quarta-feira, 22 de agosto de 2012






Coluna do Fernando Atallaia







Por Fernando Atallaia
Editor de ANB Online






‘candidatos laranja’ não constam na dieta eleitoral do ribamarense. Já vereadores causam indigestão



 
Os candidatos que ‘ousaram’ participar do processo eletivo deste ano objetivando tão somente o diletantismo proporcionado pelas eleiçõesestão fora da disputa na cidade. Pelo menos para os eleitores. É o que mostram as demonstrações de conscientização dos ribamarenses que prezam pela exigência de propostas e de projetos concebidos pelos candidatos a vereador e a prefeito. ’’ Política não é brincadeira, se a gente não decidir um candidato sério hoje, vamos perder mais quatro anos e nesses vereadores que estão ai, eu não voto em nenhum’’, afirmou a dona de casa Sílvia Helena, moradora do bairro Panaquatira. 



 
Afunilada por arrependimentos, decepções e até por ultrajes dos vereadores que elegeram nas eleições passadas, a grande maioria dos ribamarenses não sabe atualmente em quem votar e aposta nos novos candidatos a vereador como forma de resgatar o tempo perdido. ‘’Não sei em que eu vou votar, mas com certeza votarei num candidato novo, até porque esses que já são vereadores só procuram a gente em época de eleição, é uma vergonha, eles andam atrás de votos pra continuar no poder, na mamata e gozando de privilégios, precisamos resgatar o tempo que a gente perdeu com esses e apoiar outros, que sejam bons é claro’’, aconselhou a universitária Carla Adriana da Sede. 

 



Campanha de Paulo Alencar desponta no Parque das Palmeiras





O empresário Paulo Alencar, um dos candidatos mais bem votados nas últimas eleições, não tem do que reclamar. Popular na cidade balneária, Alencar é um dos nomes mais requisitados por setores sociais da população ribamarense a ocupar uma vaga na Câmara Municipal.




Paulo Alencar: candidato tem grande representatividade no município



O candidato, que também é presidente do diretório municipal do Partido Republicano-PR no município vem desenvolvendo atividades de campanha que tem cativado o eleitorado da cidade e grande parte da juventude ribamarense. 




No Parque da Palmeiras e região onde o empresário goza de adesões consolidadas, a campanha de Paulo Alencar segue fortalecida e a cada dia recebendo mais declarações de apoio. Igor Valentim, assessor de marketing da campanha republicana falou à coluna. ’’ O Paulo além de ser muito popular é um candidato sério, é ribamarense e um amigo da cidade, estamosfelizes com as declarações de apoio à sua candidatura’’, disse o assessor. 





 
Movimento da Mobilização Social e Cultural Baluarte-MSCB promoverá intercâmbio cultural em São José de Ribamar 





O Movimento da Mobilização Social e Cultural Baluarte-MSCB fundado por este colunista em abril de 2009promoverá em dezembro a 1ª edição do projeto Cultura no Balneário em São José de Ribamar. 



O encontro que visa reunir artistas das mais diversas formas de expressões culturais e tendências artísticas contemporâneas (literatura moderna e pós-moderna, artes plásticas, cinema, cultura popular, arquitetura, escultura, dança, música, cultura urbana, patrimônio histórico, entre outras) será protagonizado por grandes nomes da Cultura produzida na região da Grande Ilha, a saber, São Luís, Paço do Lumiar, Raposa e São José de Ribamar.
 



Artistas de cidades maranhenses como Pinheiro, Pedreiras, Caxias, Imperatriz, Santa Inês, Alcântara, Vitorino Freire, Bacabal, Barra do Corda, Tutóia, Barreirinhas e Grajaú também serão contatados para a formação do card preliminar de apresentações. 




Um dos objetivos do Cultura no Balneário é buscar a integração entre  as cidades a partir da Cultura e da Arte produzidas por seus artistas levando ao público o melhor de suas produções. Os interessados já podem inscrever-se pelo telefone: (98) 88946336. Para mais informações é só pesquisar Movimento da Mobilização Social e Cultural Baluarte-MSCB no Google. Não perca tempo! 




 
Insatisfação popular ronda eleições municipais





A insatisfação e o descontentamento da população ribamarense com as obras mal feitas e inacabadas do Poder Executivo estão andando de mãos dadas com as eleições municipais na cidade.



Moradores de bairros como Cidade Alta, Vila J. Lima, Vila Kiola, Tijupá Queimado e Vila São Luís reclamam dos serviços de péssima qualidade oferecidos pela Secretaria de Obras da Prefeitura Municipal e associam o descaso à reeleição do prefeito Gil Cutrim.




O pacote milionário anunciado pelo Executivo para realização de obras na área da Infraestrutura ao que parece não está sendo devidamente empregado na feitura de ruas e estradas do município.




Na Cidade Alta, os moradores tiveram de terminar os serviços que ficaram pela metade, incompletos. Já na Vila J. Lima, a raspagem das ruas e a ausência de piçarra têm causado transtornos aos moradores locais. No Tijupá Queimado, a rua principal do bairro vem causando prejuízos incomensuráveis às empresas que ali estão instaladas. A realidade caótica e deplorável também vem se arrastando pelas vilas Flamengo, Sarney II e Operária. 


 
O fato é que durante a campanha nada mais pode ser feito. Em contrapartida o anúncio da realização das obras está fixado no imaginário dos habitantes do município, que diante da má prestação dos serviços pouco ligam se a prefeitura pode ou não trabalhar durante as eleições. É o inconsciente popular insatisfeito! 

 


Teté é alvo de ataques de vereadores candidatos à reeleição




A campanha do candidato Teté(PV) vem incomodando alguns vereadores que concorrem à reeleição e que pertencem à base aliada do prefeito Gil Cutrim. A afetação tem origem na aplaudida candidatura do jovem empresário que goza de prestígio entre os membros doExecutivo Municipal e dos governos Estadual e Federal. 


Teté com Gil Cutrim: candidato é alvo de afetação e inveja de vereadores governistas



Recentemente em comício realizado por uma das coligações do prefeito,Teté foi alvo de retaliações e ataques infundados e gratuitos, frutos da insegurança de candidatos que temem a derrota nestas eleições. ‘’ Uma lástima, demonstração de mesquinhez e fragilidade, eles estão muito inseguros e com medo de não se reeleger por isso atacam quem realmente tem projetos para São José de Ribamar, esse moço Teté é capacitado, jovem, uma pessoa simples e um profissional competente, eles estão morrendo de inveja da campanha dele, por isso atacam o rapaz’’, disse a professora ribamarense Cristiana do bairro Parque Vitória.



Desde o lançamento da sua candidatura às atuais atividades de campanha promovidas pela equipe de trabalho de Tetéque as farpas não cessam. O incômodo de alguns inexpressivos candidatos (leia-se vereadores de mandato) em relação ao líder ribamarense tem razões óbvias: o empresário seria uma das predileções do prefeito Gil Cutrim para a Câmara Municipal e um dos seletos nomes ao Legislativo do município para a grande maioria dos habitantes de comunidades e bairros ribamarenses desassistidos pelos atuais vereadores nos últimos quatro anos. Como se vê está tudo mais que explicado!


 
Júlio Filho vem colhendo sucesso de encontros e caminhadas



O candidato a prefeito Júlio Filho(PC do B) vem causando certo faniquito entre lideranças e candidatos governistas. Tudo por conta de caminhadas bem sucedidas com presença maciça de populares e pelas demonstrações de apoio à sua candidatura nos encontros que realiza. 



Filho tem feito micro reuniões em bairros da Sede e Região das Vilas com frequência. A agenda do candidato tenta englobar todas as áreas (urbana e rural) da cidade balneária de forma sistêmica e direcionada. O único obstáculo encontrado vem do tempo de campanha que aos poucos já se esvai. No mais o público tem comparecido e declarado apoio ao candidato a prefeito a contento.


 
Lázaro está confiante da vitória em outubro 



O vereador Lázaro (PV) está confiante da vitória em outubro. Em conversa com o editor de ANB Online por telefone, declarou. ‘’ Fernando, o povo sabe do nosso compromisso, foram quatro anos de respeito com a população e de amizade com os ribamarenses, estou confiante de que serei reeleito porque sempre estivemos como até hoje estamos do lado do povo’’, afirmou o candidato. 


Confiante: Lázaro acredita em vitória



Lázaro que tem como reduto eleitoral o bairro Matinha enfrenta naquela comunidade as presenças dos também candidatos Cícero e Célia. Esta última vem aparando arestas na sua candidatura e desgaste acentuado na comunidade. Já o primeiro (Cícero) vem crescendo politicamente no bairro e caindo na graça do eleitorado local. Agora é esperar para vê!



 


Setembro é mês decisório para eleições na cidade




Todas as fichas, todas as cartas num só mês. Este é o ‘espirito’ que aos poucos envolve os candidatos na corrida eleitoral de São José de Ribamar. Até aqui, a fora os imbróglios internos patrocinados por candidatos despreparados no seio dos seus próprios grupos políticos, as eleições seguem na tranquilidade. 




Alguns adeptos deste ou daquele candidato motivados pela alienação e inexperiência tentam imprimir a velha e antiga imagem da porfia e do fuxiquismo barato às campanhas de seus prediletos, obtendo como lucro a rejeição da população aos candidatos que defendem. 




O eleitorado da cidade presente tanto nas ruas quanto nas redes sociais (Facebook, outros) já não é aquele de dez anos atrás. O eleitor pede mudança e novos procedimentos (digamos, comportamentais) para que possa declarar seu voto com ímpeto e firmeza. De outra forma, a brochante descompostura fornecida grosseiramente por certos assessores de vereadores e candidatos confusos nada mais fará que afastar o eleitorado das suas campanhas. O que já vem ocorrendo.




 
Henrique Queen ganha adesão de Júnior Câmara





O vereador e candidato à reeleição Henrique Queen recebeu na última semana adesão voluntária do empresário Júnior Câmara que vem, de acordo com Queen, agendando visitas e compromissos de campanha para o vereador. ‘’ Ele está me apoiando porque decidiu que devemos voltar aos trabalhos na Câmara Municipal, foi o que ele me disse, estou muito alegre e satisfeito com tamanho reconhecimento’’, exultou Queen. 





Queen: apoio de Júnior Câmara


Júnior Câmara, filho do ex-prefeito J. Câmara (já falecido) foi cooptado como um provável candidato nestas eleições. Diante da desistência de Júnior em concorrer às proporcionais muitos postulantes ao Legislativo e atuais candidatos a vereador o procuraram buscando apoio às suas candidaturas. Câmara, porém se decidiu por Henrique Queen. ’’ Eu realmente não esperava, o Júnior é um nome de peso na política ribamarense e estar vestindo a camisa do projeto da nossa reeleição, eu só tenho a agradecê-lo’’, disse o candidato pedetista.

 


Campanha de Gil Cutrim é elogiada por ribamarenses





Mais uma vez a campanha do prefeito peemedebista Gil Cutrim chama atenção de ribamarenses que vem comparecendo às caminhadas do candidato à reeleição. ‘’ Eles são muito organizados, isso eles são’’ afirmou o líder comunitário Ribamar, residente no bairro Tijupá Queimado.





A manicure Rosana Pinheiro da Vila Sarney Filho, foi outra eleitora que destacou a organização interna da campanha de Cutrim.’’ Eles passam uma imagem forte pra gente; de união e de organização, muita simpatia também, mas eu não sei se depois das eleições isso vai continuar, ai eu não sei ’’, disse a ribamarense.

 



Júlio Filho é saída para descontentes. Colaço quer ser alternativa






O card da disputa em torno da cadeira do Executivo Municipal da cidade balneária já começa a se acirrar. Mirando no filão dos descontentes (aqueles ribamarenses que ainda não foram contemplados com as políticas públicas do Governo) Júlio Filho e Arnaldo Colaço seguem o mesmo itinerário embora com discrepâncias e distinções de procedimento latentes. 




De um lado Júlio Filho vem se fortalecendo com um discurso esquerdista ameno e engajado, ganhando assim a confiança do eleitorado da cidade e a simpatia de eleitores peemedebistas. Do outro, Arnaldo Colaço empreende uma postura mais publicista e marqueteira repetindo Gil Cutrim em muitos momentos. Entre Colaço e Júlio Filho há Cutrim, mas entre Júlio Filho e Colaço, o último segue em disparada.
 



Grito de renovação na Câmara Municipal ecoa por todos os lados






Por todos os bairros e comunidades de São José de Ribamar a tendência à renovação na Câmara Municipal se faz ouvir. São reclamações que dão conta da ausência do Poder Legislativo em localidades e povoados ribamarenses há anos. Um hiato presente no dia a dia dos habitantes da cidade. 




A população do bairro Araçagi ilustra muito bem essa realidade ea revolta com a qual os habitantes do município veem os legisladores locais. A empresária Rita de Cássia assim se pronunciou. ‘’ Moro no Araçagi desde quando isso aqui foi fundado e não conheço nenhum vereador dessa cidade porque nenhum veio aqui até hoje’’, declarou em tom de constatação.



Já nos bairros Sede, Parque Vitória, Vila Tamer, Alto do Turú, Vila Sarney Filho, Maiobinhae Jardim Tropical (grandes redutos eleitorais do município) a opinião dos eleitores é a mesma. ‘’ Só estou conhecendo eles agora porque é tempo de eleição, nunca vi nenhum desses por aqui ouvindo nossas reclamações ou mesmo defendendo nossos direitos, para mim é preciso renovar essa Câmara e mudar essa situação’’, afirmou Joana Rodrigues, da Vila Tamer.





 
Ricardo Cabeça Branca já é o candidato mais bem avaliado do grupo oposicionista





O candidato a vereador Ricardo Cabeça Branca (PC do B) é o nome mais bem avaliado (do grupo oposicionista)perante a população ribamarense, segundo fontes ligadas à coligação São José de Ribamar Livre e Independente.



Ricardo Cabeça Branca: campanha reconhecida por toda São José de Ribamar


O reconhecimento se deu pelo fato de Ricardo muito antes de lançar-se candidato ter desenvolvimento um forte e consistente trabalho social no município, com especial atenção para o tratamento de dependentes químicos e valorização da Família na sociedade ribamarense. 



Ultimamente, o candidato vem ganhando adesão de dezenas de pessoas que tiveram acesso às 10 propostas de Ricardo Cabeça Branca para São José de Ribamar. A carta-proposta impressa em forma de folhetim contem todos os projetos de Ricardo a serem  postos em prática se o mesmo for eleito. Uma esperança que já mexe com a cabeça de centenas de jovens, adultos e até de crianças em São José de Ribamar. O blog indica.



 
Cutrim continua a desafiar ‘estrangeiros’



O candidato a vereador Cutrim(PC do B) anda ainda mais emblemático. Municiado por um carro de som que ‘cantarola’ a música da sua campanha aos quatro cantos do bairro Sede, o comunista intensifica as provocações na direção da Câmara Municipal diariamente e pergunta: quem ai é ribamarense? Na outra margem do discurso intencional, afirma: sou ribamarense e tenho compromisso com a minha cidade, candidato estrangeiro e de ‘panelinha’ aqui não’’, diz.



Cutrim segue assim como uma voz erigida nas eleições deste ano. Dono de um discurso premente e politicamente engajado o candidato já tem seu público eleitor como certo: aquele que de fato faz jus às premissas do Partido Comunista do Brasile pensa o município a partir de elevada exigência conceitual.




 
Trindade da Matinha emplaca músicas de campanha




O compositor popular e liderança comunitária do bairro Matinha, Trindade ou como é comumente chamado Trindade da Matinha continua trabalhando de forma genial na produção de jingles de campanha e spots publicitários para as eleições em São José de Ribamar.




Figura cativa no período eleitoral, Trindade juntamente com o Dj Flávio Chocolatesão responsáveis pelas  músicas da campanha de Júlio Filho a prefeito. A dupla mostra interação, cumplicidade e muito talento nas composições. Por mais passadiços que sejam,os jingles de candidaturas políticas tem um papel fundamental na quebra da rigidez política perante o eleitorado dando assim um toque de ludismo às campanhas.



 
Deusila conquista eleitores com jeito simples e propostas contundentes




A candidata Deusila do bairro Boa Viagem caiu na preferência do eleitorado daquela comunidade e de bairros vizinhos. Deusila, que é professora, vem mostrando de maneira simples e prática a forma com a qual os ribamarenses devem cobrar os seus direitos junto aos poderes públicos constituídos e como explanação tem exposto projetos para as áreas da Educação, Saúde, Infraestrutura, Cultura e Geração de Emprego e Renda. 



A candidata é um baluarte daquela região e vem gradativamente adquirindo o apoio espontâneo de famílias inteiras do Pindaí e adjacências. Deusila, sem dúvidas, seria uma grande vereadora (compromissada e idônea) a atuar na Câmara Municipal já em janeiro de 2013. O blog indica.





 
Aumento de número de vagas no Legislativo não chama atenção de candidatos




 O aumento de números de vagas no Legislativo Municipal não chamou atenção dos atuais candidatos a vereador na cidade. Com um acréscimo de seis cadeiras na Câmara, os postulantes parecem não se importar com a mudança que os beneficia. ’’ Pra quê entrar numa vaga nova se a população quer é a renovação das onze? ’’, Perguntou um candidato a vereador.  



A prova é que poucos ou raros mencionam as tais vagas enquanto que muitos vivenciam o desejo de renovação do atual quadro de vereadores que compõem a Casa Legislativa. ’’ O povo de Ribamar não aguenta mais vereador despreparado e sem opinião própria, que só faz a vontade de prefeito’’, afirmou uma candidata do PMDB.

 








Deferências Atallaianas






As deferências Atallaianas voltam para abraçar as irmãs Sara,Cláudia e Maryane na Vila J.  Lima, leitoras assíduas do Blog.



Grande retorno e saudações ao artista plástico Wendell Rocha, amigo deste editor e um dos mais prestigiados nomes da pintura produzida no Estado ainda na década de 90. E o melhor, Wendell é ribamarense. O artista estava em turnê pela Europa e expôs em países como Suíça e Holanda. 




Grande abraço nos amigos Jhony, Ronaldo, Guilherme, Daniele, João Carlos no bairro Panaquatira, amigos e fãs confessos deste colunista.


 
Um grande beijo na amiga Janeth do bairro Jardim Tropical e saudações aos queridos hermanos Paulo, Pedro Rangel e Luciano no mesmo bairro. Obrigado pela sempre presente audiência!




Um abraço terno e de reconhecimento impagável nos leitores de ANB Online dos seguintes bairros: Sede, Tijupá Queimado, Vila Operária, Araçagi, Cohatrac Novo, Vila Santa Teresinha, Jardim Tropical, Santa Maria, Quinta, Cidade Alta, Campina, Parque das Palmeiras, Bairro J. Câmara I e II, Vila Roseana Sarney, Vila Sarney Filho, Matinha, Mata, Jardim América, Bairro São Raimundo, Vila Nojosa, Boa Viagem, Panaquatira, Itaguará, São José dos Índios, Cidade Operária, Ubatuba, Maiobinha, Vila Kiane, Alto do Turú e Alto do Itapiracó. O meu muito obrigado pela assídua audiência de todos os dias. Por hoje é só. Boa leitura e que Deus nos abençoe a todos!






O convencimento forçado

 


A grande maioria dos candidatos a vereador em São José de Ribamar tenta mostrar ao eleitor que é ribamarense e seus representantes nascidos no município. Ao contrário do que pregam, os candidatos vem de outras cidades e buscam tão somente eleger-se tomando para si a cara nativa do local



 
Por FernandoAtallaia
Da Agência Baluarte


 

''Sou ribamarense''. A frase proferida em alto e bom som é um apelo e tanto para quem quer a todo custo convencer o eleitor a votar num candidato genuinamente ribamarense, nascido na cidade e com residência fixa no município há anos. Afirmar que é candidato em São José de Ribamar porque é ribamarense tem se tornado uma regra entre a grande maioria dos candidatos a vereador na cidade ao longo dos anos. E a prefeito também. Na prática, a realidade é outra.




Grande parte dos candidatos a vereador nestas eleições não nasceu em São José de Ribamar nem tampouco tem uma história no município. Vem de outras cidades e aqui se instalou visando ocupar os cargos públicos disponibilizados pela generosa cidade balneária. A constatação cabe também aos candidatos a prefeito. Arnaldo Colaço do PSB, por exemplo, é da longínqua Matões. Já Júlio Filho é ludovicense e o candidato do PMDB Gil Cutrim mesmo admitindo-se ribamarense é também de São Luís. 





           
 
 Elisabeth Malheiros: ela é de São Luís
                                                     

Os atuais vereadores que concorrem à reeleição não são exceções. Beto das Vilas é de Humberto de Campos; Negão da cidade de Axixá; Nonato Lima é da capital São Luís; Artuzinho de Icatu; Elisabeth Malheiros é de São Luís; Lázaro de Coroatá; Djalma de São Luís; Marlene Monroe de Icatu; Zé Lima de São Luís; Henrique Queen também de São Luís e entre os novos candidatos a situação é semelhante. Os candidatos Lindoso e Daniela Maciel são também  naturalizados ludovicences, sendo ambos de São Luís.





Os dados fornecidos pelo Tribunal Superior Eleitoral-TSE exemplificam a paisagem apócrifa sustentada pelos candidatos na cidade e levada adiante por seus correligionários e assessores. ''Eu preferia que eles falassem a verdade em vez de ficar mentindo dizendo que são de São José de Ribamar'', contestou a secretária executiva Lúcia Santana, moradora do bairro Araçagi. 




 
Os candidatos, por sua vez, rebatem as críticas dos ribamarenses apoiando-se num certo patriotismo de adoção. ''Adotei essa cidade como minha e aqui estou para lutar pelo povo, sou ribamarense de coração'', afirmou certa vez um vereador de mandato. O discurso recheado de floreios parece não atingir o alvo: o eleitor ribamarense anda ultimamente buscando a verdade dos fatos e vivenciando as eleições municipais como em nenhum outro momento na história do município. E busca além de autenticidade nos candidatos a certeza de que não será enganado (como mentecapto) com falácias tão óbvias e risíveis.


IPVA 2017

Pesquisar em ANB

Nº de visitas

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 9164 10 67

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores

Parceiros ANB