segunda-feira, 12 de novembro de 2012
 
STF condena Dirceu a 10 anos e 10 meses de prisão por crimes no mensalão
 
Do Estadão
 
 
BRASÍLIA - O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou nesta segunda-feira, 12, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu a 10 anos e 10 meses de prisão pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa. Com isso, Dirceu terá de iniciar o cumprimento de pena em regime fechado, o que ocorre quando a punição é superior a 8 anos.
Dirceu foi condenado a 2 anos e 11 meses por formação de quadrilha e de 7 anos e 11 meses por corrupção ativa por ter atuado na compra de apoio político no Congresso Nacional. Também foi aplicada a sanção de 260 dias-multa, o que supera os R$ 600 mil.
 
 
O relator afirmou que o ex-ministro se valeu do cargo para praticar os crimes e que sua atuação foi contrária a princípios democráticos. "Foi um crime de lesão gravíssima à democracia, que se caracteriza pelo diálogo e opiniões divergentes dos representantes eleitos pelo povo. Foi esse diálogo que o réu quis suprimir pelo pagamento de vultosas quantias em espécie a líderes e presidentes de partidos".
 
 
Barbosa afirmou que a ação de Dirceu "colocou em risco a independência dos poderes". "Restaram diminuídos e enxovalhados pilares importantíssimos de nossa sociedade", afirmou o relator.
 
 
No crime de quadrilha, todos os seis ministros que condenaram apoiaram a pena sugerida por Barbosa. No caso da corrupção ativa foram oito os ministros que comendaram e apenas dois, Cármen Lúcia e Marco Aurélio Mello, sugeriram punições mais baixas.

PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO (PSB)

PARTIDO SOCIALISMO E LIBERDADE (PSOL)

 

 
NOTA AO POVO RIBAMARENSE
 


                   O Partido Socialista Brasileiro (PSB 40) e o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL 50), através de suas direções municipais e lideranças da cidade de São Jose de Ribamar-MA, vem, através da presente nota e em respeito à sociedade ribamarense, externar a toda a população a sua preocupação com os fatos extremamente graves, danosos e desumanos praticados pelo prefeito reeleito Gil Cutrim e seu grupo contra a população ribamarense, senão vejamos:

01 – Os Guardas Municipais de nossa cidade tiveram seus salários reduzidos em quase 40%, a maioria dos funcionários foram atingidos pela retirada do adicional de hora extra (dobras de carga horária) que era pago pela prefeitura há mais de 03 anos. A atitude do prefeito provocou perdas que chega a 900,00(novecentos reais) nos salários dos servidores da categoria.

02 – Há mais de 06 meses o RESIDENCIAL PINTANGUEIRAS que fica localizados no bairro PIÇARREIRA está pronto para ser entregue aos sorteados do Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal em São José de Ribamar-MA, mas a Caixa Econômica Federal que administra o Programa não está conseguindo entregar os apartamentos pelo fato da Prefeitura está cobrando uma taxa de 1230(um mil, duzentos e trinta reais) das famílias que foram sorteadas. Como todos sabem o Programa MINHA CASA MINHA VIDA foi criado pelo Governo Federal para realizar o sonho da casa própria das famílias de baixa renda em todo o país. Quase a totalidade das 868(oitocentas e sessenta e oito) famílias sorteadas não possuem condições de pagar a taxa cobrada pela prefeitura e, segundo a Caixa Econômica Federal, todos os prefeitos do Maranhão abriram mão e somente o prefeito de São José de Ribamar, numa atitude desumana e egoísta, não isentou os beneficiários do pagamento da taxa. A Caixa Econômica Federal informou, ainda, que caso não haja entendimento entre a prefeitura e as famílias sorteadas os imóveis poderão ser leiloados e as famílias poderão perder o direito de morar nos apartamentos e, com isso, o sonho da casa própria  se tornar uma grande frustração.

 03 – No inicio do mês de novembro dezenas de pais de famílias que trabalhavam na prefeitura foram até o Banco do Brasil para receber os seus salários e perceberam que não tinha nada na conta. Depois foram até à prefeitura perguntar o que estava acontecendo e receberam a noticia que tinham sido demitidos pelo prefeito. Todos eles são pais e mães de famílias e vestiram a camisa do prefeito e menos de um mês depois das eleições foram demitidos exatamente pelo prefeito para quem votaram pediram votos. Isso mostra que o prefeito queria apenas os votos dessas famílias e mais nada.

4 – Todas as demissões (exonerações) estão sendo realizadas sem o mínimo de transparência pelo prefeito, nenhuma delas foram publicadas no diário oficial do município como determina a lei nos casos nomeação e demissão (exonerações) de funcionários públicos.

5- Por último, para completar e relação de maldades de Gil Cutrim e seu grupo, 80 pais de famílias que trabalham na LIMPEL já receberam a carta de AVISO PRÉVIO e já estão esperando a hora da demissão.

              Esses fatos mostram que o prefeito reeleito Gil Cutrim e seu grupo não possuem respeito com o povo ribamarense e querem a prefeitura de São José de Ribamar apenas como instrumento de poder. Eles usaram da confiança do povo ribamarense apenas para consegui a reeleição e depois descartaram à própria sorte muitos pais de famílias. Talvez para o prefeito um salário mínimo não signifique nada, mas para um pai de família significa tudo, significa o direito de colocar ou não a comida na mesa para seus filhos.

              O PSB, o PSOL e suas lideranças, diante do respeito legitimidade a nós conferidas pelos eleitores nas ultimas eleições, lamentam por tudo que as famílias diretamente atingidas estão passando e aproveitam para reafirmar o seu compromisso com  o povo ribamarense.

 

São José de Ribamar, 11 de Novembro de 2012.

Arnaldo Colaço

Membro do PSB ribamarense e candidato a prefeito nas ultimas eleições

 

Gledson Pinheiro

Presidente do PSB Ribamarense

 

Adriano Santos Gonçalves

Presidente do PSOL Ribamarense

 

Ádrio Monroe Gonçalves Filho

Vice-presidente do PSOL Ribamarense.
 
 
Ações do município de Ribamar são destaque no Maranhão
 
 
Programa de Aquisição de Alimentos desenvolvido pela administração Gil Cutrim foi apresentado como experiência exitosa durante seminário promovido pelo Governo do Estado em Zé Doca e Itapecuru.  

 
As ações eficientes da administração do prefeito Gil Cutrim (PMDB) voltaram a ganhar destaque no interior do Maranhão. Durante o Seminário de Sensibilização sobre o Programa de Aquisição de Alimentos, promovido pelo Governo do Estado nas cidades de Zé Doca e Itapecuru Mirim, o PAA do município de São José de Ribamar foi apresentado aos gestores que participaram dos eventos como experiência exitosa na área da agricultura familiar e aquisição de alimentos.

Informações sobre o programa ribamarense, assim como os seus resultados positivos, foram repassadas aos gestores pelo secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento de Ribamar, Pedro Oscar Pereira, que representou o prefeito Gil Cutrim.
Gil Cutrim: estendendo Gestão às demais cidades maranhenses
 
O Programa de Aquisição de Alimentos do município de São José de Ribamar foi criado com o objetivo de combater a fome e a pobreza, além de fortalecer a agricultura familiar por meio da inclusão social no campo, garantindo aos ribamarenses acesso a produtos de qualidade e a uma alimentação saudável.
 
Através dele, a Prefeitura ribamarense compra boa parte da produção dos agricultores familiares da cidade e a utiliza na preparação da merenda servida nas escolas da rede municipal de ensino, assim como nas refeições oferecidas, gratuitamente, na Cozinha Escola Municipal e nas entidades sócio-assistenciais conveniadas com o município. 
 
Só para se ter uma ideia, somente este ano a Prefeitura já adquiriu 289 toneladas de produtos variados do setor da agricultura familiar, proporcionando alimentação de qualidade aos mais diversos públicos e contribuindo também com a movimentação da economia da cidade.
 
Vale ressaltar que, atrelado ao PAA ribamarense, a administração Gil Cutrim continua executando outras ações de incentivo aos setores produtores, tais como a Feira de Safra (feira itinerante que oferece produtos com preços mais baratos) e o Caminhão do Peixe (veículo totalmente adaptado que percorre todas as regiões de São José de Ribamar oferecendo pescado variado também com preços bem abaixo dos praticados na Grande Ilha).
 
Em menos de 20 dias, o município de São José de Ribamar foi visitado por 16 prefeitos eleitos – Dr. Raimundinho (Esperantinópolis), Rocha Filho (Água Doce do Maranhão), Rafael Mesquita (Buriti de Inácia Vaz), Gleide Santana (Açailândia), Donaria Rodrigues (Serrano do Maranhão), Marcelo Torres (Godofredo Viana), Juran Carvalho (Presidente Dutra), Jailson Alves (Lima Campos), Antônio José Martins (Bequimão), Joel Dourado (Cajari), João Pequiá (Sítio Novo), Djalma de Melo (Arari), Alan Linhares (Bacabeira), Ricardo Almeida (Altamira do Maranhão), Glaydson Resende (Barão de Grajaú) e Ludmila Almeida (Brejo de Areia) – que foram conhecer o funcionamento de projetos exitosos, desenvolvidos pelo governo municipal, nas áreas da saúde, educação, agricultura familiar e geração de trabalho e renda – dentre eles o Programa de Aquisição de Alimentos.  
 
 
 
Matéria enviada por Assessoria de Imprensa da PSJR.
 
Presidenta Dilma anuncia segunda etapa da Adutora do Algodão e lançamento do Mais Irrigação
 
O abastecimento de água não será mais problema para a região de Guanambi, no Oeste da Bahia, que agora conta com uma importante obra hídrica, a Adutora do Algodão. A inauguração da primeira etapa foi feita nesta sexta-feira (09) pela presidenta Dilma Rousseff, acompanhada do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, do governador do Estado, Jaques Wagner, e do presidente da Codevasf, Elmo Vaz – que ouviu da presidenta da República elogios pela rapidez com que a Codevasf e a Embasa (Empresa Baiana de Águas e Saneamento, vinculada ao governo estadual) executaram a obra, iniciada no ano passado.
A partir do funcionamento da primeira etapa da adutora, mais de 110 mil pessoas serão beneficiadas em uma área que compreende sete municípios e quatro povoados. Durante a cerimônia de inauguração, foi anunciada pela presidenta a segunda etapa da Adutora do Algodão, orçada em R$ 55 milhões, que vai atender a mais cerca de 55 mil pessoas nas sedes municipais de Caetité e de Lagoa Real e nas localidades rurais de Morrinhos, Maniaçu e Ibitira.
“Para nós agora, chegou a hora de resolver o problema da água de forma a garantir que as mulheres, os homens e as crianças possam tomar café da manhã, tomar banho, ter uma água saudável. Nós também queremos, e é por isso que na próxima terça-feira vamos lançar um programa de irrigação, usar a água para aumentar a produção de alimentos. Queremos que a Bahia use todo seu potencial para produzir e criar gado. Por isso, eu venho aqui. Esta é uma obra simbólica, e é simbólica porque é com obras assim que nós vamos resolver e vamos derrotar a seca”, disse a presidenta Dilma que anuncia, assim, o lançamento do Mais Irrigação, importante programa formatado e coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, junto com a Codevasf, que pretende implantar e atuar em mais de 500 mil hectares de perímetros irrigados em todo o país, gerando milhares de empregos diretos e indiretos no campo.
"A adutora vai levar água pra toda região e, portanto, é uma obra que vem fazer frente aos problemas da seca. Para nós, é um motivo de muita alegria uma obra dessa, que é esperada há mais de 30 anos pelos moradores da região, e finalmente concretizamos esse sonho”, disse o governador da Bahia, Jaques Wagner.
Para o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, é uma preocupação do governo garantir que a população possa conviver com os períodos de seca com água nas torneiras. “O nordestino sabe que desde o governo Lula as coisas mudaram no Nordeste, e essa obra chega para responder àqueles que insistem em dizer que nossas ações são apenas assistenciais”, afirmou. O ministro ainda destacou que somente em dois anos do governo Dilma, já foram investidos cerca de R$ 4 bilhões em obras hídricas.

 

Elmo Vaz destaca novos perímetros

Em seu pronunciamento durante o ato de inauguração, o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, lembrou que as obras da primeira etapa da Adutora do Algodão empregaram 500 operários durante 18 meses e, além de levar água de boa qualidade para a região, permitirão que 112 famílias de agricultores de Guanambi voltem a produzir mangas, bananas e outras culturas no perímetro de irrigação de Ceraíma, gerido pela Codevasf, mas paralisado desde 2008 em razão do colapso da barragem de Ceraíma.
“É importante frisar que não estamos apenas retirando água do São  Francisco, estamos também cuidando de revitalizá-lo, construindo sistemas de esgotamento sanitário em todos as sedes municipais situados na calha do rio, investimentos da ordem de 1 bilhão de reais. Só aqui nessa região, estamos saneando as cidades de Carinhanha, Malhada, Iuiú e Palmas de Monte Alto, todas com previsão de conclusão até o final de 2013. Somente na Bahia, estamos investindo cerca de 300 milhões com recursos do PAC em sistemas de abastecimento de água nas comunidades rurais difusas”, disse Elmo Vaz.
O presidente da Codevasf  acrescentou ainda, dirigindo-se à presidenta Dilma, que “com sua determinação e a condução do ministro Fernando Bezerra, em breve vamos colocar em operação os perímetros irrigados do Pontal, em Pernambuco, o Baixio de Irecê e o Salitre, na Bahia, e assim, em pouco tempo, duplicar a área irrigada sob a responsabilidade da Codevasf”, disse.

Adutora do Algodão

 

A Adutora do Algodão capta a água do rio São Francisco, na região de Malhada, e a distribui ao longo de mais de 270 quilômetros de tubulação. Os investimentos na primeira etapa somam R$ 157 milhões, recursos do PAC. A obra é uma parceria do governo federal, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), com o governo estadual, através da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa).
 
 
 
Matéria enviada por Assessoria de Comunicação e Promoção Institucional da Codevasf-Governo Federal.

Morre ator e diretor Marcos Paulo

 
Ator teve uma embolia pulmonar em sua casa, no Rio de Janeiro
 
 
Da Agência News
 
 
RIO DE JANEIRO – O ator e diretor Marcos Paulo, 61, morreu na noite deste domingo (11), em sua casa, no Rio de Janeiro. Paulistano, nasceu em 1º de março de 1951 e passou toda sua infância no tradicional bairro do Bixiga.
O motivo da morte foi uma embolia pulmonar. Ele passou mal no início da noite e, segundo a família, faleceu às 21h. O velório e a cerimônia de cremação acontecerão nesta segunda (12), no Memorial do Carmo, no Rio de Janeiro, a partir das 11h.
 
 
Em maio de 2011, ele foi diagnosticado com câncer, após uma série de exames de rotina. Em agosto do mesmo ano, foi submetido a uma cirurgia para remover um tumor no esôfago.
 
 
"Quando recebi a notícia, pensei: 'perdi'. É uma coisa chocante. Você sempre acha que pode acontecer com quem está do lado. Nunca com você", disse em entrevista publicada pela revista "Alfa" em janeiro deste ano.
Na última semana, o diretor havia passado por uma bateria de exames. Segundo os médicos, nenhum resquício da doença foi encontrado.
Marcos Paulo: mulherengo, ele atuou em papéis marcantes da teledramaturgia brasileira
 
Sua última aparição pública foi na sexta-feira (9), em Manaus, no encerramento do Amazonas Film Festival.
 
 
Considerado um mulherengo, Marcos Paulo Simões estava atualmente com a atriz Antônia Fontenelle, desde 2006. Antes vieram quatro relacionamentos duradouros, com Belisa Ribeiro, Márcia Mendes, Renata Sorrah e Flávia Alessandra, com quem teve Giulia.
 
 
A carreira de ator de Marcos Paulo na televisão começou em 1967, com "O Morro dos Ventos Uivantes", de Lauro César Muniz, na TV Excelsior. Ele tinha apenas 16 anos e o fato de ser filho adotivo do ator e diretor Vicente Sesso ajudou bastante.
 
 
Foram 33 novelas no total, a maioria na TV Globo. Um dos grandes momentos de sua carreira foi em "O Primo Basílio", onde foi o protagonista da adaptação do livro de Eça de Queiróz, em 1988. Sua última participação atuando foi em 2008, como Dr. Tadeu, em "Desejo Proibido".
 
 
Já a carreira de diretor teve início na novela "Dancin' Days", em 1978. Foram 16 trabalhos, com maior destaque para "Roque Santeiro", em 1985.
 
 
Além de novelas, ganhou da TV Globo a chance de ser um dos chefes de núcleos de programas, em 1998. 
No cinema, atuou em sete filmes e dirigiu apenas um, "Assalto ao Banco Central

Nº de visitas

Confira a hora certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores