sexta-feira, 13 de julho de 2012




Ministério Público impugna candidatura de Miguel Lauand






Do Blog do Robert Lobato





A coisa ficou feia para o candidato a prefeito de Itapecuru-Mirim, Miguel Laund (DEM), candidato oficial do atual gestor da cidade e presidente da Famem, Júnior Marreca.





O Ministério Público Estadual, através do promotor de Justiça, Luis Eduardo Souza e Silva, e a coligação Frente popular de Itapecuru e o PRTB/PSL, ingressaram com Ação de Impugnação do Pedido de Registro de Candidatura contra Lauande, que teve as suas contas do exercício financeiro de 2005 julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão(TCE).



Lauande: impugnação pelo Ministério Público



O ex-prefeito teve o seu nome incluído recententemente na lista do Tribunal de Contas do Estado (TCE), em razão de Prestação de Conta rejeitada quando gestor municipal.




Na decisão do TCE, Miguel Lauande teve as contas de governo desaprovadas refentes ao exercício 2002, tendo o acórdão transitado em julgado em 05/01/2007.



Sujou!


Veja a relação de candidatos impugnados em Itapecuru-Mirim:




 

 

Cassado, Demóstenes perde R$ 48 mil por mês e direitos políticos por oito anos





Da Folha Online




Cassado pelo plenário do Senado nesta quarta-feira (11), Demóstenes Torres (DEM-GO) vai perder muito mais do que o seu mandato.




A cassação implica na perda de seus direitos políticos por oito anos, tempo em que fica impedido de concorrer a cargos públicos. O ex-líder do DEM ficará inelegível até 2027 (oito após o término da legislatura para o qual foi eleito), quando terá 66 anos.




Ex-senador Demóstenes Torres dando adeus ao dinheiro público



Demóstenes também perde cerca de R$ 48 mil em benefícios que recebia mensalmente como senador.






O valor calculado desconsidera os valores da cota semanal de combustível de 125 litros de gasolina ou 180 litros de álcool, o valor de cinco passagens aéreas por mês, de ida e volta entre Brasília e o Estado de origem do Senador, e o valor ilimitado de gastos com telefone celular e despesas médicas.





Benefícios recebidos em dinheiro:


Salário – R$ 26.723,13
Auxílio-Moradia – R$ 3.800,00
Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar dos Senadores – R$ 15.000,00
Atendimento odontológico e psicoterápico – R$ 25.998,96 por ano
Telefone fixo – R$ 500,00
Gráfica – R$ 8.500 por ano
Telefone celular – ilimitado
Correios – verba mínima para 4 mil correspondências
Passagens áreas – valor de cinco passagens aéreas por mês, de ida e volta entre Brasília e a cidade de origem do senador. O valor pode variar de R$ 6 mil a R$ 23 mil


Outros benefícios Passaporte especial diplomático

Revistas e jornais – assinatura de duas revistas e quatro jornais

 

 

 

 

 

Industrialização do caranguejo-uçá no Delta do Parnaíba

 é viável, constata projeto piloto da Codevasf




A exploração sustentável do caranguejo-uçá no Delta do Parnaíba – região que é a principal produtora de crustáceos do Nordeste do Brasil – é viável, e a industrialização do produto, com aplicação de tecnologia brasileira e chilena, poderá agregar valor à atividade praticada por mais de 4,5 mil catadores que vivem da captura e comercialização de cerca de 20 milhões de unidades por ano na divisa dos estados do Maranhão e do Piauí.
           

 Os estudos e as ações que estão sendo desenvolvidos pela Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba), junto com outros parceiros, desde 2006, com vistas à estruturação e à sustentabilidade desta importante atividade produtiva extrativista estão reunidos na publicação “Industrialização do caranguejo-uçá do Delta do Parnaíba”, que será lançada na Feira da Micro e Pequena Empresa (Fepeme), em Parnaíba (PI), que acontece de 18 a 22 de julho.


