climáticas, quanto melhores forem as condições, mais largos serão os anéis, e vice-versa.




Polícia Técnico-Científica do Maranhão forma, mas não emprega.


Dos 45 peritos criminais formados em dezembro de 2013, apenas 14 foram nomeados.


A Academia Integrada de Segurança Pública (AISP) formou, em 12 de dezembro de 2013, 45 Peritos Criminais. Mas, o Governo do Estado nomeou apenas 14. Atualmente, o Instituto de Identificação do Maranhão só possui dois Peritos Criminais e mais de oito cargos, que deveriam ser ocupados por peritos, são exercidos por pessoal contratado de empresas terceirizadas.

Peritos formados pela
Academia Integrada de Segurança Pública: Governo do Estado esqueceu de empregá-los, delegando-os ao abandono
O Centro de Perícias Técnicas da Criança e do Adolescente (CPTCA) só possui dois Peritos Criminais Psicólogos e as demais vagas que deveriam ser de lotação de Peritos Criminais são ocupadas por Psicólogos contratados, infringindo o acordo firmado, em 2004, com a Organização dos Estados Americanos.

Os crimes cibernéticos têm se elevado e o Instituto de Criminalística conta apenas com dois Peritos Criminais para atuar na área de Informática e um Perito para atuar na área de áudio e vídeo (reconhecimento de imagens e gravações de celulares...).



Em 2011 a Associação dos Peritos Criminais – APOTEC - já havia apresentado ao então Secretário de Segurança do Estado do Maranhão Aluísio Mendes um memorando que falava sobre a necessidade de um efetivo para o cargo de perito.


O Instituto de Criminalística (ICRIM) em São Luís conta apenas com 51 peritos. Considerando ainda que dois Peritos Criminais estão afastados por problemas de saúde, esse número cai para 49. Isso representa praticamente a mesma quantidade de peritos empregados há 12 anos, quando foi realizado concurso por meio do qual entraram 40 peritos e se juntaram aos poucos que existiam na época.


Ainda assim, o Governo do Estado, mesmo sabendo dos fatos, só nomeou 14 Peritos Criminais, o que não irá absorver nenhum dos profissionais das áreas acima elencadas. A alegação é falta de recursos orçamentários, porém, como visto anteriormente, vários contratados atuam (e são remunerados) nas vagas dos Peritos Criminais.





Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB