quinta-feira, 21 de junho de 2012




Roseana quer todos na Cadeia






Do blog do Luís Pablo






Roseana Sarney deu o recado ontem para o secretário Aluísio Mendes (Segurança): “quero todos os criminosos que tiram do contribuinte e do dinheiro público na cadeia”.





E mais: disse que a polícia continuará investigando todos aqueles que forem responsáveis pelo crime do jornalista Décio Sá.




Governadora Roseana Sarney: a ordem é botar todos os envolvidos na cadeia




Pra a governadora do Maranhão, a polícia tem que “apertar ainda mais as investigações” para conseguir desbaratar essa quadrilha de agiotas que há anos vem furtando os cofres públicos do Estado.






Roseana disse, ainda, que não quer chegar apenas aos mandantes do assassinato de Décio Sá, mas, também, aos agiotas, prefeitos e quem tiver atrelado com a quadrilha atrás das grades.





A segunda fase das investigações da “Operação Detonando” ainda vai dar muito o que falar. Anotem!



Uma vez traíra sempre trairá







Por Ronald Abreu

Do blog Giro 77






Ontem, por volta das 19:00 horas o Vereador Almeida, O TRAÍRA, voltou a desafiar mais uma vez o Deputado Federal Pinto da Itamaraty dizendo: Tucano de Bico Grande em PAÇO DO LUMIAR sou Eu e não PINTO.

Todos os pré-candidatos tucano Luminense que se fizeram presente ontem na residência do Vereador Traíra, foram pegos de surpresa pela fala desrespeitosa ao deputado Pinto, Isso aconteceu logo após ele receber uma ligação em seu celular pedindo que ninguém se preocupasse... Porque agora ele não estava mais de baixo de asa de um pinto, sim de gavião. assim ironizou.


Vamos aqui lembrar um pouco da trajetória política desse traíra travestido de vereador.



Vereador Almeida: acusado por grande parte da população luminense de 'trairagem'




O que ninguém consegue esquecer foi às inúmeras vezes em que o professor Josemar, em sua velha Toyota Hilux, chegava à casa de Almeida e o apanhava e o levava para a zona rural de Paço do Lumiar, na intenção de eleger aquele velho amigo e torná-lo um vereador comprometido com as causas do povo luminense.




Em 2004, com a ajuda do professor Josemar, e tendo pouco mais de 300 votos, Almeida conseguiu se eleger vereador de Paço do Lumiar.



O clima político começa esquentar, em todas as alas Luminenses.
Daquele momento, até as eleições de 2008, Almeida se manteve alinhado ao projeto político do professor Josemar, afinal, ele tinha plena convicção que Josemar seria o prefeito e assim se tornaria presidente da Câmara Municipal.




Acontece que Josemar perdeu as eleições para a corrupção dos Arosos e Almeida, mais uma vez com a ajuda do professor Josemar, conseguiu se eleger vereador. Depois de eleito pela segunda vez, Almeida tomou uma atitude jamais esperada. Ele simplesmente virou as costas e abandonou o professor Josemar, aquele que tanto o ajudou.












Essa atitude revoltou todos aqueles que acompanham a trajetória política do professor Josemar.
 
 
 

Almeida, desde então, se tornou amigo fiel e defensor da prefeita Bia, de seu marido Amadeu Aroso e do filho Thiago Aroso e agora de Adriano Sarney Aroso.
 
 
 
Certa vez, Josemar chegou a comentar com alguns amigos: “não acreditava no que Almeida tinha feito com ele, pois o considerava um grande amigo”.
 
 
 
Como se vê, a ânsia pelo poder lhe subiu a cabeça, e logo se transformou em um sujeito mesquinho, ingrato e infiel, em fim, um Judas Escariotes.
 
 
 
Almeida chegou ao absurdo de dizer em uma entrevista ao programa maranhão TV, que: “o governo de Bia era referência nacional, que Paço do Lumiar era um verdadeiro canteiro de obras”.
 
 
Isso, para todos, foi o cúmulo...
 
 
 
Espero que após o fim de sua carreira política em 2012, o vereador Almeida aprenda a reconhecer e agradecer o bem que as pessoas lhe proporcionarem, pois a gratidão e a fidelidade são virtudes que devem pautar a vida de qualquer ser humano.
 
 
 
Ao Deputado pinto da Itamaraty aqui vai um aviso.
 
 
 
Muito cuidado com essa Traíra travestido de Tucano!




Júnior Bolinha e seus infortúnios






Do blog do Luís Cardoso








Empresário representante das bandeiras da Cerpa e Coca Cola, José Raimundo Chaves Júnior, Júnior Bolinha, 38 anos, como era mais conhecido, foi ativo colaborador das campanhas eleitorais de Roseana Sarney, de 2006 e 2010, em São Luís e também na região de Santa Inês.
 
 
 
 
Na última, atuou como cabo eleitoral dos senadores João Alberto e Edson Lobão. Mas isto não significa dizer que nenhum dos três políticos sabiam das atividades criminosas do elemento envolvido na morte do jornalista Décio Sá.
Quando saiu da capital para Santa Inês, Júnior Bolinha estava “quebrado”, como se diz no jargão financeiro. Em São Luís ele teve loja de revenda de veículos.
 
 
 
Na cidade de Ribamar Alves e Robert Bringel ele deu sorte e azar ao mesmo tempo. Foi alí que iniciou uma nova carreira empresarial, trabalhando inicialmente para o prefeito Bringel na coleta de lixo.
Júnior Bolinha  um dos participantes do assassinato de Décio Sá




Júnior 'Bolinha': mandante do assassinato do blogueiro Décio Sá, ele agora está preso e enjaulado
 
 
 
 
Começou com três “giricos”, pequenos tratores pula-pula que faziam o recolhimento do lixo. Dizem que em sociedade oculta com um parente da deputada Vianey Bringel.Neste mesmo período, ele obteve as bandeiras da coca e da cerpa, dando um salto extraordinário na vida empresarial.
 
 
 
No ramo da coleta de lixo se consolidou depois que adquiriu em Parnaíba três caminhões compactadores de um enrolado sobrinho do ex-governador piauense, Mão Santa. Em seguida montou uma empresa de reciclagem do lixo.
Ao lado da nova empresa construiu uma mansão com piscina. Era neste local onde dava festas para autoridades políticas e policiais, sempre levando garotas da capital para abrilhantarem as farras. Por lá passaram diversos deputados estaduais, prefeitos, coronéis, major e delegados.
 
 
 
 
Foi lá em Santa Inês que veio o infortúnio, quando a veia da bandidagem falou mais alto. Júnior Bolinha entrou para o perigoso ramo de aluguel de tratores roubados. Em dos casos foi denunciado pelo jornalista Décio Sá.
 
 
 
 
Depois disso perdeu a bandeira do refrigerante de maior venda do mundo e começou a se envolver com a pistolagem, sempre atuando como agenciador, além de ser meter com o ramo da agiotagem.
 
 
 
 
Hoje, Júnior Bolinha permanece preso em uma das celas de uma delegacia em São Luís, onde cumpre prisão por envolvimento no assassinato do jornalista Décio Sá.


Raimundo Cutrim refuta acusação de que seria mandante do assassinato de Décio Sá



Deputado não nega relações com 'Júnior Bolinha' e defende investigação mais aprofundada no caso



Do Imirante



SÃO LUÍS – O deputado Raimundo Cutrim (PSD) refutou, em entrevista à rádio Mirante AM na manhã desta quinta-feira (21), a acusação de que seria um dos mandantes do assassinato do jornalista de O Estado do Maranhão, Décio Sá. A acusação foi feira por Jhonatan Silva, assassino confesso de Décio Sá, durante um depoimento de sete horas prestado no dia 9 de junho. Ele defende que haja uma investigação mais aprofundada sobre o caso.


Deputado Raimundo Cutrim: citado em depoimento de matador do blogueiro, essa alegria pode evaporar a qualquer momento




"Eu sou a pessoa mais interessada, agora, em esclarecer os fatos. Eu sou um homem público, tenho o Estado todo para dar satisfações, minha família e meus amigos. Eu sou um homem que tem a vida limpa", afirmou o deputado. Cutrim revelou que conheceu "Júnior Bolinha", de quem teria alugado máquinas para um trabalho a ser feito em um sítio de propriedade do deputado. "Júnior Bolinha" é citado no depoimento como quem teria afirmado que Raimundo Cutrim e Gláucio Alencar seriam os principais mandantes do crime.





Raimundo Cutrim se colocou à disposição da Polícia e do Poder Judiciário, além de abrir mão do sigilo bancário e telefônico. "Quero que o Ministério Público acompanhe. Faça um sério e que a verdade reinará no final", enfatiza.




Durante a entrevista o Raimundo Cutrim assumiu ter divergência com o atual secretário Aluisio Mendes e fez elogios a Polícia do Maranhão. "Eu tenho minhas diferenças com o atual secretário. Isso é público e notório. Mas, a polícia do Maranhão tem os melhores delegados do Maranhão. Todos formados pela Academia da Polícia Federal", declarou.





Lobão diz que Dilma quer colocá-lo na presidência do Senado





Marcos Chagas
Agência Brasil





O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, informou na última terça-feira (19) durante um evento paralelo à Conferência das Nações Unidas, Rio+20, que a presidenta Dilma Rousseff o quer de volta ao Senado e como presidente da Casa.




“Saí da cadeira de senador e voltaria como presidente. É claro que é positivo” disse antes de afirmar que só sai do ministério por ordem de Dilma.




Lobão participou nesta manhã da abertura do evento Energias Renováveis para o Desenvolvimento Sustentável, no Forte de Copacabana, zona sul do Rio.


Ministro Edson Lobão: de olho na presidência do Senado




Ministro desde 2008, na gestão de Luiz Inácio Lula da Silva, Lobão é senador pelo PMDB. O atual presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), encerra seu mandato em fevereiro de 2013. Caberá ao PMDB, maior bancada na Casa, a escolha do sucessor de Sarney que, em diversos pronunciamentos, já disse que este será seu último mandato.





O regimento interno define que cabe ao partido com o maior número de senadores eleitos no último pleito a escolha para o cargo. O PMDB tem 20 senadores.





Em geral, a bancada peemedebista deixa para o início de dezembro as discussões internas do nome que será indicado para a presidência do Senado. Quando não consegue a unanimidade da bancada, os senadores peemedebistas colocam em votação os nomes apresentados como postulantes.









Com informações de ANB Online.

Nº de visitas

Confira a hora certa!

Central de Atendimento

FAÇA PARTE DA EQUIPE DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS BALUARTE

Denúncias, Sugestões, Pautas e Reclamações, ligue:
(98) 9 8767-7101

E-mail:
agencia.baluarte@hotmail.com

atallaia.baluarte@hotmail.com


Sua participação é imprescindível!

Nossos Seguidores