A publicação descreve, por exemplo, os experimentos que levaram à criação de nove produtos à base de caranguejo-uçá, os quais foram submetidos a testes laboratoriais, sensoriais e de aceitabilidade do paladar de mais de 300 consumidores em restaurantes de Parnaíba e Teresina (PI), Fortaleza (CE) e Recife (PE). 


De acordo com o engenheiro de pesca Albert Bartolomeu Rosa, técnico da Codevasf e coordenador do projeto, ficou demonstrado que a industrialização do caranguejo-uçá é altamente viável. “Os produtos desenvolvidos no projeto piloto apresentam grande possibilidade de ampliação de mercado para o caranguejo-uçá para além das cidades litorâneas próximas às áreas de produção, e que não se restrinjam apenas a patinhas, casquinha e caranguejos inteiros”, observa.



 O “Projeto piloto de industrialização do caranguejo-uçá no território da planície litorânea do Parnaíba, nos estados do Piauí e do Maranhão” contou com recursos do Ministério da Integração Nacional, por meio da Secretaria de Programas Regionais, tendo como um dos executores o Instituto Ambiental Brasil Sustentável (IABS) e mais uma parceria firmada entre a Codevasf, a Fundação de Educação, Cultura e Desenvolvimento Tecnológico (Fundetec) e a Secom Aquicultura, Indústria e Comércio S.A, localizada em Luís Correia (PI) - que disponibilizou seu frigorífico e adaptou suas instalações para o desenvolvimento de tecnologia de industrialização de caranguejo.



Atendendo a rígidos padrões higiênico-sanitários exigidos pelo Serviço de Inspeção Federal (SIF), foram elaborados nove produtos à base de caranguejo-uçá e submetidos a testes laboratoriais, sensoriais e de aceitabilidade com consumidores.




 Os catadores, que também participaram e apoiaram o projeto piloto, consideram a iniciativa de grande importância para a atividade que realizam. “Nós, como coletores da espécie, aprendemos a cuidar e a valorizar o produto. Por exemplo, não catando os caranguejos pequenos, nem as fêmeas. Isso vai ajudar a manter a nossa fonte de renda. Não queremos que aconteça aqui, como em outros lugares, a extinção do caranguejo. Esse estudo nos alerta para nossa própria sobrevivência”, explica o catador Marcos Antonio Costa.









Matéria enviada por Assessoria de Comunicação da Codevasf-Governo Federal.
MP impugna candidatos a prefeito de Chapadinha, Pirapemas e Peritoró



Do MPE



O Ministério Público Eleitoral ingressou com Ação de Impugnação do Pedido de Registro de Candidatura contra o candidato a prefeito de Chapadinha, deputado estadual Magno Bacelar (PV), que teve as suas contas do exercício financeiro de 2005 julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão(TCE). No período de 2005 a 2008, o impugnado exerceu o cargo de prefeito do município.



Pela decisão do TCE, de janeiro de 2009, Magno Bacelar foi condenado a ressarcir ao erário municipal a importância de R$ 25.195, além de multas em valor acima de R$ 12 mil.



Na Ação de Impugnação, o promotor eleitoral Douglas Assunção Nojosa frisa que, após diversos recursos encaminhados pelo ex-prefeito, “as decisões emanadas do Tribunal de Contas do Maranhão transitaram em julgado no dia 14 de novembro de 2011”, conforme certidão do próprio órgão.



Apropriação do dinheiro do povo são algumas das causas das impugnações


No processo que desaprovou as contas de Magno Bacelar constam diversas irregularidades, como inaplicação das quantias mínimas estabelecidas pela lei do Fundeb; violação de procedimentos licitatórios; dispensa indevida de tomada de preços; pagamento indevido de despesa com serviço público e com obras de engenharia não executados, entre outras.





PIRAPEMAS





O Ministério Público Eleitoral também ingressou com impugnação contra as candidaturas de Selma Pontes e Eliseu Moura à Prefeitura de Pirapemas.



No caso de Selma Pontes, a impugnação deve-se ao fato de a candidata quando no exercício do mesmo cargo de prefeita de Pirapemas, em 2005, ter tido suas contas rejeitadas pelo TCE e pela Câmara Municipal.



Adversário de Selma Pontes, o também ex-prefeito Eliseu Moura igualmente teve seu pedido de candidatura impugnado pelo Ministério Público, em razão da desaprovação de suas contas pelo Tribunal de Contas da União, conforme acórdão 371/2010.




Em ambos os casos, a impugnação foi interposta pelo promotor de Justiça Marco Aurélio Ramos Fonseca.







PERITORÓ





Em Peritoró, o MPE impugnou junto à Justiça Eleitoral a candidatura de Josias Lima Oliveira, ex-prefeito, que pretende voltar ao cargo nas próximas eleições. O motivo da impugnação foi a desaprovação das suas contas referentes aos exercícios financeiros de 2005 e 2006 pelo TCE.



Já a candidata Joana da Amovelar também teve a candidatura impugnada pelo Ministério Público em decorrência de ser esposa do atual prefeito do Município de Coroatá, do qual Peritoró é termo judiciário e contíguo a este.




O representante do MP justifica sua tese por considerar a candidatura da impugnada um artifício para perpetuar a família no poder local. “Sua eventual eleição à condição de prefeito, cujo passo primeiro é o registro de candidatura para tal fim, se configura em verdadeira perpetuação no poder de um clã ou núcleo familiar, o que é vedado pelo inspiração do legislador constitucional”.

 

Juliana Cavalcante é eleita a Miss Maranhão 2012


A jovem, estudante de Direito, foi a grande vencedora do evento.



Do Imirante





SÃO LUÍS – Simpatia. Elegância. Charme. Carisma. A beleza, aliada a tais características, é só mais um elemento. Prova disso foi que, com todos estes atributos citados, Juliana Cavalcante foi a grande vencedora do Concurso Miss Maranhão 2012. O concurso estadual, que reuniu dez lindas jovens, foi realizado nesta quinta (12), no Teatro Arthur Azevedo (TAA).





A estudante Juliana Cavalcante é a Miss Maranhão 2012



“Eu pretendo representar muito bem o meu Estado”, afirmou a grande vencedora. Mas a vitória de Juliana não foi tão fácil. Ela teve de superar outras dezenas de candidatas que ambicionavam se tornar Miss Maranhão. Após uma longa jornada, a estudante de direito chegou à grande final concorrendo com outras cinco belíssimas garotas. Perguntada se esperava a premiação, Juliana foi direto ao ponto. “Eu esperava sim, porque me dediquei muito, trabalhei e ensaiei bastante”, afirmou.




Com o resultado, Juliana Cavalcante é a nova representante do Estado do Maranhão no Miss Brasil, que ocorre em setembro, em São Paulo (sem data definida).




Com o título de Miss São Luís e na segunda colocação, ficou a linda universitária Carliene Martins. Já a Miss Beleza 2010 foi Asieli Rocha, e a Miss Simpatia foi Nicely Carvalho.
13 de julho: Dia Mundial do Rock







Jornal do Brasil

Reinaldo Paes Barreto






Rock and Roll (também escrito Rock n' Roll) é um gênero de música que emergiu como "atitude" jovem no sul dos Estados Unidos, durante a década de 50. E, rapidamente, se espalhou pelo mundo.
Embora a tradução literal seja algo como “deite e role”, há uma evidente conotação sexual e até libidinosa nessa expressão composta. É bom não esquecer que os puritanos chamavam o seu símbolo máximo, Elvis Presley, de Elvis Pélvis. Porque tanto "rock" quanto "roll", na gíria dos negros americanos, significa trepar.




A segunda explicação, que completa a primeira, vem de um provérbio inglês que dizia "pedra que rola não cria musgo". Isso foi retomado na década de 50 numa letra de música de outro blueseiro, Muddy Waters, para culminar com a criação da marca do grupo de Bob Dylan: Rolling Stones.



Bob Dylan: ele ajudou a fortalecer o gênero em todo o mundo


Origem: em 1952, o produtor Alan Freed batizou o seu programa de “Moondgo's Rock'n'Roll Party”, o que acabou definindo a expressão como designativa desse tipo específico de música.
Foi o próprio Freed, aliás, quem organizou o primeiro concerto de rock & roll (1953), ocasião em que apareceram mais de 30 mil pessoas num local com capacidade para no máximo 10 mil, o que tornou o evento inviável, sendo cancelado. Nesse mesmo ano, o concerto foi reorganizado e acabou se transformando num grande sucesso, com participação de Big Joe Turner, Fats Domino, The Moonglows e The Drifters.





Na platéria, mais de dois terços da audiência era composta por jovens brancos, o que provava a atração da juventude dessa década pela música negra.







Em 1956, surgia o primeiro grande fenômeno mundial do Rock: Bill Haley e Seus Cometas.





Primeiro grande sucesso fonográfico da história do Rock,  Bill Haley e Seus Cometas alcançaram o topo das paradas




O rock n' roll nasceu, portanto, da mistura de três gêneros musicais distintos da música americana: blues, country e jazz. E o seu intérprete mais emblemático foi Elvis Presley, que juntou a estes gêneros a música gospel que ele ouvia na igreja de sua pequena cidade – Memphis.






Os instrumentos musicais utilizados numa banda clássica de rock são a guitarra elétrica, o baixo, a bateria, e muitas vezes um piano ou teclado, embora no início, o principal instrumento tenha sido o saxofone.





Elvis nasceu nas circunstâncias mais humildes, em uma casa de dois quartos em Tupelo, Mississipi, no dia 8 de janeiro de 1935. Seu irmão gêmeo, Jessie Garon, nasceu morto, e Elvis cresceu como filho único. Ele e seus pais se mudaram para Memphis, Tennessee em 1948, e Elvis lá se formou na Humes High School em 1953. E em 1954, iniciou sua carreira musical no lendário selo da Sun Records.





No fim de 1955, seu contrato foi vendido para RCA Victor. Em 1956, ele era uma sensação internacional. Com um som e estilo que unicamente combinavam suas diversificadas influências e confundiam e desafiavam as barreiras racias da época, ele conduziu uma nova era da música e cultura pop Americana.





Ele estrelou 33 filmes de sucesso, fez história com suas aparições na televisão e especiais, e foi muito aclamado por suas apresentações que frequentemente quebravam recordes, durante as suas turnês.
Chegou a vender mais de um bilhão de discos, conquista rara de ser alcançada mesmo hoje em dia, o que lhe garantiraram prêmios de ouro, platina e multiplatina, por seus 149 álbuns. Muito além do que qualquer outro artista do seu tempo. Entre esses muitos prêmios, estão 14 indicações ao Grammy (sendo que Elvis levou três prêmios) da National Academy of Recording Arts & Sciences, o prêmio Grammy por sua obra, que recebeu aos 36 anos, e a consagração como um dos 10 Jovens Homens Mais Proeminentes da Nação, em 1970.




Elvis: um dos reis do Rock, a memória do artista não morreu




Mesmo assim essa “lenda viva” da juventude do mundo foi convocada pelo Exército dos EUA e serviu sem nenhum dos privilégios que seu status de celebridade poderia ter facilitado.
Mas voltou alterado. A fama, a tendência à obesidade mórbida, a ruína do seu casamento, tudo conspirou para torná-lo um dependendo de remédios, com alta taxa de depressão.




Elvis morreu em sua casa, em Memphis, Graceland, em 16 de agosto de 1977.
Gordo e doente: mas a sua imagem continua viva e virou uma legenda, como ocorreu com o sebastianismo, com Gardel e com James Dean.





 Há fãs inconsolados que juram que tê-lo visto em Itaipava, ou Lisboa, ou na Carolina do Norte...




Ou no céu.

Nº de visitas

Confira a Hora Certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores